Q

Previsão do tempo

17° C
  • Tuesday 18° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 19° C
17° C
  • Tuesday 19° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 19° C
18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 19° C
  • Thursday 21° C

Campos de férias nas Caldas com diversão para todos os gostos

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
As férias escolares de cerca de três meses são sempre uma alegria para as crianças e jovens, mas para os pais, por vezes, são uma preocupação sobre como ocupar o tempo livre dos mais pequenos. Os tempos livres, campos e colónias de férias são uma boa opção. Desde praia ao desporto, há cada vez mais […]
Surf com as Multi-Atividades dos Pimpões

As férias escolares de cerca de três meses são sempre uma alegria para as crianças e jovens, mas para os pais, por vezes, são uma preocupação sobre como ocupar o tempo livre dos mais pequenos.

Os tempos livres, campos e colónias de férias são uma boa opção. Desde praia ao desporto, há cada vez mais atividades para as crianças ocuparem o tempo de férias. É uma alternativa importante para os pais porque estão a trabalhar e sabem que os seus filhos estão a divertir-se com segurança.

O JORNAL DAS CALDAS contactou várias instituições que oferecem campos de férias nas Caldas da Rainha, com diversão para todos os gostos.

“Os Pimpões”

A Sociedade de Instrução e Recreio “Os Pimpões” pelo 17º ano consecutivo está a realizar o Multi Atividades. O programa iniciou a 4 de julho e termina a 9 de setembro, tendo um limite de 60 crianças por semana.

Em declarações ao JORNAL DAS CALDAS, Susana Chust, presidente dos Pimpões, disse que dinamizam diversas atividades, desde logo as que promovem durante todo o ano, como basquetebol, hip-hop, natação, patinagem e karaté. Para além disso têm atividades na praia (Foz do Arelho, Baleal e São Martinho) como surf, bodyboard e stand up paddle. Têm ainda bowling, boot camp, arborismo, trampolins, fotopaper, teatro, caça ao tesouro, seringaball, paintball e jogos aquáticos na piscina.

A presidente destacou as galas no final de cada semana, onde são apresentados os “vídeos e o teatro de cada grupo e a coreografia de hip-hop preparada durante a semana e ainda as mega noitadas em regime de acantonamento ou acampamento”. “As preferências dependem de cada criança, por isso temos um leque muito variado de atividades”, apontou a responsável.

Há um coordenador para cada grupo de participantes (dez a doze) e dois monitores. Recebem ainda estagiários da Escola Secundária Bordalo Pinheiro e da escola secundária de São Martinho.

Susana Chust relatou que a responsabilidade é muito grande, mas “já temos uma experiência de 17 anos”. Para além dos cuidados habituais com crianças, “somos muito criteriosos na escolha dos monitores que acompanham diariamente as crianças bem como dos professores de cada atividade específica”, contou.

O valor semanal pode chegar aos 73 euros, dependendo do número de semanas em que participam. Há descontos para sócios praticantes de atividades dos Pimpões durante todo o ano, alunos do Colégio Rainha D. Leonor ou sócios do Caldas Sport Clube. O valor inclui seguro, almoço, lanche da manhã e da tarde e participação em todas as atividades (exceto mega noitada que é paga à parte).

Campo de férias Badminton

O Campo de Férias Badminton 2022 começou no dia 20 de junho e termina a 26 de agosto, sendo destinado a crianças dos 6 aos 16 anos.

Segundo Sandra Amaral, diretora da Federação Portuguesa de Badminton (FPB) e Bruno Gama, representante da FPB na Comissão de Gestão Local do Centro de Alto Rendimento (CAR) de Badminton, o campo de férias é desenvolvido e assegurado pela FPB, “com forte cariz de responsabilidade social e de apoio à comunidade, funcionando a partir das instalações do CAR Badminton, local de excelência para a prática da nossa modalidade e onde se fazem algumas das atividades do plano semanal”.

Frequentam este campo de férias entre 30 a 40 crianças semanalmente, sendo que este número está diretamente relacionado com os meios de transporte que têm disponíveis para cada uma das semanas.

“Temos atualmente as vagas preenchidas para todas as semanas e uma lista de espera que, em algumas das semanas, chega a ser superior a quinze crianças”, contaram os responsáveis, que estão já a estudar novas parcerias públicas e privadas, no intuito de num futuro próximo, “podermos ponderar um aumento do número de vagas”.

Está vocacionado para as atividades desportivas, dando primazia à sua modalidade, o badminton, que é praticado quase diariamente. No entanto, tem um leque muito variado de modalidades outdoor (skate, equitação, stand up paddle, surf, canoagem, arborismo, golfe, entre outras), praia duas vezes por semana e um dia inteiro nas piscinas de Santarém.

“A realização de atividades dinâmicas e de jogos de equipa possibilita a apreensão de valores éticos, morais e sociais”, referiram Sandra Amaral e Bruno Gama.

