Q

Previsão do tempo

16° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 20° C
16° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 20° C
16° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 21° C
  • Friday 21° C

Todos os caldenses vão ter médico de família em 2012

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
No ano de 2012 todos os caldenses vão ter médico de família. Esta é a garantia da directora do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Oeste Norte. Teresa Luciano revelou que esta solução se deve à gestão de meios nas Unidades de Saúde Familiar (USF) e Centros de Saúde. “A USF de Tornada a […]
Todos os caldenses vão ter médico de família em 2012

No ano de 2012 todos os caldenses vão ter médico de família. Esta é a garantia da directora do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Oeste Norte. Teresa Luciano revelou que esta solução se deve à gestão de meios nas Unidades de Saúde Familiar (USF) e Centros de Saúde. “A USF de Tornada a partir de 1 de Janeiro de 2012 vai ter mais profissionais de saúde. Passa de seis para oito médicos e o número de enfermeiros e administrativos também aumenta”, anunciou. “Vai ter um pólo que se chama Salir de Matos e que vai albergar dois médicos novos e uma equipa. Isto significa que nesta localidade o número de utentes passará para quatro mil”, explicou a presidente do ACES. “Com esta medida, temos mais quatro mil utentes que integram a USF’s e que vão ter horários de funcionamento alargado das 8h às 20h com os cuidados todos a que têm direito”, reforçou Teresa Luciano. “Os utentes que fazem parte desta lista estavam na lista de Salir de Matos e os restantes utentes são aqueles que não tinham médico de família por força dos clínicos se terem aposentado. Estamos a enviar cartas para essas pessoas a perguntar-lhes se querem ir para Salir de Matos e assim ter médico”, disse. Teresa Luciano explicou também que “os utentes têm o direito de decidir se querem ficar na sede, nas Caldas ou se querem ir para Salir de Matos. Se aceitarem a proposta ficam com médico e se não aceitarem vão para Tornada”. Deste modo os utentes do concelho das Caldas sem médico “são um número ínfimo. As Caldas deixa de ter utentes sem médico a partir de 13 de Janeiro. Neste momento existem 1500 pessoas que não têm médico. Não houve contratação de novos médicos, mas antes uma gestão de recursos, e também existem duas médicas que eram internas e que acabaram a especialidade e estão a concurso para ficarem no quadro efectivo das Caldas e depois poderão receber uma lista de utentes”. Teresa Luciano considera que mesmo aqueles que não queiram ir para Salir ficarão numa lista onde deverão ser integrados nas USF’s da cidade, com a saída de alguns utentes dessas listas. Com esta medida, “há uma grande probabilidade das Caldas ficar sem lista de espera de utentes sem médico de família”. Outra novidade para o primeiro trimestre de 2012 é a USF Bordalo Pinheiro, que vai passar a ter mais um médico, ou seja, passa de oito para nove clínicos, logo, ficará com mais 1800 a 1900 utentes com médico. Carlos Barroso

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Bombarral com teleassistência e monitorização

O Município do Bombarral vai firmar um protocolo de cooperação com a GNR com vista à implementação do programa “eGuard – Sistema de Teleassistência e Monitorização”.

Opticaldas renovou imagem

A Opticaldas, a funcionar há cerca de três décadas em Caldas da Rainha, renovou o espaço com o intuito de criar mais conforto para a equipa e clientes. Preocupada com o meio ambiente, adotou práticas voltadas para a sustentabilidade. O “ambiente familiar” e a “proximidade com o cliente” são um dos fatores diferenciadores da Opticaldas, que apresenta uma nova imagem.

Opticaldas 1