Q

Previsão do tempo

13° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 13° C
  • Sunday 16° C
13° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 16° C
13° C
  • Friday 17° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 17° C
1.º Óbidos Ladies Open

Maryna Zanevska regressa aos títulos

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A belga Maryna Zanevska já esteve às portas do top-100 do ranking mundial e o desejo de melhorar a sua classificação levou-a a vir a Portugal e a conquistar no passado domingo o 1.º Obidos Ladies Open, o torneio com 23 mil euros em prémios monetários, organizado pelo Bom Sucesso Resort, com o apoio da Federação Portuguesa de Ténis.
A belga de origem ucraniana conquistou o seu 17º título internacional

A chuva que fustigou grande parte do torneio levou a organização a concluí-lo nos hardcourts cobertos do Clube de Ténis das Caldas da Rainha.

Maryna Zanevska, de 25 anos, 227.ª no ranking WTA e quinta cabeça de série, começou por derrotar a checa Barbora Stefkova, a sexta pré-designada, por 3-6, 6-3 e 6-2. Depois, na final, vergou a georgiana Mariam Bolkvadze, de 21 anos, 285.ª da hierarquia mundial e sétima cabeça de série, por 7-5 e 6-2.

Foi uma bonita final entre duas jogadoras agressivas, claramente adaptadas a estes pisos duros e rápidos, com bons serviços, pancadas fortes e chapadas do fundo do court, mas Zanevska fez prevalecer a sua superior agressividade, consistência e experiência.

O momento chave da final foi quando Zanevska perdeu uma vantagem de 5-2 no primeiro set, mas depois, aos 5-5 ganhou dois jogos de rajada para fechar a primeira partida. Ganhou aí um ascendente que não mais perdeu.

Mariam Bolkvadze até poderia estar mais fresca, pois resolveu a sua meia-final em apenas dois sets (6-2 e 6-4), frente à britânica Eden Silva, uma jogadora que na última ronda do qualifying derrotou a bicampeã nacional Francisca Jorge. Contudo, o cansaço da georgiana, depois de perder o primeiro set, foi mais psicológico do que físico.

«Estou desde o início do ano a trabalhar com um novo treinador (o belga Geoffroy Vereerstraeten) e as coisas têm-nos corrido bem», comentou Zanevska, que se mudou para a Bélgica aos 15 anos e decidiu passar a representar esse país de adoção. A jogadora conquistou o 17º título internacional da sua carreira.

No torneio de pares, a dupla primeira cabeça de série, as espanholas Cristina Bucsa e Georgina Garcia-Pérez, derrotou na final a britânica Emily Wembley-Smith e a georgiana Sofia Shapatava, as terceiras cabeças de série, por 7-5 e 7-5. «Foi a primeira vez que jogámos juntas e vamos continuar. Ela mostrou-se tímida no início mas depois foi-se soltando», analisou Garcia-Pérez, que era também a primeira cabeça de série em singulares e perdeu nos quartos de final com Zanevska por 6-3 e 6-1.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Festival das Sopas ajuda jovens

O I Festival das Sopas vai realizar-se no Centro Paroquial de Salir de Matos, nas Caldas da Rainha, no dia 18 de dezembro,pelas 13h. O evento contará com sopa da pedra, sopa de peixe, sopa de legumes e canja. Também haverá petiscos, filhós, café da avó...

Idosos com festa de natal no Nadadouro

Os utentes do cartão municipal do idoso nas Caldas da Rainha têm uma festa de natal no dia 15 de dezembro, pelas 12h, naAssociação Cultural e Recreativa do Nadadouro. As inscrições são obrigatórias até dia 12, na junta de freguesia da área de residência ou ao...

Natal Solidário do Sport Clube do Bairro

No dia 4 de dezembro realizou-se o Natal Solidário do Sport Clube do Bairro, coletividade do Bairro Senhora da Luz, emÓbidos, que conseguiu atingir os principais objetivos, que era juntar as crianças da comunidade e proporcionar uma série deatividades em que elas...

ramalho