Mantém sempre a relação de um monitor adulto e um monitor/estagiário do curso profissional de desporto da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro para cada 10/12 crianças e ainda um monitor/estagiário extra, que acompanham as crianças em todas as atividades.

Nas atividades que requerem maior cuidado, dispõem sempre um monitor adulto extra, reforçando assim os níveis de segurança.

Consideram que as atividades propostas promovem “comportamentos e ações que potenciam uma maior interação social e um reforço do espírito de grupo entre todos os participantes longe dos “gadgets” eletrónicos (consolas, telemóveis…).

De acordo com os responsáveis, “as crianças entregam os telemóveis quando chegam pela manhã, só voltando a receber os mesmos (se quiserem), durante meia hora após o almoço, inclusive se desejarem falar com os pais, sendo novamente recolhidos após esse período, para só os voltarem a receber ao final do dia”.

Este campo de férias tem o custo de 90 euros (por semana), o qual inclui toda a alimentação diária (lanche da manhã, almoço e lanche da tarde), transportes, seguro de acidentes, t-shirt do campo de férias e todas as atividades e respetivas entradas.

Campo de Férias DaVinci

O Campo de Férias DaVinci funciona de 1 de julho a 12 de agosto. Encerra de 15 de agosto a 2 de setembro para descanso das professoras. Reabre a 5 de setembro com apoio ao estudo/explicações e atividades lúdicas.

O programa está orientado para alunos do 2º ano ao 6º/7ºano (7 aos 12 anos).

Maria João Neto, técnica superior de Educação Social/Ginásios da Educação DaVinci nas Caldas da Rainha (Centro de Apoio ao Estudo e Explicações/ ATL no Verão), disse que dinamizam diversas atividades e fazem várias visitas. Duas a três vezes por semana fazem praia. Também têm atividade física com piscina no período da tarde (dinamizada pelo Ginásio Balance).

Organiza ainda visitas à Lagoa do Falcão, Campo Aventura Cova da Baleia, Centro de Interpretação de Ciência Viva, Praia Fluvial Olhos de Água, Grutas de Mira Daire, entre outras). Tem também aulas de surf, desenvolvidas por West Surf Project.

Na semana passada teve lugar o 2º Acantonamento como celebração do final do ano letivo. Decorreu na Toca dos Láparos com paintball, slide, escalada, orientação e tiro com arco. Todas as atividades foram dinamizadas por Block Experience.

Os jovens são sempre acompanhados por dois professores, uma técnica e um superior de Educação Social (equipa residente ao longo do ano letivo).

O preço é 65 euros por semana (sem refeição/lanches). Todos os transportes são assegurados pelo parceiro “KBUS”.

Associação Juvenil Biogleba

Outro dos projetos que promovem atividades de verão para os mais pequenos dos 2 aos 10 anos é o “Hello Nature – summer camps”. Este projeto, que é “100% outdoor” e que tem como base a metodologia Forest School (escola da floresta), realiza as atividades na Mata Rainha D. Leonor, sendo orientadas e coordenadas pela Associação Juvenil Biogleba.

O campo de férias “Hello Nature” arrancou no dia 4 de julho e tem a duração de nove semanas, onde “cada criança tem a possibilidade de se inscrever à semana”, explicou a coordenadora do projeto, Joana Oliveira.

Neste momento, as atividades decorrem de segunda a sexta-feira, cabendo aos pais a decisão de escolher os dias, apesar de ter já algumas semanas esgotadas. “Por semana podemos acolher até doze crianças nas diversas atividades propostas, mas pontualmente podemos ter uma ou outra vaga”, apontou a responsável, esclarecendo que “a maioria das crianças que este ano está inscrita nas atividades são miúdos que já participaram no projeto o ano passado, e que decidiram regressar”.

Orientadas sempre pelos coordenadores, as crianças começam a semana por decidir o que querem fazer. “Não planeamos a semana sem antes conhecer a expetativa do grupo e depois juntos elaboramos as atividades” explicou Joana Oliveira, adiantando que todas as atividades propostas para a semana estão relacionadas e são desenvolvidas em contexto de natureza.

Na maioria das vezes, “a floresta costuma ser palco para todas as atividades e nela são criados brinquedos, fantasias e histórias”. “Árvores viram casas, paus tornam-se espadas, plantamos árvores, fazemos desenhos, dançamos em piscinas, damos uso à cozinha de lama e muito mais”, esclareceu Joana Oliveira, sublinhando que “tudo é possível até porque a criatividade na infância não tem fim”.

As atividades do campo de verão têm o custo de 65 euros na primeira semana e 60 para as restantes.

Teresa Vai de Férias

A Teresa Vai de Férias, em colaboração com o Sporting Clube das Caldas, também preparou um programa de férias de verão, que se destina a crianças e jovens entre os 6 e os 14 anos, com diversas atividades desenvolvidas por pessoas da região.

