Q

Previsão do tempo

12° C
  • Friday 13° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 16° C
12° C
  • Friday 13° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 16° C
12° C
  • Friday 13° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 16° C

Atouguia da Baleia acolhe presépios de Maria Cavaco Silva

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Uma coleção de presépios da antiga primeira-dama de Portugal, Maria Cavaco Silva, vai estar exposta no Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia (CIAB), no concelho de Peniche, a partir de 9 de dezembro, pelas 18h00.
Exposição reúne várias centenas de peças

Uma coleção de presépios da antiga primeira-dama de Portugal, Maria Cavaco Silva, vai estar exposta no Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia (CIAB), no concelho de Peniche, a partir de 9 de dezembro, pelas 18h00.

Reúne várias centenas de peças das mais diversas proveniências, desde países distantes como Chile e Timor a centros tradicionalmente ligados à produção nacional de presépios, como Barcelos e Estremoz, e até mesmo produções de Instituições Particulares de Solidariedade Social às quais Maria Cavaco Silva esteve ligada.

Algumas das peças expostas são mostradas ao público pela primeira vez e evidenciam a enorme diversidade da coleção que há já 15 anos percorre o país.

Integrado no Peniche Um Mar de Natal – Um Natal Encantado, a exposição “Numa Manjedoura” é uma coorganização do Município de Peniche, Junta de Freguesia de Atouguia da Baleia e Santa Casa da Misericórdia de Atouguia da Baleia, com o apoio da Paróquia de Peniche e do Museu da Presidência da República, onde a coleção de Maria Cavaco Silva se encontra à guarda.

O presidente da Junta de Freguesia de Atouguia da Baleia, António Salvador, relatou que a autarquia tomou a iniciativa de propor a realização desta exposição aproveitando o facto do assessor do antigo Presidente da República, Ademar Vala Marques, “ser da nossa vila e ser o atual provedor da Misericórdia”.

A mostra pode ser vista até 7 de janeiro, de terça-feira a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00. A entrada é livre.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Refugiados de África dormiram uma noite em receção de hotel

Um grupo de 31 cidadãos oriundos de vários países africanos e requerentes de proteção temporária internacional viveu na semana passada nas Caldas da Rainha momentos angustiantes, ao ponto de ter dormido uma noite na receção de um hotel, devido à falta de respostas da Agência para a Integração, Migrações e Asilo (AIMA), que desde o dia 29 de outubro de 2023 assegura as funções administrativas relacionadas com migrantes e asilo que eram missão do extinto Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.

refugiados1