Q

Previsão do tempo

11° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 13° C
11° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 13° C
12° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 13° C

Rebeca acarinhada pela comunidade portuguesa no Luxemburgo

Ricardo Raminhos

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A cantora Rebeca regressou aos palcos no estrangeiro com um espetáculo em Differdange, no Luxemburgo.
A cantora caldense atuou em Differdange

Rebeca levou o Hall Chiers a uma enchente em noite de São Martinho. Foram muitos aqueles que acarinharam a cantora das Caldas da Rainha, que regressa assim ao convívio com as comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo.

A noite foi animada e a canção “O meu nome é Rebeca” levou o público ao rubro em coro e de braços no ar.

A caldense está estável depois de mais uma série de tratamentos na luta contra o cancro que termina em janeiro.

Confessou sentir-se bem e bastante feliz por “voltar a ter cabelo” e regressar ao Grão-Ducado.

A organização do evento esteve a cargo do Grupo Cultural e de Apoio Social de Differdange, que comemorou o seu 21° aniversário.

A banda Compacto animou musicalmente a primeira parte da noite.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Arte em posto Multibanco

Motivos alusivos ao ecossistema natural e animal do Paul de Tornada e a imagem da igreja da localidade embelezam um posto Multibanco naquela povoação das Caldas da Rainha, numa ideia do executivo da junta de freguesia concretizada pelo artista Ricardo Silva, que estudou na Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha.

tornada 1

Vereador do PS explica aprovação do orçamento da Câmara para 2023

O orçamento da Câmara Municipal das Caldas da Rainha para 2023 foi aprovado na passada segunda-feira e nem foi preciso ao Vamos Mudar socorrer-se do voto a favor do vereador do PS, com quem tem um entendimento de compromisso, já que o PSD absteve-se, votando apenas contra o orçamento para os serviços municipalizados. O socialista Luís Patacho explicou concordar com as cautelas e critérios no investimento, tendo em conta “o atual contexto macroeconómico, marcado pela incerteza sobre o fornecimento de bens e serviços, com uma grande pressão inflacionista, especialmente ao nível da energia e dos combustíveis, mas também das matérias-primas, e enorme volatilidade dos mercados”.

ps