Q

Previsão do tempo

16° C
  • Saturday 21° C
  • Sunday 20° C
  • Monday 19° C
16° C
  • Saturday 21° C
  • Sunday 20° C
  • Monday 19° C
17° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 22° C
  • Monday 20° C

Bombarral reclama reposição das freguesias extintas

4 de Outubro, 2020
A Assembleia Municipal do Bombarral aprovou uma moção a reclamar do Governo e da Assembleia da República as medidas legislativas necessárias para reposição das freguesias extintas, pretendendo que esse processo esteja concluído antes das eleições autárquicas de 2021.

O documento lembra que o processo de agregação e extinção de 1168 freguesias, no âmbito da chamada reorganização administrativa do território “mereceu generalizada contestação e oposição das populações e da esmagadora maioria dos órgãos autárquicos”.

“Ao contrário do propagandeado, a extinção das freguesias não trouxe ganhos financeiros nem contribuiu para o reforço da coesão territorial, antes acentuou as assimetrias regionais já existentes”, frisam os deputados bombarralenses.

“Ao encerramento de inúmeros serviços públicos pelo país, veio ainda esvaziar e agravar mais a vida em muitas localidades, em particular nas zonas rurais e de interior, deixando as populações ao abandono. Perdeu-se a proximidade dos eleitos com as populações, com a redução de cerca de 20 mil eleitos de freguesia. Dificultou-se a capacidade de intervenção na resolução de problemas. Perdeu-se a capacidade da intervenção na resolução de problemas. Perdeu-se a identidade de cada freguesia e reduziu-se a capacidade de reivindicação das populações e dos seus órgãos autárquicos”, lê-se na moção.

No caso do Bombarral a freguesia de Vale Covo foi agregada em 2013 na União das Freguesias de Bombarral e Vale Covo.

Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Cardeal e ministra nos 75 anos do Centro Social Paroquial

O Centro Social Paroquial do Bombarral (CSPB) encerrou as comemorações do seu 75.º aniversário numa cerimónia com as presenças do cardeal patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, e da ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho.

cardeal

Mobiliário hospitalar renovado

Com o intuito de prestar melhores cuidados aos utentes e de proporcionar melhores condições aos profissionais, o Centro Hospitalar do Oeste (CHO) adquiriu 40 camas elétricas e 130 mesas de cabeceira e leito, traduzindo-se num investimento de 106.177,04 euros.

mobiliario