Q

Previsão do tempo

19° C
  • Tuesday 21° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 20° C
20° C
  • Tuesday 21° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 21° C
20° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 22° C
Campeonato distrital infantis – sub-13 – 2ª fase futebol sete

Aeóbidos 4 – Areco/Coto 1

Arlindo Ferreira
15 de Março, 2017
A Areco/Coto apresentou-se sem complexos e surpreendeu o Óbidos, colocando-se por várias vezes perto de inaugurar o marcador. Os morcegos, com um futebol lento, demoraram a reagir mas chegaram ao intervalo sem sofrer golos, mas com muita sorte à mistura.

Clara superioridade da Areco na primeira parte: o Óbidos nunca conseguiu antídoto para travar o futebol intenso e incisivo da Areco que se superiorizou desde o primeiro minuto.

Mas os caldenses não contavam era apanhar um Micael Ciência prodígio entre os postes. Defesa atrás de defesa, daquelas que fazem levantar o público e quando não o conseguia teve apoio no seu guarda-costas Guilherme Martins. E assim chegou o intervalo com um 0-0. Mas tinha sido aviso, para a segunda metade do encontro.

A história do jogo começou a escrever-se com o golo madrugador da segunda metade, com o festival de Guilherme Martins a começar aos 33 minutos, no seguimento de um canto superiormente executado por Diogo Santos.

Em vantagem, a equipa obidense serenou e passou a controlar melhor o encontro. Contudo, a Areco não se conformou nem acusou a injustiça de estar a perder. Aproveitou bem as facilidades dadas pela equipa de Óbidos para lançar contra-ataques, conseguindo num deles, igualar, com um tento de António Teotónio, aos 35 minutos na conversão de uma grande penalidade.

Depois aos 37 minutos Guilherme Martins, numa jogada individual, após uma troca de bola com Gonçalo, a galgar terreno a driblar todos os adversários que lhe iam aparecendo pelo caminho, disparou um potente remate de pé direito, um autêntico míssil, a colar a bola no fundo da baliza.

A equipa libertou-se, com a entrada de jogadores que fazem a diferença – tão importante na forma como afundou a Areco que acusou o toque. Aos 45 minutos foi a vez de Gonçalo Duarte faturar para o 3-1, com um excelente golo de cabeça na sequência de mais um canto novamente marcado por Diogo Santos.

Mais um golo aos 46 minutos, com um remate já dentro da grande área, agora de pé esquerdo, carregando o grupo para o sucesso.

A vitória estava garantida mas a Areco na parte final voltou a pressionar e forçou David Chaves, que tinha substituído Micael Ciência na segunda parte, a uma intervenção de alto nível.

Aeóbidos: Micael Ciência (GR), David Chaves (GR), Rafael Neves, Guilherme Martins (3), Marta Salvador, Yann Cherel, Leandro Freitas, Gonçalo Duarte (1), Miguel Sedas, Diogo Santos, José Santos, Rúben Barros, Duarte Santos e Tiago Oliveira. Treinador: Diogo Gomes

Areco/Coto: Gonçalo Macedo (GR), Rodrigo Silva (GR), André Vitorino, Rodrigo Silvestre, Miguel Correia, António Teotónio (1gp), Tomás Ferreira, Wilson Branco, Daniel Inácio, Ricardo Pereira, Tomás Antunes, Eduardo Marques, Rafael Frutuoso e Tomás Melim. Treinador: Victor Sousa.

Árbitros: Henrique Querido e João Lopes

Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Protocolo apoia estudantes de Moçambique

A Câmara Municipal das Caldas da Rainha, o Politécnico de Leiria (IPL) e o Instituto de Bolsas de Moçambique assinaram, no passado sábado, um protocolo de cooperação que vai apoiar quatro estudantes de Moçambique que ingressem nos cursos Técnicos Superiores Profissionais ministrados pelo IPL.

protocolo

Carlota Canas Franca campeã em Alcobaça

Decorreu no Clube de Ténis de Alcobaça mais uma edição do torneio "Os Caloiros", prova oficial da Federação Portuguesa de Ténis destinada aos escalões de Sub12 e Sub16.

tenis 1

Caldas Rugby Clube mantém invencibilidade

Em jogo da 3ª jornada do campeonato nacional - Fase Apuramento Zona Sul, o Caldas Rugby Clube deslocou-se ao sintético do GD Direito, em Monsanto, para defrontar o ER Galiza, com bastante público afeto às duas equipas.

rugby 1