Q

Previsão do tempo

15° C
  • Sunday 14° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 16° C
15° C
  • Sunday 15° C
  • Monday 16° C
  • Tuesday 17° C
15° C
  • Sunday 15° C
  • Monday 16° C
  • Tuesday 17° C
Taça de Portugal – 4ª eliminatória

Caldas Sport Clube 3 – Belenenses SAD 5

Rui Miguel

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A Belenenses Sad teve de batalhar para vencer o Caldas (5-3) e seguir para os oitavos de final da Taça de Portugal.
Belenenses

Taça de Portugal – 4ª eliminatória

A Belenenses Sad teve de batalhar para vencer o Caldas (5-3) e seguir para os oitavos de final da Taça de Portugal.

Campo da Mata

Árbitro: David Silva, da AF. Porto); Assistentes: Rui Licínio e Carlos Campos; 4.º Árbitro: João Afonso

Caldas Sport Clube: Luís Paulo, Yordi, Militão, Pedro Gaio, Diego Clemente, André Sousa, Juvenal Oliveira, Leandro Borges, João Silva, André Perre e João Rodrigues.

Suplentes: Rui Oliveira, Marcelo Marquês, Luis Farinha, André Santos, Nuno Sanuário, Vitor Rodrigues e Pedro Faustino.

Treinador: José Vala; Adjunto: Gonçalo Penas; Médico: Paulo Parente; Massagista: Álvaro Fonte; Delegado: Nuno Ferreira

Cartões amarelos: André Perre – 22m – 1P, Militão – 22M – 1P, André Sousa – 25M – 1P e Yordi – 27M – 2P

Golos: João Rodrigues (6M-1P e 33M-1P) e Militão (15M-2P)

Substituições: Diogo Clemente (Marcelo Marquês, 26M-2P), João Silva (Pedro Faustino, 37M-2P), Yordi Luis Farinha, 37M-2P), André Perre (Nuno Januário, 45M-2P) e André Santos (Vitor Rodrigues, 45M-2P)

Belenenses SAD: Luis Felipe, Diogo Calila, Tomás Ribeiro, Pedro Nuno, Lukovic, Danny Henriques, Carraça, Cafú Phele, Chima, Abel Camará e Yhohan Tavares.

Suplentes: João Monteiro, Nilton Varela, Afonso Sousa, César Sousa, Ndour, Christian e Sandro.

Treinador: Filipe Cândido

Cartões amarelos: Danny Henriques (3M-1P), Abel Camará (12M-1P), Lukovic (35M-1P) e Chima (4M-2P)

Golos: Lukovic (3M-1P), Pedro Nuno (19M-1P e 8M-2P), Calila (10M-2P) e Afonso Sousa (49M-2P)

Substituições:Lukovic (Afonso Sousa, 45M-1P), Luis Felipe (João Monteiro, 19M-2P), Pedro Nuno (Sandro, 23M-2P) e Calila (Nilton Varela, 35M-2P)

A Belenenses Sad teve de batalhar para vencer o Caldas (5-3) e seguir para os oitavos de final da Taça de Portugal.

A equipa comandada por Filipe Cândido abriu o marcador aos três minutos por Lukovic, mas a equipa da casa reagiu logo de seguida, e empatou por João Rodrigues, aos seis minutos.

A partida foi sempre muito equilibrada, e a Belenenses Sad voltou à vantagem aos 19 minutos por intermédio de Pedro Nuno, num lance contestado pelos caldenses, pois o guarda-redes Luís Paulo pedia assistência

O Caldas voltou a não baixar os braços e igualou o marcador aos 33 minutos graças a um bis de João Rodrigues.

O segundo tempo começou praticamente com dois golos da Belenenses Sad e que colocaram os azuis numa posição confortável para seguir em frente: Pedro Nuno bisou aos 53 minutos, para Calila aumentar a contagem aos 55, no entanto, o Caldas mostrou a sua raça frente à equipa da 1ª Liga e voltou a marcar aos 60 minutos por intermédio de Thomas Militão.

O golo deu alento à equipa orientada por José Vala e os caldenses até tiveram várias oportunidades para marcar, contudo, a Belenenses Sad acabou por sentenciar o resultado final, com um golo de Afonso Sousa já nos descontos.

Além do jogo, que contou com as bancadas cheias, onde estiveram cerca de 3000 adeptos, houve ainda piqueniques bem como muita música, com o grupo Brassdass, e animação.

Reações:

José Vala, treinador do Caldas: “Entrámos a sofrer o golo e a estratégia ficou logo condicionada, apesar de termos empatado no lance seguinte. Mas andámos sempre atrás do resultado. Até comentei com o quarto árbitro que equipas como o Caldas, que têm algum romantismo nisto, acabam por sofrer. Qualquer outra equipa, no segundo golo que sofremos, punha o guarda-redes no chão para o colega trocar a meia que estava com sangue. Nós fomos demasiado honestos, não o fizemos e quando o queríamos fazer, sofremos o segundo golo no local onde faltava o nosso jogador.

Na segunda parte, quando até estávamos organizados para evitar perigo, surgiram dois golos de rajada. Mas voltámos a ter alma para ir atrás do resultado. Acho que merecíamos mais qualquer coisa e nem estou a olhar para o facto de ser uma equipa da Liga e outra da Liga 3.

Demos grande imagem do nosso valor e em relação aos nossos adeptos, é algo a que este grupo está habituado. É bonito o ambiente”.Filipe Cândido, treinador da Belenenses Sad: “Quero dar os parabéns às três equipas e ao Caldas em particular pelo envolvimento que cria em dias de jogo. Já o tinha defrontado e sabia que era assim. É uma equipa muito competitiva, que joga sempre no limite e faz a vida negra a quem aqui passa. Ganhámos nós, foi com esse propósito que viemos, mas o Caldas valorizou muito a nossa vitória e tivemos de ter muita humildade”

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Jornal das Caldas nas 24 horas de Fronteira todo-o-terreno

Mais de duas centenas e meia de pilotos, de nove nacionalidades, mas também os espetadores espalhados pelos 16 quilómetros de perímetro do Terródromo de Fronteira, voltaram a viver as emoções e as sensações que só a maior prova de resistência da modalidade consegue proporcionar. As 24 horas de Fronteira voltaram para reafirmar a sua reputação. Não apenas de uma luta contra o cronómetro ou uma prova de superação para homens e máquinas, mas também uma enorme festa, que celebra o verdadeiro espírito do todo-o-terreno. 

tt

Feira da Bagageira na Expoeste

No passado fim-de-semana, a Expoeste, nas Caldas da Rainha, recebeu a Feira da Bagageira, tendo o pavilhão estado ocupado com carros e carrinhas, de bagageira aberta e com as bancas montadas no seguimento das viaturas

bagageira