Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 16° C
  • Thursday 18° C
  • Friday 21° C
16° C
  • Wednesday 17° C
  • Thursday 19° C
  • Friday 21° C
17° C
  • Wednesday 17° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 23° C

130 anos do naufrágio do SS Roumania

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Os 130 anos do naufrágio do SS Roumania vão ser assinalados no dia 6 de novembro por uma comissão organizadora de um conjunto de eventos na Serra do Bouro, no concelho das Caldas da Rainha.
Alguns corpos foram sepultados no cemitério da Serra do Bouro

Os 130 anos do naufrágio do SS Roumania vão ser assinalados no dia 6 de novembro por uma comissão organizadora de um conjunto de eventos na Serra do Bouro, no concelho das Caldas da Rainha.

Pelas 10h30 haverá uma cerimónia religiosa no cemitério dos ingleses, com a colocação de uma coroa de flores e apresentação da placa alusiva aos 130 anos.

Pelas 12h será realizada missa em honra dos náufragos e pelas 13h30 haverá almoço no Centro Cultural e Recreativo da Serra do Bouro, seguido de exposição e palestra por Miguel Castro.

Inscrições para o almoço (sopa de legumes, carne de porco à portuguesa, sobremesas, bebidas e café) até 1 de novembro pelo telemóvel 915858172.

O vapor inglês SS Roumania, com 111 metros de comprimento, que navegava de Liverpool, na Inglaterra, para Bombaim, na Índia, naufragou na Foz do Arelho na madrugada de 28 de Outubro de 1892. Não há consenso sobre o número de pessoas que iam a bordo – entre 114 e 122 –, e as que se salvaram – 8 ou 9. Terá sido um dos maiores desastres ocorridos na costa portuguesa em perda de vidas humanas, entre passageiros, tripulantes europeus e embarcadiços indianos.

O navio desviou-se da sua rota e encalhou, indo ao fundo. Os cadáveres dos náufragos espalharam-se pela costa e menos de meia centena foram recuperados. Alguns corpos foram sepultados no cemitério da Serra do Bouro, num núcleo próprio a que se chamou “cemitério dos ingleses”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Caminhada angariou 3900 euros para Liga Portuguesa Contra o Cancro

A caminhada realizada a 19 de maio, nas Caldas da Rainha, no âmbito da iniciativa do Núcleo Regional do Sul da Liga Portuguesa Contra o Cancro “Corrida Pela Investigação”, angariou 3900 euros para bolsas de investigação científica na área da oncologia.

caminhadaLPC1

População unida num “abraço” para a reabertura da Escola do Coto

O fecho da Escola Primária do Coto no final do ano letivo 2022/2023 “por falta de condições de segurança”, que na altura surpreendeu os pais e alunos, levou no dia 15 de maio dezenas de pessoas a protestarem junto ao estabelecimento de ensino para exigirem o arranque das obras de requalificação e a sua reabertura o mais breve possível.

Escola 1