Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 26° C
15° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 27° C
16° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 30° C

Unidade Local de Saúde do Oeste conclui projetos de qualidade e de desmaterialização

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A Unidade Local de Saúde do Oeste (ULSO) anunciou que, no âmbito de candidaturas aprovadas ao Sistema de Apoio à Transformação Digital da Administração Pública (SAMA), foram concluídos diversos projetos de transformação digital e de qualidade, envolvendo um financiamento total superior a dois milhões de euros.

A Unidade Local de Saúde do Oeste (ULSO) anunciou que, no âmbito de candidaturas aprovadas ao Sistema de Apoio à Transformação Digital da Administração Pública (SAMA), foram concluídos diversos projetos de transformação digital e de qualidade, envolvendo um financiamento total superior a dois milhões de euros.

A ULSO agrega, desde 1 de janeiro, numa única entidade, o Centro Hospitalar do Oeste, o Agrupamento de Centros de Saúde do Oeste Norte e o Agrupamento de Centros de Saúde do Oeste Sul, integrando os concelhos de Caldas da Rainha, Óbidos, Bombarral, Peniche, Lourinhã, Cadaval, Torres Vedras, Sobral Monte Agraço. A população da área geográfica de influência direta é de 235.231 residentes.

Entre os projetos implementados está o CHOeste 4all, que incidiu na modernização da prestação de cuidados, como a desmaterialização do processo clínico nas especialidades da cardiologia e otorrino, induzindo uma melhoria no desempenho organizacional e na capacidade de resposta às necessidades dos cidadãos.

A transformação digital, a redução de custos de contexto e a qualificação da prestação do serviço público, foram os objetivos a alcançar através da implementação de um conjunto de outros projetos, tais como disaster recovery e virtualização de ambientes, com um investimento total de 603 881,63€.

O +CHO foi outro projeto na senda da melhoria da qualidade, com implementação das metodologias LEAN e a aplicação de Metodologia de Avaliação da Satisfação de Utentes, com um investimento total de 142 860,34€.

O CHONNECT teve quatro grandes eixos de intervenção: Gestão do Bloco Operatório (Consumos); Gestão de Stocks; Gestão de Camas do Internamento e Upgrade Funcionalidades VNA – melhoria workflows dos Departamentos Clínicos. A implementação desta operação visou a implementação de soluções de otimização da utilização dos recursos e desmaterialização, mediante a disponibilização de ferramentas de gestão interna dos serviços de aprovisionamento, bloco operatório e internamento, com um investimento total de 691 490,97€.

Por último, o CHOESTE Sem Papel visou desmaterializar, integrar, transformar e racionalizar digitalmente processos, com o objetivo de melhorar a eficiência, eficácia e aumento da qualidade dos serviços para os utentes, tendo ainda impacto em termos de redução de custos e tempo de resposta em áreas clínicas como a anestesiologia e consulta da dor, ginecologia/obstetrícia, cardiologia, pneumologia, segurança transfusional, dietética, medicamento e termos de responsabilidade, com um investimento total de 612 669,95€.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Hóquei em patins no Pavilhão da Mata

No passado sábado o hóquei em patins regressou às Caldas da Rainha e ao Pavilhão Municipal da Mata para a 9ª e penúltima jornada do Campeonato Nacional de Masters +35 da época 23/24.

hoquei

Recolha e troca de brinquedos

No dia 1 de junho a associação sem fins lucrativos Ajudouro vai realizar uma festa de oferta, recolha e troca de brinquedos em segunda mão, no espaço Leonel Miranda, no Bairro da Ponte, cedido pela União de Freguesias de Santo Onofre e Serra do Bouro, onde irá haver espaço para as crianças brincarem.

brinquedos