Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 26° C
15° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 27° C
16° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 30° C

Assembleia Distrital de Formação para preparar próximo ano rotário teve lugar no CCC

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Cerca de 120 rotários do distrito 1969 participaram no dia 13 de abril na Assembleia Distrital de Formação (ADF) para o ano rotário 2024/25 que decorreu no Centro Cultural e Congressos (CCC) de Caldas da Rainha, organizado pelo Rotary Club das Caldas.

Trata-se de uma iniciativa importante para preparar próximo ano rotário. Presente esteve o Governador do Distrito 1960, David Valente, que fez a sessão de abertura. “Estamos num momento alto do ano rotário e a principal razão das assembleias é motivar os clubes, nomeadamente para o trabalho que é preciso continuar a fazer em prol da comunidade”, referiu.

Também o futuro Governador do Distrito 1960, Paulo Taveira de Sousa, que inicia funções a 1 de julho de 2024, participou na iniciativa, que da parte da tarde contou com workshops práticos a nível das comissões. 

Em declarações à imprensa, o futuro Governador disse que o evento pretende “dar a conhecer os objetivos e o plano de trabalho da próxima equipa distrital, bem como, as linhas estratégicas da próxima presidente do Rotary International, Stephanie A. Urchick (2024-25) que é natural dos EUA”.

De acordo com Paulo Taveira de Sousa, é o segundo evento “mais importante e faz-se antes do ano começar”. “É uma sessão de formação dirigida a todos os companheiros que integram os 71 clubes que fazem parte do nosso distrito para perceberem ao nível das diferentes comissões em que o distrito se organiza, que perspetivas de trabalho é que existem e como podem ser alargadas”, explicou. 

A ADF procura reunir os “companheiros e transmitir as mensagens que são adequadas e que estão em conexão com o Rotary a nível mundial, mas também ajustadas à situação do distrito em cada momento”, relatou, acrescentando que é sobretudo um método de reflexão em que as pessoas ouvem, mas também participam para que o ano seja o mais produtivo possível.

O distrito 1960 inicia na linha de “Fátima e Castelo Branco, e vai até ao Algarve abrangendo ainda as ilhas dos Açores e Madeira”.

Paulo Taveira de Sousa disse que a mensagem que os rotários devem transmitir às suas comunidades é de paz e bem-estar mental, neste tempo em que há tantos conflitos e guerras.

“A nossa paz não é apenas a ausência de conflitos. Aquilo que o Rotary pode oferecer à comunidade é justamente a oportunidade de com ela construir uma sociedade mais pacífica e mais inclusiva”, salientou o futuro Governador do Distrito 1960.

Para este responsável, cada clube tem que “manter a sua autonomia e a sua própria saúde interna e tem que refletir sobre a experiência que pode proporcionar aos seus companheiros e a todos aqueles que com eles se envolvem”.

Apesar da importância de cada clube manter a sua autonomia, Paulo Taveira de Sousa afirmou que cada um tem que “ser fiel às suas próprias caraterísticas e também na comunidade em que está inserido”. “Há coisas que fazem sentido nas Caldas da Rainha e que não fazem sentido em Ponta Delgada e vice-versa”, relatou, adiantando que os rotários têm que “perceber em cada comunidade o que é importante e o que justifica fazer”.

O futuro Governador referiu que atuam em “todas as áreas que têm a ver com o desenvolvimento humano, desde o meio ambiente à educação, saúde e ao desenvolvimento económico e comunitário”. “São áreas em que os rotários devem desafiar a comunidade a desenvolver-se, mesmo quando esses estímulos possam não existir, nós temos a obrigação de provocar a comunidade, para que ela avance connosco”, esclareceu. 

Presente na sessão de abertura esteve a vereadora da Câmara das Caldas, Conceição Henriques.

assembleia rotary 2
Próxima equipa do Distrito 1960 e equipa que termina no final de junho
 
(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Candidata da Iniciativa Liberal em piquenique no Parque D. Carlos I

Ana Martins, candidata da Iniciativa Liberal (IL) às eleições europeias, participou num piquenique no Parque D. Carlos I, nas Caldas da Rainha, onde manifestou que o país “podia ter feito muito mais com os fundos europeus que recebeu”.

Iniciativa Liberal 1

Composição de dança ganhou o 1º prémio do “Toma Lá Talento”

Martim Codinha, aluno no Colégio Rainha D. Leonor, conquistou o 1º lugar na final concelhia do concurso "Toma Lá Talento” com uma composição de dança.
O 2º lugar foi para Martim Marques, da Escola Secundária Rafael Bordalo, no domínio da guitarra.
A 3ª classificação foi para a dupla Marie e Anne, também da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, com cântico e guitarra.

talento 1