Q

Previsão do tempo

17° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 25° C
17° C
  • Saturday 24° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 25° C
17° C
  • Saturday 26° C
  • Sunday 27° C
  • Monday 28° C

“PSD tinha melhores propostas mas não conseguiu passar a mensagem”

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O caldense Hugo Oliveira, presidente da Distrital de Leiria do PSD, voltou a ser eleito deputado pelo círculo eleitoral de Leiria. Ao JORNAL DAS CALDAS comentou o novo paradigma político, em que em todos os distritos do país perderam as eleições para o PS.

O caldense Hugo Oliveira, presidente da Distrital de Leiria do PSD, voltou a ser eleito deputado pelo círculo eleitoral de Leiria. Ao JORNAL DAS CALDAS comentou o novo paradigma político, em que em todos os distritos do país perderam as eleições para o PS.

Referiu que no distrito de Leiria o “fenómeno não foi tão agravado porque o PSD está muito enraizado”. “É importante dizer que o PSD no distrito, embora tenha perdido as eleições, subiu mais 7 mil votos, mais 1%”, disse, acrescentando que “no círculo de Leiria não foi possível resistir à passagem de 12 mil votos do BE e CDU diretamente para o PS”.

Hugo Oliveira lamentou que o PSD não tenha tido os resultados que esperava porque “tem sem dúvida as melhores propostas”. “Não conseguimos passar a mensagem do nosso projeto para o país e distrito”, considerou.

A eleição do deputado do Chega no distrito de Leiria é para o deputado caldense a “consequência do cansaço que os cidadãos têm dos partidos nacionais”, mas “as pessoas vão cansar-se da conversa de café e discurso fácil”, salientou, acrescentando que “tudo o que é de extremo preocupa”.

Quanto à possível demissão do presidente do PSD, Rui Rio, Hugo Oliveira disse que o que se exige é que “haja uma reflexão para tomar a decisão correta” e que não lhe cabe “opinar” mas sim “respeitar qualquer decisão que irá ser tomada”

“A maioria absoluta do PS é que me preocupa e eu vou estar atento e levantar a voz quando for necessário para defender as Caldas”, salientou, indicando que “estaremos cá para avaliar a execução do PRR, entre muitos que levarão eventualmente o país para onde eu não gostava que voltasse a estar”. A sua prioridade para as Caldas vai ser a “saúde”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Problemas da saúde transmitidos em audiência com secretária de estado  

A secretária de estado da saúde, Maria de Fátima Fonseca, transmitiu nesta sexta-feira ao presidente da Câmara Municipal das Caldas da Rainha, Vitor Marques, que estão a ser tomadas várias medidas para reforçar a capacidade de recrutamento de médicos, um dos principais problemas que afetam o setor da saúde na região e no país.

secretaria

Cinco ucranianos inauguram centro de residências artísticas

Um centro de residências artísticas situado na cidade de Alcobaça é dado a conhecer a partir desta sexta-feira, com a inauguração da exposição de um de cinco artistas ucranianos que se encontram alojados temporariamente no espaço, num projeto criado por uma equipa que inclui um elemento formado em artes plásticas na Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha.

central1

Marcha do Orgulho com mais de 300 participantes

Realizou-se nas Caldas da Rainha, no passado domingo, uma marcha em defesa da comunidade lésbica, gay, bissexual, transgénero e outras orientações de género, com mais de três centenas de manifestantes a rejeitarem serem discriminados e a reclamarem por condições que permitam assumir as suas escolhas perante a sociedade.

marcha1