Q

Previsão do tempo

17° C
  • Tuesday 18° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 19° C
17° C
  • Monday 17° C
  • Tuesday 19° C
  • Wednesday 18° C
18° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 19° C

“Júpiter” no CCC

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Grande Auditório do Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha é palco de “Júpiter”, concerto da Orquestra Metropolitana de Lisboa (OML), no dia 1 de julho, pelas 21h30.

O Grande Auditório do Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha é palco de “Júpiter”, concerto da Orquestra Metropolitana de Lisboa (OML), no dia 1 de julho, pelas 21h30.

Serão interpretadas obras de Debussy (Syrinx, para flauta solo), Mozart (Concerto para Flauta e Orquestra N.º 1 e Sinfonia N.º 41, Júpiter), com Nuno Inácio na direção musical e flauta.
A ideia de que Mozart teria aversão à flauta tem origem numa carta que dirigiu a seu pai em 1778, na qual desabafava a falta de motivação para satisfazer uma encomenda que lhe foi feita por um aristocrata e músico amador aquando da sua passagem por Mannheim. Na verdade, dedicou àquele instrumento muita música sublime. É isso mesmo que o 1.º flautista da OML, Nuno Inácio, se propõe mostrar neste programa à frente da sua orquestra, com duas obras escolhidas a dedo.
O Concerto para Flauta N.º 1 foi composto naquela ocasião, mas não transparece qualquer tipo de enfado. Em três andamentos, é pleno de jovialidade e lirismo, para lá de terminar com um minueto que dispensa apresentações. Revisita depois a derradeira sinfonia, a Júpiter, uma partitura com momentos incríveis protagonizados por uma só flauta no topo da secção das madeiras.
Diante de tudo isto, serve de introito uma curta peça para flauta solo de Debussy datada de 1913. Syrinx traduz o nome da ninfa Siringe, e também da flauta de pã.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Melhorada estrada nova do Béltico

Estão em fase de conclusão as obras de beneficiação da estrada nova do Béltico, que liga os concelhos de Óbidos e Peniche.

beltico

Reabilitação das duas residências de estudantes e construção de uma nova

A empreitada de reabilitação da residência de estudantes ‘Rafael Bordalo Pinheiro’, na Rua Vitorino Fróis, em Caldas da Rainha, vai permitir aumentar a oferta de camas, das atuais 104 para 117, num investimento de cerca de 1 milhão e 360 mil euros, financiado pelo Programa de Recuperação e Resiliência (PRR), no âmbito do Plano Nacional para o Alojamento no Ensino Superior (PNAES).

residencias

Óbidos Parque cativa negócios de empresas brasileiras

Miguel Silvestre, diretor executivo do Óbidos Parque - Parque Tecnológico de Óbidos, esteve em São Paulo, de 12 a 17 de Maio, a promover colaborações estratégicas entre Portugal e Brasil.

parque