Q

Previsão do tempo

10° C
  • Sunday 12° C
  • Monday 14° C
  • Tuesday 12° C
10° C
  • Sunday 12° C
  • Monday 14° C
  • Tuesday 12° C
10° C
  • Sunday 11° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 12° C

Caldas Rugby Clube 13 – Vitória F.C. 17

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
CRC: João Vicente, Pedro Santos, Rui Santos, Luis Gaspar, Bruno Martins, David Esteves, Gonçalo Sampaio, Giorgi Turabelidze, Salvador Cambournac, Jonathan Nolan, Daniel Fernandes, Diogo Vasconcelos, Gonçalo Silva, Daniel Gomes, Tomas Melo, Dorin Plameadela, Filipe Nobre, Diogo Batista, Sebastião Vasconcelos, António Vidigal. Treinador: Patricio Lamboglia, Treinador-Adjunto: Guilherme Neves. Fisioterapeuta: Rodrigo Santos. Diretor Equipa: António F. Marques
Jogo equilibrado mas vitória justa dos setubalenses

O Vitória entrou forte e pressionante, com o seu jogo de avançados bem conduzido pelo seu médio de abertura. Reagiu o Caldas e até aos 20 minutos criou algumas boas fases de ataque, podendo ter concretizado por duas boas ocasiões, contudo, desperdiçadas por erros de manuseamento ou na formação ordenada no momento final. Na última destas ocasiões respondeu a equipa de Setúbal com uma penalidade jogada rapidamente à mão e instalando-se nos 22m pelicanos.

Um amarelo aos 23 minutos para o asa caldense David Esteves, por falta num moule, acentuou a pressão vitoriana que, no entanto, só veio a resultar num ensaio após boa penetração no centro, já aos 37 minutos.

Só a defesa, muitas vezes em falta, dos pelicanos, obstou ao avolumar do resultado. No final da 1ª parte, as faltas sucessivas caldenses (10 penalidades concedidas) foram penalizadas com um 2º amarelo para o médio de formação Salvador Cambournac. Ao intervalo, 0-7 para os visitantes.

Na 2ª parte, os pelicanos pressionaram os vitorianos e com uma mellée muito eficaz, os caldenses optaram por esta solução aos 50 minutos quando dispunham de uma penalidade frontal a 10m dos postes, mas perdendo a bola no ruck que se seguiu. Este lance refreou o ímpeto dos pelicanos que, contudo, e numa jogada individual de penetração de Jonathan Nolan, chegaram ao ensaio e empate, aos 15 minutos (transformação pelo mesmo jogador).

Ganhou alento a equipa da casa e beneficiou de penalidade, que veio a ser bem transformada pelo mesmo Jonathan Nolan aos 60 minutos. Na sua melhor fase do jogo os caldenses tiveram novo ensaio não convertido aos 65 min.

A equipa de Setúbal refrescou a sua linha de avançados, o que permitiu uma reviravolta no sentido do jogo. O prémio chegou com um segundo ensaio aos 73 minutos, após uma sequência de boas fases de avançado e conclusão na ponta.

Ainda reagiu a equipa pelicana e, aos 76 minutos uma boa conversão de uma penalidade pelo seu chutador do dia, Jonathan Nolan, colocou de novo os caldenses na frente do marcador: 13-12. Mas o jogo setubalense estava muito forte e uma penalidade chutada à touche, aos 80 minutos, foi seguida por um moule e vários pick and go sucessivos e imparáveis, originando o terceiro ensaio, que colocou o resultado final em 13-17.

No tempo extra o Vitória guardou bem a bola e, apesar do esforço final do Caldas, conseguiu uma vitória justa.

Os seniores voltam a jogar em casa no dia 7 de novembro, às 15h, contra o São Miguel, mas antes ainda vão, dia 24 de outubro, a Évora.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

PSP combate criminalidade em bares e ruas no centro das Caldas

Uma operação desenvolvida pela PSP das Caldas da Rainha na noite da passada sexta-feira e madrugada de sábado, tendo como alvo bares no centro da cidade e ruas nas proximidades, com o objetivo de “prevenir a criminalidade violenta e grave ou organizada e aumentar o sentimento de segurança na população”, originou a detenção de quatro homens, com idades entre 21 e 28 anos, pelos crimes de tráfico de droga, posse de arma proibida e condução em estado de embriaguez.

psp1

Lions formaliza entrega de verba de espetáculo solidário

O Lions Clube das Caldas da Rainha fez no passado dia 30 uma entrega formal ao Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Oeste (CHO) da verba apurada no concerto solidário com o maestro e pianista António Victorino d’Almeida e trio de Pedro Caldeira Cabral....

lions

Desfile equestre apresentou reis do carnaval das Caldas

Luís Ventura, de 47 anos, e Mariana Mortágua, de 22 anos, foram escolhidos para serem os reis do carnaval das Caldas da Rainha, encarnando as personagens Zé Povinho e Maria da Paciência, respetivamente, criações de Rafael Bordalo Pinheiro como caricaturas do povo português.

reis00