Q

Previsão do tempo

9° C
  • Tuesday 13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 13° C
9° C
  • Tuesday 13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 13° C
9° C
  • Tuesday 13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 13° C

Exigida contratação de mais funcionários e reabertura de extensões de saúde

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A delegação distrital de Leiria da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE) aprovou uma moção que defende a reabertura de extensões de saúde e a contratação de mais funcionários para estas unidades.
A ANAFRE aprovou a moção na reunião realizada no Bárrio (Alcobaça)

No passado dia 20, no Bárrio (Alcobaça), a ANAFRE aprovou, “por unanimidade, uma moção que defende a reabertura das extensões de saúde encerradas, assim como a contratação de mais assistentes operacionais e assistentes técnicos”.

“Esta tomada de posição surge no seguimento dos graves problemas de funcionamento que existem ao nível das extensões de saúde sentidos nos vários concelhos do distrito de Leiria, atendendo à falta de profissionais de saúde e à necessidade de reorganização dos serviços e dos recursos existentes”, adianta o documento.

Para os autarcas, devido à pandemia de Covid-19, “é ainda mais importante garantir o funcionamento adequado das extensões de saúde, para evitar deslocações desnecessárias e prolongadas dos utentes”.

“Os assistentes técnicos são o primeiro contacto dos utentes com o Serviço Nacional de Saúde e um bom desempenho pelos assistentes técnicos é fulcral para o bom funcionamento das unidades, sendo que a falta destes recursos humanos condiciona, frequentemente, a abertura e funcionamento de polos mais pequenos”, diz a delegação da ANAFRE, acrescentando que “o mau atendimento telefónico é um dos principais motivos de reclamação dos utentes”.

“Também importa realçar que os médicos e todos os outros profissionais de saúde têm direito a períodos de baixa, licenças, férias ou outras ausências, que não estão a ser devidamente acautelados com o respetivo planeamento de substituição dos referidos profissionais, o que leva nestes casos ao encerramento de unidades de saúde, privando os cidadãos ao direito à saúde”, acrescenta.

Assim, a delegação regional de Leiria da Associação Nacional de Freguesias pede aos dirigentes do Agrupamento dos Centros de Saúde do ACeS Punhal Litoral, ACeS Pinhal Interior Norte e ACeS Oeste Norte e ao governo para garantir a “disponibilidade de um quadro clínico que assegure o funcionamento pleno das extensões de saúde”.

Solicita ainda ao governo que “sejam abertos mais concursos para a contratação de assistentes técnicos e assistentes operacionais e que crie a carreira de secretário clínico para a qualificação dos assistentes técnicos”.

Pede também “a reabertura das unidades de saúde do distrito de Leiria”.

A moção foi enviada à ministra da Saúde, secretário de Estado Adjunto e da Saúde, presidente da Administração Regional de Saúde do Centro e diretores executivos do ACeS Pinhal Litoral, ACeS Pinhal Interior Norte, e ACeS Oeste Norte.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Mais eucaliptos nas Caldas

Uma portaria publicada no Diário da República no dia 5 de janeiro aumenta o limite máximo da plantação de eucaliptos em diversos concelhos do país, incluindo Caldas da Rainha, que passa de 5702 para 6272 hectares.

eucaliptos

Museu Nacional Resistência e Liberdade arranca em fevereiro

Tem início em fevereiro a empreitada com vista à instalação do Museu Nacional Resistência e Liberdade na Fortaleza de Peniche, devendo a mesma estar concluída no primeiro trimestre de 2023, de modo a que possa ser inaugurado a 25 de abril de 2023, um ano antes das comemorações do 50º aniversário da Revolução dos Cravos.

museu

Cercina reforça respostas sociais

A Cercina – Cooperativa de Ensino, Reabilitação, Capacitação e Inclusão da Nazaré, reunida em assembleia geral no dia 29 de dezembro, aprovou por unanimidade o Plano de Atividades e Orçamento para 2022.