Q

Previsão do tempo

18° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 24° C
18° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 26° C
  • Saturday 25° C
20° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 28° C
  • Saturday 27° C

Jornadas de Empreendedorismo do Instituto Politécnico de Leiria

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Inserida nas Jornadas de Empreendedorismo, organizadas pelo Instituto Politécnico de Leiria (IPL), a Associação Nacional de Jovens Formadores e Docentes (FORDOC) apresentou no passado dia 14, em Leiria, um workshop sob o tema “O perfil do empreendedor”. Destinado à comunidade académica do instituto, esta iniciativa visou, essencialmente, disponibilizar informação e esclarecimentos capazes de contribuir para […]
Jornadas de Empreendedorismo do Instituto Politécnico de Leiria

Inserida nas Jornadas de Empreendedorismo, organizadas pelo Instituto Politécnico de Leiria (IPL), a Associação Nacional de Jovens Formadores e Docentes (FORDOC) apresentou no passado dia 14, em Leiria, um workshop sob o tema “O perfil do empreendedor”. Destinado à comunidade académica do instituto, esta iniciativa visou, essencialmente, disponibilizar informação e esclarecimentos capazes de contribuir para sensibilizar os presentes para a necessidade de desenvolvimento de uma atitude mais empreendedora, quer venham a trabalhar por conta própria ou por conta de outrem, com vista a uma melhor futura integração no mercado de trabalho. Para Paulo Antunes, presidente da FORDOC “este projecto visou resumir as características inerentes ao empreendedorismo e desligar este conceito da mera criação de empresas, associando-o a todos os actos que uma pessoa realiza quando não está contente com o estado das coisas e tenta fazer melhor sob a máxima da gestão que nos diz: se não somos parte da solução é porque somos parte do problema”. Segundo os organizadores desta iniciativa ”são as escolas/universidades que têm de começar a preocupar-se em tornar os jovens mais empreendedores, incentivando-os a participar mais em actividades extra-curriculares, de voluntariado e em todo o tipo de experiências que possam desenvolver a confiança, características de liderança, espírito de grupo e a capacidade de sonhar e de realização”. O que será então necessário fazer para tornar os nossos jovens mais empreendedores? “Antes de mais nada os professores têm que ser eles próprios muito mais empreendedores. Primeiro, porque o exemplo tem que vir de cima e numa escola é o professor o líder do grupo. Segundo, professor algum consegue passar, eficazmente, uma mensagem de algo que o aluno não vê fazer o próprio professor. Daniel Goleman, especialista em inteligência emocional, alerta para este ponto, pois é impossível passar eficazmente um conteúdo, se o próprio defensor desse conteúdo não demonstrar, ele próprio, o seu empreendedorismo na forma motivacional e inovadora dos métodos e técnicas pedagógicas que usa”, refere a FORDOC. Numa altura em que a palavra empreendedorismo virou moda, a FORDOC, como Escola de Empreendedorismo prática que é, pretende com este workshop contribuir, de forma humorística e em espírito de competição saudável entre grupos, para a clarificação e importância do tema.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Escultura de homenagem à PSP deixa polícias emocionados pela ligação à comunidade

Foi inaugurada na passada sexta-feira uma escultura de homenagem à PSP na sede da Divisão Policial das Caldas da Rainha, a propósito dos 150 anos do Comando Distrital. Peça da autoria de Carlos Oliveira em parceria com a empresa MVC Portuguese Limestones, representa “um gesto de apreço pela entrega abnegada dos nossos polícias no que fazem na defesa dos que mais precisam”, considerou o superintendente, Luís Carrilho, diretor nacional da PSP, presente na cerimónia.

escultura1 1

Caldense no pódio de Miss Inteligência Artificial

Olivia C. é uma influencer portuguesa, gerada por IA (Inteligência Artificial), que ficou no pódio do primeiro concurso de beleza de IA do mundo. Natural das Caldas da Rainha, Olivia ficou em terceiro lugar. Lalina, da França, ficou em segundo e a grande vencedora foi Kenza Layli, de Marrocos. 

olivia

Menor internado em centro educativo por atear seis fogos florestais

O Tribunal da Relação de Coimbra confirmou a pena de medida tutelar educativa de internamento em centro educativo, em regime fechado, pelo período de três anos, aplicada a um menor de quinze anos pelo Juízo de Família e Menores das Caldas da Rainha, pela prática de cinco crimes de incêndio florestal e outro qualificado como incêndio florestal agravado.

menor