Q

Previsão do tempo

9° C
  • Sunday 11° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 16° C
9° C
  • Sunday 11° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 17° C
9° C
  • Sunday 11° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 17° C
Palestra nas Caldas

“Estar bem-disposto e motivado faz toda a diferença para ser bom aluno”

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
“O bom aluno não é aquele que só tem boas notas, tem que ser honesto, solidário, responsável e ter uma boa atitude com os professores e colegas”, disse Jorge Rio Cardoso, autor do best-seller “O Método ser Bom Aluno - Bora lá?”, que esteve na escola sede do Agrupamento D. João II, no passado dia 29, numa conversa com jovens do 7º e 8º ano.
Jorge Rio Cardoso, autor do livro “O Método ser Bom Aluno - Bora lá?”

Aos alunos deu-lhes vários exemplos reais sobre a maneira de construir o seu próprio método de estudo. Para cada ciclo de ensino, para cada disciplina, há métodos de estudo que ajudam a organizar o estudo. Se o aluno os seguir “as boas notas acabam por aparecer”, assegurou o professor.

Combater o insucesso escolar é o objetivo do autor (ele próprio chumbou dois anos no ensino básico) que, nesta conversa com os alunos, referiu algumas das ferramentas que os ajudam a ter melhores notas e a estarem mais motivados para a escola e para a vida. Jorge Rio Cardoso iniciou a palestra revelando que ele próprio foi um aluno “sofrível, com más notas, para no final da adolescência tornar-me num aluno invejável”. “Foi o atletismo que me ajudou e me motivou para a vida”, explicou, revelando que alcançou vários títulos nacionais de atletismo, de corta-mato e meio-fundo.

“Estar bem-disposto e motivado faz toda a diferença”. Para o autor a boa disposição e estabilidade emocional são decisivas no percurso de todos os estudantes. Ainda mais para aqueles que têm dificuldades e piores resultados. “A motivação pode nascer de elementos extraescola, pode estar no desporto, na música, na dança e em tantas outras coisas”, adiantou.

Jorge Rio Cardoso, professor no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, está a percorrer o país para falar com os estudantes e motivá-los a serem melhores alunos. Também faz palestras com os pais, com “formas de disciplinar, conhecer os problemas dos filhos e ajudá-los”. “Cabe aos pais criar um clima positivo, ou seja, não ter aquela cultura excessiva da nota”, apontou, acrescentando que “devemos fazer dos nossos filhos crianças interessadas no conhecimento e incutir um saber crítico sobre esse conhecimento”.

O professor universitário destacou a importância dos valores, sublinhando que é bom que os pais tenham consciência que “nos escândalos financeiros que envolveram bancos, nenhuma daquelas pessoas que levou os bancos quase à falênciaera mau aluno. É preciso ser bom aluno mas também ser honesto”, declarou.

Aos estudantes disse-lhes para não se compararem aos melhores alunos da turma mas sim “a vós próprios”. “Façam uma reflexão de como podem melhorar e como progredirem”, contou.

Reconheceu os jovens “não têm métodos de estudo e por vezes técnicas de trabalho”, deixando quatro pilares importantes para ajudar os alunos. O primeiro refere-se à organização dos apontamentos. “Devem reunir todos os apontamentos que vêm da aula, do livro, ou que tenham sido distribuídos”, explicou.

O segundo pilar é o estudante tentar perceber se está ou não dentro da matéria. “O aluno deve pegar numa folha em branco e começar a escrever para ver se realmente sabe ou não o que estão nos apontamentos”, apontou, acrescentando que “uma técnica de estudo muito robusta é imaginar que está a dar uma aula sobre a matéria”.

Interrogar-se sobre a matéria é o terceiro pilar, onde o estudante deve imaginar “perguntas mais complicadas e aplicar o conhecimento”.

Resolver exames e fichas do livro, para testar se já sabe a matéria, foi o último pilar referido pelo docente.

Esta iniciativa foi uma organização do Gabinete de Psicologia da União das Freguesias de Nossa Srª do Pópulo, Coto e São Gregório e o Centro de Recursos Comunitário da Santa da Misericórdia das Caldas da Rainha (projecto CLDS 3G, Ponto de Ajuda 30G), que encontram-se a desenvolver um ciclo de conferências sobre a temática da parentalidade, abrangendo algumas questões específicas das diferentes fases do desenvolvimento da criança (primeira infância, segunda infância e adolescência).

“O Método ser Bom Aluno – Bora lá?” foi a 2ª conferência deste ciclo. Depois da palestra no auditório do Agrupamento D. João II, Jorge Rio Cardoso deu uma conferência aos alunos do 7º e 8º ano do Agrupamento Rafael Bordalo Pinheiro.

Finalizou com uma palestra para os encarregados de educação que teve lugar no Centro de Recursos Comunitário da Santa Casa da Misericórdia.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

“RBmoda”, nova loja de moda masculina na Rua das Montras

Abriu no passado sábado mais um espaço dedicado à moda masculina em Caldas da Rainha, a RBmoda, que pertence aogrupo Rebelequation Lda, que já detém a loja de marca portuguesa de moda feminina Ferrache. A nova loja de moda masculina situada em plena Rua das...

ferrache1

Vereadora almoça de surpresa na cantina da escola para avaliar refeição  

Várias manifestações de desagrado com as refeições escolares servidas aos alunos nas escolas do concelho das Caldas levaram a vereadora responsável pelo pelouro da educação, Conceição Henriques, a fazer uma visita surpresa a uma das cantinas com o intuito de avaliar o serviço. 

cantina escola