Q

Previsão do tempo

11° C
  • Tuesday 14° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 10° C
10° C
  • Tuesday 14° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 10° C
10° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 9° C

Quatro homens identificados por apanha de pinhas

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Quatro homens, com idades compreendidas entre os 17 e os 48 anos, foram apanhados no dia 13 de novembro com 21 quilos de pinhas de pinheiro-manso, na localidade de Carregal, no concelho de Óbidos, tendo sido detidos pelo Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Caldas da Rainha da GNR, com o apoio do posto de Óbidos.
Foram apreendidas três varas com gancho metálico usadas na apanha

No seguimento de uma denúncia de que estaria a ocorrer um furto de pinhas num terreno florestal privado, os militares da GNR foram ao local e identificaram os suspeitos.

Desta ação resultou a elaboração de quatro autos de contraordenação por apanha de pinhas fora do período para esse efeito, puníveis com coima até 3500 euros, e na apreensão das pinhas e de três varas com gancho metálico usadas na apanha.

“O pinheiro-manso é uma espécie florestal com um crescente interesse económico, cuja importância do comércio externo de pinha e de pinhão tem contribuído para a promoção de importantes dinâmicas económicas à escala regional, uma vez que o pinhão é valorizado pelas suas caraterísticas nutricionais. No entanto, a colheita de pinhas de pinheiro-manso é proibida entre 1 de abril e 1 de dezembro e, ainda que esteja caída no chão, a sua apanha está interditada por se encontrar em época de defeso, salvaguardando assim o crescimento e desenvolvimento da pinha e do pinhão e evitando a colheita da semente com deficiente faculdade germinativa e mal amadurecida”, explica a GNR.

O processo foi remetido ao Tribunal Judicial de Caldas da Rainha.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Feriu dois homens e duas mulheres para roubar dinheiro

Um homem de 42 anos, suspeito de roubos nos concelhos de Óbidos e Bombarral, para subtrair dinheiro, feriu gravemente uma mulher e provocou ferimentos ligeiros noutras três pessoas, com idades entre 36 e 57 anos, tendo sido detido e ficado em prisão preventiva, anunciou a GNR no passado domingo.

gnr5

Colisão entre dois carros mata duas mulheres e fere outra

Mãe e filha morreram e outra mulher sofreu ferimentos ligeiros num choque frontal entre dois carros, na manhã deste domingo, na estrada onde se localiza a central fruteira Frutalvor, junto ao cruzamento para os Infantes, nas Caldas da Rainha.

acidente