Q

Previsão do tempo

19° C
  • Saturday 20° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 21° C
20° C
  • Saturday 21° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 22° C
20° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 23° C

Oficina – Algas: do mar ao prato

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A meteorologia ajudou para que a Oficina “Algas: do mar ao prato”, que se realizou no dia 23 de junho, decorresse da melhor maneira. Programada para dia e hora de maré baixa em tempo de lua cheia (na lua cheia e lua nova as marés têm maior amplitude), um grupo animado de gastrónomos e apaixonados pela natureza pôde observar a rica diversidade de algas da costa na praia de S. Bernardino (Peniche), sob a orientação da professora Teresa Mouga, bióloga e diretora da Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar (ESTM) e da ajuda de uma ex-bolseira, mestre Inês Rodrigues.
Identificação de alga recolhida

Esta atividade inseriu-se no âmbito do CREIAS Oeste – Centro Regional de Educação e Inovação associada à Sustentabilidade do Oeste, dos quais o Movimento Pró Informação e Cidadania e Ambiente (MPI) e a ESTM são parceiros, e teve ainda o apoio do Rotary Club de Peniche.

O consumo de algas pela população foi uma realidade até ao período da 2ª guerra mundial, tendo caído no esquecimento, mas pelas excecionais características nutricionais (completo e elevado teor em aminoácidos, elevado teor em vitaminas e minerais) e excecionais propriedades antioxidantes “deveriam ser reconhecidas na nossa gastronomia”, sustentou Alexandra Azevedo, presidente da direção do MPI e membro da Comissão Dinamizadora do CREIAS Oeste.

Teresa Mouga alertou para a recolha consciente deste recurso através do uso de tesoura ou faca para se cortar apenas as lâminas e talos permitindo assim a regeneração da alga, sendo o ideal o seu cultivo. Apesar da diversidade presente a quantidade disponível é inferior à que se registava há algumas décadas atrás, o que revela também o estado do oceano ameaçado pela sobrepesca, em particular a pesca de arrasto, e pela poluição.

Na sede do Rotary Club de Peniche decorreu o restante programa da oficina, em que os participantes puderam conhecer alguns “segredos” culinários colaborando na confeção de pratos, a que se seguiu um almoço com uma ementa variada em que as algas foram ingrediente obrigatório.

Concluiu-se a oficina com um momento de esclarecimento de dúvidas e partilha de conhecimentos por colaborador desta oficina, Luís Fonseca, médico residente em Peniche e um aficionado pelas algas, com uma experiência acumulada na recoleção, seu uso noutras regiões (como os Açores e países europeus) e no estudo, apresentando uma considerável biblioteca sobre o tema.

“Procurou-se alertar para os graves problemas associados à produção intensiva dos alimentos, à padronização da dieta na já conhecida por dieta ocidental, onde predominam os alimentos de origem animal, os cereais refinados, alimentos transgénicos e uma panóplia de aditivos, muitos dos quais artificiais, apresentando como alternativa uma dieta que valorize os recursos naturais locais e a produção de alimentos sustentável”, referiu Alexandra Azevedo.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Os Golpe lançaram novo álbum “Terra do Diabo”

O grupo musical Golpe lançou um novo álbum, intitulado “Terra do Diabo”. O quinteto é da Benedita, mas tem dois elementos que são das Caldas da Rainha.
Da banda fazem parte Carlos Marques (voz, baixo e guitarra acústica), Samuel Lucas (guitarra e back vocals), João Carlos (teclados) e os músicos das Caldas da Rainha, Luís Agostinho (teclados) e Louie Russo (bateria e back vocals).

golpe 1

Empate com o Amora mantém o Caldas em segundo lugar

Amora FC e Caldas SC disputaram no passado sábado, no estádio da Medideira, uma partida a contar para a jornada 8 que terminou com igualdade a uma bola. Com este resultado, o Caldas soma 18 pontos e mantém-se em segundo lugar, mantendo tudo em aberto para as últimas duas jornadas na Série 2 de manutenção na Liga 3.

caldas2

Rampa Foz do Arelho

O cenário deslumbrante da Foz do Arelho, no último domingo de abril (dia 28), vai ser palco de uma das mais tradicionais provas de Regularidade Sport Plus de Rampa, que integra o calendário da Series by NDML, organizada pelo Núcleo Desportos Motorizados de Leiria.

rampa