Q

Previsão do tempo

19° C
  • Wednesday 26° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 29° C
19° C
  • Wednesday 26° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 29° C
19° C
  • Wednesday 28° C
  • Thursday 30° C
  • Friday 32° C

António Morgado sacrifica-se pelo líder da equipa em Itália

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Depois de um começo promissor, em que cumpridas três etapas estava na 21ª posição, a apenas a 36 segundos do líder, então o belga Alec Segaert, da Lotto Dstny Development Team, a quarta etapa, no dia 14 de junho, viria a mudar a história do ciclista caldense António Morgado, único português em prova no Giro Next Gen, em Itália, uma Volta a Itália mais pequena para os sub-23.
O Passo dello Stelvio levou à desqualificação de 24 ciclistas

Depois de um começo promissor, em que cumpridas três etapas estava na 21ª posição, a apenas a 36 segundos do líder, então o belga Alec Segaert, da Lotto Dstny Development Team, a quarta etapa, no dia 14 de junho, viria a mudar a história do ciclista caldense António Morgado, único português em prova no Giro Next Gen, em Itália, uma Volta a Itália mais pequena para os sub-23.

O corredor de Salir do Porto foi obrigado a sacrificar as suas ambições pessoais para trabalhar para o líder da sua equipa, Hagens Berman Axeon, o irlandês Darren Rafferty, que ficou em 3º na ligação Morbegno-Passo dello Stelvio, enquanto António Morgado chegava em 72º, a 18 minutos e 25 segundos do vencedor da etapa de 119 quilómetros, o norueguês Johannes Staune-Mittet (Jumbo-Visma Development Team), que passou a liderar. Darren Rafferty ficava em 2º da geral, a 18 segundos, e a Hagens Berman Axeon subia dois lugares, para 2º, a 6 minutos e 39 segundos da líder Jumbo-Visma Development Team.

A organização anunciou entretanto que foram desqualificados 24 ciclistas, filmados a cruzar a linha de meta agarrados a motas e carros de apoio, forma ilegal de chegarem ao final de uma montanha íngreme e brutal.

António Morgado não estava nesse leque de ciclistas mas a quinta etapa, de 159 quilómetros, não o fez recuperar lugares, pelo contrário. Foi 128º, a 20 minutos e 22 segundos do 1º, o inglês Lukas Nerurkar (Trinity Racing). Na classificação geral o líder da equipa de Morgado mantinha o 2º lugar, a 19 segundos do 1º. O caldense desceu mais 35 lugares, para 97º, agora a 38 minutos e 57 segundos do líder, entre 130 ciclistas ainda em prova. A sua equipa caiu para 7º, descendo cinco lugares, estando a 23 minutos e 38 segundos da líder Jumbo-Visma Development Team.

Nesta sexta-feira corre-se a sexta etapa, na distância de 166 quilómetros. A prova termina no dia 18 de junho.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

José Ramalho no Festival Internacional de Teatro para a Infância e Juventude

O Teatro Figura, do ator José Ramalho, diretor técnico do Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha, José Ramalho está a participar no XVIII Festival Internacional de Teatro para a Infância e Juventude (FITIJ), em Santarém, com o espetáculo “Contos do Mundo”, de 3 a 9 de outubro.

jose ramalho

Mais franceses procuram habitação na região Oeste

A consultora imobiliária da RE/MAX - Vantagem Real, Lília Romão que representou Caldas da Rainha no Salão Imobiliário e do Investimento Português em Paris “A la découverte du Portugal” trouxe cerca de 200 contactos de clientes que querem investir na região Oeste.

remax 1