Q

Previsão do tempo

14° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 21° C
15° C
  • Sunday 22° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 21° C
15° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 21° C

Deputados do PSD interrogam ministro sobre falta de médicos

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Deputados do PSD na Assembleia da República interrogaram o ministro da saúde sobre a falta de médicos em centros de saúde das Caldas da Rainha, questionando-o sobre autorizações necessárias para que alguns profissionais possam trabalhar.

Deputados do PSD na Assembleia da República interrogaram o ministro da saúde sobre a falta de médicos em centros de saúde das Caldas da Rainha, questionando-o sobre autorizações necessárias para que alguns profissionais possam trabalhar.

Hugo Oliveira, Olga Silvestre, João Marques e João Barreiras Duarte, num requerimento dirigido ao presidente da Assembleia da República no dia 28 de dezembro, apontam que “ao longo dos tempos têm sido várias as unidades de saúde em diferentes freguesias do concelho das Caldas da Rainha que têm tido dificuldades em garantir os serviços mínimos aos utentes”.

Os social-democratas relatam os casos dos polos dos Rostos, na freguesia do Landal, de A-dos-Francos e de Santa Catarina, pertencentes à Unidade de Cuidados Saúde Personalizados (UCSP) de Caldas da Rainha, e do polo de Alvorninha, da UCSP Pelicano Real.

“A falta de médicos tem vindo a prejudicar a população, que é fustigada pela insuficiência e incompetência dos serviços do estado. Os respetivos presidentes de junta, numa tentativa de apoiar a garantia da manutenção do serviço às populações, têm desenvolvido todos os esforços para encontrarem profissionais disponíveis para exercer as referidas funções. No entanto, para tal será necessária a autorização por parte do Agrupamento de Centros de Saúde Oeste Norte e da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo para começarem a trabalhar com base em acordo a estabelecer entre o Ministério da Saúde e uma instituição particular de solidariedade social”, vincam.

Os deputados “perante tal inoperância”, entendem como “inaceitável que esta autorização esteja pendente”.

Assim, questionam se o ministro tem conhecimento desta situação e se vai dar instruções para que seja resolvida de forma célere.

Interrogam também se sabe o número de médicos em falta por unidade, extensão ou centro de saúde do concelho, solicitando essa listagem, e se o ministro equaciona reestruturar os modelos de gestão das unidades de saúde das Caldas da Rainha e, em caso afirmativo, quais os modelos a adotar.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Samuel Freire e Catarina Ribeiro vencem nas Caldas nos 10.000 metros

Samuel Freire e Catarina Ribeiro conquistaram no passado sábado os títulos de Portugal em 10.000 metros, nos campeonatos que decorreram na pista verde de Caldas da Rainha, numa organização da Federação Portuguesa de Atletismo, com apoio da Associação Distrital de Atletismo de Leiria e do Município de Caldas da Rainha.

atletismo2

Workshop sobre contratos de trabalho

A Associação Empresarial da Região Oeste (AIRO) organiza o workshop “Direitos no despedimento e tipos de rescisão de contrato de trabalho” no dia 6 de maio, pelas 14h00.

“Mural dos Afetos” é inaugurado a 6 de maio

No dia 6 de maio, pelas 15 horas, será inaugurado o “Mural dos Afetos”, da autoria do artista Daniel Eime, em prédio localizado na entrada sul da cidade de Caldas da Rainha (empena do n.º 21, na Rua General Amílcar da Mota), uma iniciativa integrada no Movimento da Cidade dos Afetos.

mural