Q

Previsão do tempo

17° C
  • Thursday 18° C
  • Friday 19° C
  • Saturday 22° C
17° C
  • Thursday 18° C
  • Friday 19° C
  • Saturday 23° C
17° C
  • Thursday 18° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 24° C

44º aniversário da luta contra o nuclear em Ferrel

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Para assinalar o 44º aniversário da luta contra o nuclear em Ferrel vai decorrer nesta vila do concelho de Peniche o 1º International Uranium Film Festival Ferrel, nos dias 13 e 14 de março.

A sessão de abertura terá lugar no dia 13, pelas 21h, com intervenções do presidente da Junta de Freguesia de Ferrel, do diretor da Uranium Film Festival, do presidente da Câmara Municipal de Peniche e do adjunto do secretário de Estado do Cinema, Audiovisual e Media. Será projetado o filme “Onde o Sino Tocou Contra o Nuclear” (documentário sobre a manifestação de Ferrel em 1976, recordando quando a 15 de março desse ano a rendilheira Crealmina da Silva Belo tocou o sino da capela Nossa Senhora da Guia, às sete da manhã, pedindo à população que resistisse à construção da primeira usina nuclear de Portugal. A pé, de carro de burro, trator, bicicleta e caminhões, os aproximadamente 1500 habitantes de Ferrel marcharam para o local onde se iniciavam as obras, a quatro quilómetros da vila, interrompendo os trabalhos. A central nuclear da empresa alemã Kraftwerk Union AG (KWU) nunca foi construída e, em 1982, o governo português abandonou completamente o seu programa de energia nuclear). No dia 14 de março, pelas 10h, será exibido o filme russo com legendas em português “Inseparáveis”, sobre o maior acidente nuclear da história, em 1986, em Chernobyl. Pelas 14h30 será a vez de “O Senhor de Fukushima”, documentário japonês com legendas em português sobre o acidente em Fukushima, no Japão. Pelas 14h55 é projetado “Fukushima – 5 dias decisivos”, outro documentário sobre o maremoto de magnitude 8,7 que em 2011 atingiu a central nuclear de Fukushima I e que provocou derretimento de três dos quatro reatores da usina, vazamento de gases, explosões e liberação de materiais radioativos que contaminaram o ambiente. Pelas 16h30 haverá debate e pelas 17h será exibido o documentário “Operação Flecha Quebrada. Acidente Nuclear em Palomares, Espanha”. Haverá um debate com o realizador, Jose Herrera Plaza. Pelas 21h30 será exibido o documentário “Viagem ao local mais seguro da Terra”, filme que reflete sobre a busca de um lugar seguro para depositar o lixo altamente radioativo das usinas nucleares. O II Congresso Internacional de Energia e Ambiente, com o tema “Alterações Climáticas”, terá lugar no dia 15 de março, a partir das 14h. Entre outros, estará presente o presidente da Comissão Parlamentar de Ambiente. Em 2019, a Assembleia da República aprovou por unanimidade um voto de louvor por Ferrel ter sido considerada em 2018 a Capital da Luta Contra o Nuclear.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Peddy paper mostra cidade aos novos alunos da ESAD.CR

Na tarde da passada quarta-feira decorreu um peddy paper organizado pelo grupo académico das Caldas da Rainha pela Academia, para que os novos alunos da ESAD.CR pudessem conhecer melhor os pontos turísticos e importantes da cidade.

peddy paper

Festival de Música Clássica

No dia 1 de outubro tem início o Festival de Música Clássica do Bombarral. Esta organização da Câmara Municipal irá decorrer durante todos os sábados do mês de outubro.

classica

Inaugurado novo campo de basquetebol 3×3

O projeto 3×3 BasketArt continua a chegar a todos os pontos do país e Caldas da Rainha recebeu mais um campo focado na vertente mais urbana da modalidade, instalado no Parque Sol Nascente, na Travessa Pinto Miranda, na União das Freguesias de Caldas da Rainha, Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório.

basket