Q

Previsão do tempo

17° C
  • Saturday 26° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 22° C
17° C
  • Saturday 27° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 22° C
17° C
  • Saturday 29° C
  • Sunday 25° C
  • Monday 23° C

Céu de Vidro vai acolher exposição dos 75 anos do Opus Dei em Portugal

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Opus Dei, movimento pastoral da Igreja Católica, está a celebrar os 75 anos de presença em Portugal (1946-2021) com uma exposição itinerante que tem percorrido várias cidades do país e que ficará patente de 9 a 13 de abril, no Céu de Vidro (Parque D. Carlos I), nas Caldas da Rainha.
Da mostra constam painéis e objetos históricos do movimento fundado por Josemaría Escrivá de Balaguer

O Opus Dei, movimento pastoral da Igreja Católica, está a celebrar os 75 anos de presença em Portugal (1946-2021) com uma exposição itinerante que tem percorrido várias cidades do país e que ficará patente de 9 a 13 de abril, no Céu de Vidro (Parque D. Carlos I), nas Caldas da Rainha.

A inauguração da exposição “75 anos do Opus Dei em Portugal” terá lugar no dia 9 de abril, às 15 horas, com a presença de D. Daniel Henriques, bispo auxiliar de Lisboa, e do monsenhor José Rafael Espírito Santo, vigário regional do Opus Dei em Portugal.

No dia 10, às 16 horas, realiza-se uma mesa redonda com testemunhos sobre o livro “Caminho”, de Josemaría Escrivá de Balaguer, fundador do Opus Dei.

Esta exposição já percorreu várias cidades de Portugal ao longo do último ano, entre as quais Lisboa, Cascais, Viseu, Braga, Porto, Vila Nova de Gaia, Montijo, Coimbra, Évora e Ponta Delgada (Açores).

O desafio de contar 75 anos numa exposição foi assumido por algumas mulheres do Opus Dei, que, em colaboração com a empresa Exibitat, construíram uma mostra com fotografias e objetos, alguns inéditos, sobre a história do Opus Dei em Portugal. Da exposição constam 14 painéis e alguns objetos históricos.

Segundo o monsenhor José Rafael Espírito Santo, a exposição “pretende dar a conhecer aspetos desta pequena parte da história da Igreja em Portugal e assim ajudar a interiorizar palavras de João Paulo II que resumem este aniversário: “Lembrar com gratidão o passado, viver com paixão o presente, abrir-se com confiança ao futuro”.

A exposição pode ser visitada de 9 a 13 de abril, no seguinte horário: Sábado: das 15h às 19h; Domingo: das 10h às 13h e das 15h às 19h; De 2ª a 4ª feira: das 16h às 20h. A entrada é gratuita.

Missão evangelizadora

Fundado durante um retiro espiritual em Madrid, Espanha, em 1928, com o objetivo de contribuir para a missão evangelizadora da Igreja, promovendo entre todos os cristãos, nas suas circunstâncias habituais (no trabalho, na vida familiar e nas restantes ações) uma vida coerente com a fé, especialmente através da santificação do trabalho profissional, a atividade principal do Opus Dei é a formação espiritual e o atendimento pastoral dos seus membros, para facultar que, cada um, no seu próprio lugar na Igreja e no mundo, leve a cabo, de modo pessoal, um apostolado que promova o chamamento universal à santidade.

Opus Dei (“Obra de Deus”, em latim) procura santificar o trabalho quotidiano das pessoas sob as condutas de uma vida cristã. “Santificar o trabalho significa realizá-lo segundo o espírito de Jesus Cristo: procurar cumprir o melhor possível a própria tarefa, para dar glória a Deus e servir os outros. O trabalho torna-se, desse modo, lugar de encontro com Deus”, descreve a prelatura pessoal da Igreja Católica.

“É no meio das coisas mais materiais da terra onde nos devemos santificar, servindo a Deus e a todos os homens”, dizia Josemaría Escrivá de Balaguer, que faleceu em 1975, foi beatificado em 1992 e canonizado dez anos depois, durante o pontificado de João Paulo II.

Na ótica do Opus Dei, “a família, o casamento, o trabalho, a ocupação de cada momento são ocasiões para encontrar e imitar Jesus Cristo, procurando praticar a caridade, a paciência, a humildade, a laboriosidade, a justiça, a alegria e em geral as virtudes humanas e cristãs”.

Todo o espírito do Opus Dei tem por base um princípio evangélico fundamental: pelo batismo, os cristãos são filhos de Deus.

O estabelecimento do trabalho apostólico do Opus Dei em diferentes países começou em 1946, sendo Portugal o primeiro, depois de Espanha, estando hoje nos cinco continentes.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Suspeito de esfaqueamento detido pela Judiciária

Um homem de 24 anos que tentou matar outro com uma faca, no ano passado em Rio Maior, foi detido no dia 24 de maio pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria da Polícia Judiciária em Ferrel, no concelho de Peniche.

pj

João Almeida com Covid-19 desiste do Giro d’Italia

A 18ª etapa do Giro d’Italia, nesta quinta-feira, fica marcada pela ausência do ciclista caldense João Almeida, que acusou positivo à Covid-19, sendo assim forçado a abandonar a prova, quando ocupava o quarto lugar, a 1 minuto e 54 segundos do líder e a 49 segundos do pódio.

almeida 3