Ao longo de dez semanas, o projeto de animação turística vai proporcionar “quatro dias de praia durante a manhã, e no período da tarde uma tour na cidade, atelier de teatro de sombras, jardinagem com o apoio do Centro de Educação Especial, workshop de pintura de azulejo com o apoio da Mariana Sampaio, workshop de cocktails sem álcool, desenvolvido pelo Cabaret Voltaire, voleibol nas instalações do Sporting Clube das Caldas e ainda jogos educativos”, explicou a responsável pelo projeto, Teresa Leal, que se aventura pela primeira vez na organização de atividades de férias de verão.

As atividades têm o custo de 85 euros por pessoa/semana, mas existem condições especiais para irmãos, sócios do Sporting Clube das Caldas e membros da Casa de Pessoal do Hospital. “Todas as despesas com comida e transportes estão incluídas e muito importante, porque a responsabilidade é também grande, todas as crianças vão ter seguro incluído no valor final”, indicou Teresa Leal, adiantando que neste momento ainda existem vagas.

As Férias de Verão, que decorrem entre as 8h30 e as 17h30, realizam-se com o mínimo de seis participantes e um máximo de vinte por semana.

Estas atividades de verão, segundo Teresa Leal, são pensadas de acordo com a faixa etária e a escolaridade dos participantes.

Outra novidade é que este programa é bilingue, fomentando a integração dos estrangeiros que escolheram residir na região

Desenhos do Bruno – Academia

Os Desenhos do Bruno – Academia proporciona pelo segundo ano consecutivo as oficinas criativas de verão de curta duração para as crianças dos 8 aos 15 anos.

As oficinas já começaram no passado dia 4 e terminam no final do mês. Funcionam de segunda a sexta-feira, entre as 10h e as 13h, na academia. “Em cada dia, as crianças experimentam uma técnica diferente, sendo que o desenho é a base de todas elas”, explicou o coordenador pedagógico, Bruno Prates, adiantando que nestas quatro semanas os alunos podem aprender desenho da natureza a partir da observação direta, pintura em azulejo, com recurso ao azul cobalto, gravura em linóleo, impressão e estampagem de t-shirt.

Os repetentes experimentam ainda pirogravura, livros pop up e stencil.

Neste momento, as oficinas criativas estão “totalmente preenchidas”, com 14 inscritos por semana, sendo orientados e monitorizados por dois colaboradores internos alunos da Academia e um estagiário.

“O objetivo destas oficinas é proporcionar experiências a quem não frequenta as nossas aulas e têm em nós uma forma de ocupar as férias a desenvolver pequenos projetos criativos, onde a técnica e a experimentação se sobrepõem à componente lúdica” explicou Bruno Prates, adiantando que as atividades já vão na segunda semana e “o retorno que temos tido da parte dos inscritos e da família é que gostam bastante”.

Todos os trabalhos desenvolvidos durante as oficinas vão constar da exposição anual da academia, que este ano vai estar de 1 a 15 de outubro no Centro Cultural e de Congressos de Caldas da Rainha.

As semanas têm o custo de 65 euros e já têm incluído todos os materiais e seguro.

Infancoop

A Infancoop também disponibiliza atividades de férias de verão para os mais pequenos dos 6 aos 12 anos. Entre as atividades constam bodyboard, mini master’s chef, zumba kids, stand up paddle, hóquei em campo, miniolimpíadas, jogos de água, dia das ciências, photopaper na vila de Óbidos, visita ao quartel de bombeiros de Óbidos, expressão plástica, jogos de água, visita à Panificadora Regional da Vermelha e Buda Edden, percurso das sensações e cinema com pipocas, futebol 2X2, street basket, arco e flechas, urban golf, insufláveis e modelagem de balões, glow party e karaoke.

Neste momento, o programa conta com cerca de cem crianças inscritas, estando “completamente esgotado”, explicou a diretora técnica, Cláudia Almeida, adiantando que o valor por semana de atividade é de 70 euros.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Matou o pai por imaginar que praticava atos sexuais com a irmã

Um jovem de 21 anos vai ser julgado por ter assassinado o pai, em agosto do ano passado, em Peniche, por imaginar que o progenitor, de 44 anos, “praticava atos de natureza sexual” com a irmã menor do arguido, sem que houvesse provas que tal acontecera.

julgamento

Reabilitação das duas residências de estudantes e construção de uma nova

A empreitada de reabilitação da residência de estudantes ‘Rafael Bordalo Pinheiro’, na Rua Vitorino Fróis, em Caldas da Rainha, vai permitir aumentar a oferta de camas, das atuais 104 para 117, num investimento de cerca de 1 milhão e 360 mil euros, financiado pelo Programa de Recuperação e Resiliência (PRR), no âmbito do Plano Nacional para o Alojamento no Ensino Superior (PNAES).

residencias

Mexilhão gigante no Paul de Tornada

A Associação Pato encontrou um mexilhão gigante no Paul de Tornada quando se dedicava ao estudo dos cágados. Tinha 176 milímetros de comprimento e a espécie nem estava identificada nesta região.

mexilhao