Q

Previsão do tempo

16° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 24° C
  • Saturday 24° C
17° C
  • Thursday 25° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 25° C
17° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 28° C
  • Saturday 27° C

Carlos Neto lançou a sua própria marca de cerveja artesanal e kombucha

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Localizado no Traça Trapos, a nova marca de kombucha das Caldas da Rainha, Izzu Brewing, tem-se desenvolvido de forma exponencial: “Estamos a fornecer 300 a 350 litros por mês a vários locais como o Maratona, Traça Trapos e um bar em Óbidos”, contou Carlos Neto, produtor da marca.
Kombucha Izzu Brewing

Localizado no Traça Trapos, a nova marca de kombucha das Caldas da Rainha, Izzu Brewing, tem-se desenvolvido de forma exponencial: “Estamos a fornecer 300 a 350 litros por mês a vários locais como o Maratona, Traça Trapos e um bar em Óbidos”, contou Carlos Neto, produtor da marca.

A ideia para este negócio surgiu em 2012 através do fabrico de cerveja artesanal em casa: “Os meus amigos gostaram e eu tentei escalar”. 

Todavia, só no dia 5 de julho de 2023 conseguiu ter uma marca oficial, a Cerveja Netus, numa submissão à Câmara das Caldas para certificação e aos serviços alfandegários de Peniche para obter o imposto de álcool.

A produção de cerveja numa microcervejeira urbana tem um sistema que permite fazer 150 litros de cada vez: “Temos os fermentadores refrigerados e a cerveja em garrafa ou em barril”. 

Os barris estão separados entre 20 litros ou 30 litros. São consumidos 12 a 14 barris por mês, quer na exportação, quer na venda através de eventos locais e nacionais. 

Este ano Carlos Neto decidiu ainda expandir para a kombucha, um chá biológico fermentado, não pasteurizado, que funciona mediante “uma fermentação de chá-verde biológico dos Açores fermentado com microorganismos e cria uma bebida rica em probióticos”. 

O produtor optou por um chá dos Açores, a Gorreana, e criou quatro edições com sabores diferentes: romã, maçã de Alcobaça, manga e um sabor natural. Para o futuro estão pensados os sabores de frutos vermelhos e coco.

Carlos Neto quer fazer um produto o mais biológico e português possível. “Existem várias marcas no mercado e queremos diferenciar-nos delas. Somos uma de duas marcas que utilizam chá europeu e tentamos utilizar ao máximo produtos portugueses”, referiu.

A bebida pode ser consumida à pressão ou em garrafa. Custa cerca de três euros e com a devolução da garrafa existe uma redução do valor.

O empresário tem ainda uma carrinha que lhe permite deslocar-se aos eventos e feiras, sendo que a próxima será na Feira dos Frutos nas Caldas da Rainha.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Escultura de homenagem à PSP deixa polícias emocionados pela ligação à comunidade

Foi inaugurada na passada sexta-feira uma escultura de homenagem à PSP na sede da Divisão Policial das Caldas da Rainha, a propósito dos 150 anos do Comando Distrital. Peça da autoria de Carlos Oliveira em parceria com a empresa MVC Portuguese Limestones, representa “um gesto de apreço pela entrega abnegada dos nossos polícias no que fazem na defesa dos que mais precisam”, considerou o superintendente, Luís Carrilho, diretor nacional da PSP, presente na cerimónia.

escultura1 1

Caldense no pódio de Miss Inteligência Artificial

Olivia C. é uma influencer portuguesa, gerada por IA (Inteligência Artificial), que ficou no pódio do primeiro concurso de beleza de IA do mundo. Natural das Caldas da Rainha, Olivia ficou em terceiro lugar. Lalina, da França, ficou em segundo e a grande vencedora foi Kenza Layli, de Marrocos. 

olivia

Menor internado em centro educativo por atear seis fogos florestais

O Tribunal da Relação de Coimbra confirmou a pena de medida tutelar educativa de internamento em centro educativo, em regime fechado, pelo período de três anos, aplicada a um menor de quinze anos pelo Juízo de Família e Menores das Caldas da Rainha, pela prática de cinco crimes de incêndio florestal e outro qualificado como incêndio florestal agravado.

menor