Q

Previsão do tempo

22° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 19° C
  • Friday 20° C
22° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 19° C
  • Friday 20° C
22° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 21° C

Alliance Française organizou “Festa da Francofonia”

Marlene Sousa
29 de Março, 2017
Cinema, encontros, torneios e debates, exposições, música, dança, gastronomia, ateliês, assinalaram, entre 20 e 24 de março, nas Caldas da Rainha, a Festa da Francofonia, organizada pela Alliance Française.
Um brinde à “Festa da Francofonia” no almoço temático na EHTO

A exibição de uma curta-metragem, a atuação do Conservatório de Música, dança, poesia e um monólogo no dia de abertura, na Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO), foram algumas das vertentes da participação das Caldas da Rainha na edição 2017 do evento que celebra a partilha da cultura francesa.

A semana alusiva à língua francesa foi destacada através de centenas de eventos organizados em Caldas da Rainha, Beja, Braga, Coimbra, Espinho, Faro, Guarda, Guimarães, Joane, Lisboa, Porto, Setúbal, Sintra, Tocha, Vila Nova de Gaia e Viseu.

“Foi uma grande oportunidade dos alunos e população das Caldas descobrirem toda a riqueza e diversidade da cultura francófona num ambiente festivo e convivial”, disse a diretora da Alliance das Caldas e de Santarém, Maria do Carmo Brandão.

A Festa da Francofonia é algo muito importante já que é um momento de celebração da cultura francesa e que decorre em simultâneo em vários países. Palavras de Maria do Carmo Brandão, que fez um balanço muito positivo desta edição, onde participaram centenas de pessoas e também franceses quer vivem nas Caldas e nesta região.

A diretora da Alliance das Caldas salientou que França é um dos países com mais procura de casa na região Oeste. “Cada vez mais franceses escolhem viver em aldeias, vilas ou cidades da região Oeste, um destino muito cobiçado entre as pessoas reformadas ou à beira da reforma”, explicou, revelando que estima-se que já vivem no Oeste cerca de 600 casais de franceses”.

Maria do Carmo Brandão recebe muitos franceses na Alliance Française, que se inscrevem para aprender português e que “vêm para cá viver à procura do bom clima, sossego, segurança e do convívio”. Ao mesmo tempo, ficam a uma hora de Lisboa e a duas do Porto.

No dia 21 decorreu uma tertúlia, na Alliance Française, animada pela francesa Joëlle Pouplier, que vive no Nadadouro com o seu marido.

Este ano, a Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha (ESAD CR) abriu as portas à Festa da Francofonia. Na manhã do dia 21 de março o auditório da ESAD.CR passou o filme francês “Le Nouveau” (“O Novo”), de Rudi Rosenberg, e no dia 23 foi exibido o filme “Je ne suis pas un salaud” (“Não sou um canalha”), de Emmanuel Finkiel. Decorreu ainda nesta escola um ateliê de cerâmica “Trabalhos em Azulejos”.

Um torneio de petanca no Parque D. Carlos I também fez parte do programa.

Gastronomia com papel central

A gastronomia teve um papel central neste evento. No dia 22 de março, decorreu na EHTO o almoço temático “Sabores da Francofonia”. Os alunos do curso de Cozinha, com apoio do chef Luís Tarenta, criaram uma ementa com os sabores da cozinha francesa.

Começou desde logo com um espumante francês “Champagne Veuve Clicquot Brut”. De seguida foi servido um prato forte da gastronomia francesa. Coquilles Saint Jacques et Lotte (vieiras e tamboril gratinados). Para acompanhar a entrada foi servido o vinho branco – Chanet Blanet Sauvignon.

Vichyssoise (creme de alho francês) foi a proposta para a sopa. Para o prato de carne foi escolhido Agneau et “Petit Pitans” (perna de borrego estufada com legumes). O vinho tinto “Rives & Tardasses Costiers de Nimes -2014” acompanhou este prato.

Uma Tarte Tatin et Glace à la Vanille (tarte de maçã invertida com gelado de baunilha) finalizou a ementa, que agradou aos clientes compostos nomeadamente por franceses que vivem na região. Souterns Chantet Balnet -2015 foi servido com a sobremesa.

Os vinhos e champanhe franceses servidos neste almoço foram oferecidos pelo E-Leclerc das Caldas da Rainha.

Ateliê de Éclairs

Depois do almoço no restaurante pedagógico da EHTO, realizou-se um ateliê e degustação de pastelaria francesa, que teve lotação completa. Dirigido pelo chef Luís Tarenta esta atividade proporcionou aos participantes um momento diferente de demonstração de como se faz “éclairs”, à base de massa choux, creme de pasteleiro, creme de chocolate, creme de café, chantilly, framboesas e morangos.

Os participantes aprenderam a fazer os éclairs e tiveram a oportunidade de provar todas as iguarias.

“Foi uma iniciativa que cativou os participantes que saíram satisfeitos”, disse a diretora da Alliance Française.

Daniel Pinto, diretor da EHTO, revelou que faz todo o sentido a escola de hotelaria associar-se ao evento porque a “cozinha e doçaria costumam ser o reflexo da identidade de um povo e da sua história”.

Este almoço na EHTO associou-se ao projeto Afinidade, onde a professora de francês, Carla Sousa, trabalhou com os alunos a língua e a ementa.

O responsável sublinhou que esta parceria com a Alliance Française já serviu de exemplo para outras escolas da rede de turismo como a de Coimbra e do Porto.

A Festa da Francofonia nas Caldas terminou com um ateliê de chocolate na EHTO (pólo de Óbidos), também no âmbito do Festival Internacional do Chocolate de Óbidos.

Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Atribuição de 75 bolsas de estudo nas Caldas

Decorre até 12 de novembro o prazo para apresentação das candidaturas para atribuição de 75 bolsas de estudo, no valor unitário de 800 euros, relativas ao ano letivo 2021/2022, destinadas a alunos oriundos de agregados familiares carenciados que pretendam prosseguir estudos em estabelecimentos de ensino superior sediados fora do concelho das Caldas da Rainha.

pexels stanley morales 3186386

Clube de Leitura presencial

A Biblioteca Municipal das Caldas da Rainha acolhe a realização do Clube de Leitura em formato presencial, organizado pelas leitoras Marta Ambrósio e Elisa Santos, no dia 30 de outubro, pelas 15h00.

Concerto “Música e Monumentos”

O Largo da Igreja, no Bombarral, foi palco, na noite do passado sábado, do concerto “Música e Monumentos”, pela Banda de Música do Círculo de Cultura Musical Bombarralense.

banda