Q

Previsão do tempo

11° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 15° C
11° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 15° C
10° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 15° C

Teatro da Rainha com intensa atividade em dezembro

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Nos dias 3 e 4 de dezembro, às 19 horas, o Teatro da Rainha leva o “Discurso sobre o Filho da Puta”, de Alberto Pimenta, com Cibele Maçãs, Fábio Costa, Marta Taveira e Nuno Machado, e direção de Miguel Azguime e Fernando Mora Ramos, à sala do O’Culto/Miso Music Portugal, na Travessa das Zebras, paralela à Calçada da Ajuda, em Lisboa.
Espetáculo “Discurso sobre o Filho da Puta”

Nesses dois dias, pelas 21h30, o Teatro da Rainha acolhe na sua sala-estúdio o espetáculo “Pela água”, de Tiago Correia, criação da companhia portuense A turma. Centra-se no desencontro que uma situação amorosa envolvendo dois homens e uma mulher provoca.

No dia 9 de dezembro, pelas 21h30, tem lugar a primeira leitura das peças de Daniel Keene “Terra Natal e Chuva”, tradução e encenação de Luís Varela, com Isabel Lopes, Lavínia Moreira, Matilde Fialho, Vicente Soares, e Nuno Machado. A cenografia é de José Serrão.

No dia 12 de dezembro, a partir das 15 horas, o Teatro da Rainha promove a quarta edição do seu colóquio anual “Espaço vazio e democracia”, sobre a estruturação de uma política teatral específica, que incidirá sobre os ensaios do livro “Quatro ensaios à boca de cena”, editado pela Livros Cotovia.

Coordenado por Fernando Mora Ramos e com ensaios de Américo Rodrigues, atual diretor geral das Artes, à época diretor do Teatro Municipal da Guarda, de Manuel Portela, professor universitário, à época diretor do Teatro Académico de Gil Vicente, e de José Luís Ferreira, então diretor do Teatro Municipal de São Luís, neste momento programador na Fundação da Casa de Mateus.

Dele disse o filósofo José Gil que o prefaciou: “Acredito que este livro abrirá uma oportunidade para um vasto debate, a nível nacional, sobre o presente e o futuro do teatro no nosso país”.

No dia 15 de dezembro, pelas 21h30, e em resultado de uma solicitação dirigida ao poeta e ensaísta Henrique Fialho, será feita na sala-estúdio uma primeira leitura de “Na cama com Ofélia”, peça para apresentação como espectáculo em 2021.

“Na cama com Ofélia” explora os “desentendimentos” situados entre a realidade e a ficção na relação amorosa de Pessoa com a famosa Ofélia.

No dia 16 de dezembro, pelas 16h30, será apresentado o resultado do trabalho do Ler Cenas, projeto dedicado à leitura em cena, com a participação dos elementos do teatro da Universidade Sénior de Caldas da Rainha e que este ano consta da leitura de “Farsas Medievais”, de autores anónimos. Este trabalho é orientado por José Carlos Faria.

No dia 17 de dezembro apresentar-se-á, pelas 21h30, a performance teatral com texto do jovem dramaturgo e encenador moçambicano Venâncio Calisto, “O alguidar que chora ou as pedras que falam”, que integra na sua ação cénica as atrizes Marina Campanatti, brasileira de ascendência italiana, e Vânia Luz, cabo-verdiana. Este exercício cénico, que conta com a colaboração nos figurinos da luso-botswana Marisa Bimbo, tem música do moçambicano Nandele Maguni e resulta de uma residência que desenvolve a sua fase final na sala-estúdio do Teatro da Rainha.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Venda de Natal da Liga dos Amigos do Centro Hospitalar

Têxteis, artesanato, cerâmica, livros, artigos de bebé e louça são alguns dos produtos disponíveis na Venda de Natal que a Liga dos Amigos do Centro Hospitalar das Caldas da Rainha realiza de 1 a 23 de dezembro num espaço na Praça da Fruta (ao lado da loja da Vodafone). 

109796 venda natal 1jpg

Sede do Olha-Te encheu para o lançamento do livro “O Pica – Pau da Lagoa de Óbidos”

A sede do Olha-Te, nas Caldas da Rainha, encheu para o lançamento do livro infantil “O Pica – Pau da Lagoa de Óbidos”, de Ina Vasques.  Foi com o apoio de familiares, entidades, autarcas e muitos amigos que a autora apresentou o seu primeiro livro para crianças com idades entre os 3 e os 6 anos e que ensina posições de yoga que “vão ajudar a atingir o equilíbrio físico e emocional”.

ina