Q

Previsão do tempo

16° C
  • Thursday 17° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 21° C
17° C
  • Thursday 17° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 21° C
17° C
  • Thursday 18° C
  • Friday 21° C
  • Saturday 22° C

Freiras vão deixar Santa Casa da Misericórdia das Caldas da Rainha

Marlene Sousa
20 de Dezembro, 2016
A Festa de Natal da Santa Casa da Misericórdia das Caldas da Rainha, que decorreu no dia 16 de dezembro, ficou marcada com a bênção da viatura nova de nove lugares que foi oferecida pelo caldense, já falecido, Francisco Manuel Carrilho Barbosa Nobre Coutinho, neto de José Barbosa, grande benemérito desta instituição.
Bênção da viatura nova que foi oferecida por um benemérito

O evento tradicional do Natal ficou também assinalado pela homenagem às três irmãs Filhas da Caridade de S. Vicente de Paulo que prestavam serviço na Santa Casa da Misericórdia das Caldas e que foram no sábado para outras instituições do país.

A tradicional Festa de Natal 2016 da Misericórdia iniciou com a bênção da viatura nova de nove lugares de transporte dos seus utentes, com uma placa elevatória para acomodar cadeiras de rodas. A carinha foi benzida em frente às instalações da instituição.

Na cerimónia estiveram presentes o presidente da Câmara das Caldas, Tinta Ferreira, elementos da Santa Casa, entre outros autarcas e convidados.

Maria Helena Santos, sobrinha do benemérito, revelou que o desejo do tio era doar equipamentos à Misericórdia das Caldas da Rainha. O falecido doou 75 mil euros a esta instituição. Para além da carrinha foram adquiridas televisões para os quatros idosos na ala nova das instalações da Santa Casa.

Como homenagem a Francisco Coutinho foi descerrada uma placa na instituição com o seu nome. “Foi uma prenda de Natal”, disse o provedor da Santa Casa da Misericórdia caldense, Lalanda Ribeiro, referindo-se ao facto da carrinha ser uma oferta muito importante porque “vai contribuir para ajudar a instituição a colmatar algumas das suas necessidades, nomeadamente no transporte dos utentes de cadeiras de rodas”.

Homenagem às irmãs

A Festa de Natal ficou ainda marcada pelo descerramento de uma placa em homenagem às irmãs Filhas da Caridade de S. Vicente de Paulo, pelos 71 anos de abnegação, dedicação e amor ao próximo na Santa Casa da Misericórdia das Caldas da Rainha.

As três irmãs que se encontram atualmente na Santa Casa das Caldas da Rainha deixaram no sábado a instituição e foram transferidas para outras instituições do país. “Não havendo renovação de irmãs, elas tiveram necessidade de ir para outras casas”, explicou o provedor.

Em declarações ao JORNAL DAS CALDAS, as três freiras sublinharam as saudades que iam ter dos utentes e da comunidade caldense. A religiosa Maria Rosa Lopes Gil é enfermeira e esteve na Santa Casa das Caldas oito anos e foi para Alenquer. A irmã Maria da Conceição Olival esteve 23 anos e é com muita tristeza que foi para Vendas Novas.

Josefina Fernandes Pinto, natural de Timor, está na Santa Casa há sete anos e meio, e foi para Lisboa.

Há 71 anos que a Santa Casa da Misericórdia das Caldas tinha irmãs que prestavam apoio à resposta social do lar de idosos, tanto na área da saúde, como nas áreas dos cuidados diários. É a primeira vez que vai ficar sem o apoio das freiras que “desempenham um papel fundamental nesta Santa Casa da Misericórdia, estando disponíveis 24h/dia, 7 dias por semana”, contou Lalanda Ribeiro, adiantando que “eram as responsáveis pela casa a partir do momento que a área administrativa fechava”. Essa função vai agora ser distribuída por outros colaboradores.

O provedor garante que haverá sempre contato com as irmãs pelo menos duas vezes por mês para continuar a manter ligação com os utentes da casa.

O presidente da Câmara destacou a comparticipação avultada e tão importante que foi doada à Santa Casa. “Felizmente há na sociedade civil pessoas que reconhecem que estas instituições precisam de ajuda e comparticipam com o seu trabalho voluntário ou com alguns recursos materiais”, referiu Tinta Ferreira.

Às irmãs despediu-se com carinho, agradecendo o “apoio que deram à comunidade das Caldas da Rainha”. “É com pena que vimos esta suspensão de funções”, lamentou.

Momentos de poesia, dança, música, canto e abraços juntaram os técnicos, colaboradores e utentes da Santa Casa da Misericórdia das Caldas da Rainha na Festa de Natal, que este ano decorreu a uma sexta-feira.

Marlene Sousa

Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Detido na Foz do Arelho por tráfico de droga

Um homem de 27 anos foi detido na Foz do Arelho na passada quarta-feira por tráfico de estupefacientes. No decorrer de uma ação de patrulhamento da GNR das Caldas da Rainha, com o reforço dos postos de São Martinho do Porto e do Bombarral, os militares depararam-se...

246347459 2428007130663237 4279653524251237677 n

Dupla fez roubo em supermercado e foi apanhada a assaltar restaurante

Dois jovens foram imobilizados por clientes quando tentavam assaltar um restaurante em Casais do Baleal, no concelho de Peniche, na noite de passada quinta-feira, depois de terem levado 290 euros de um supermercado na Foz do Arelho, sob ameaça de arma de fogo. Presentes a tribunal, foram deixados em liberdade com apresentações semanais às autoridades policiais, enquanto decorre o processo judicial.

assalto