Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 16° C
  • Thursday 18° C
  • Friday 21° C
16° C
  • Wednesday 17° C
  • Thursday 19° C
  • Friday 21° C
17° C
  • Wednesday 17° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 23° C

Centro de Artes em grande atividade

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Centro de Artes das Caldas da Rainha tem estado bastante ativo ao longo deste mês, com diversos eventos, seja para assinalar o Dia Internacional dos Museus quer no âmbito da ação “Bom Dia Cerâmica”, entre outras iniciativas.

O Centro de Artes das Caldas da Rainha tem estado bastante ativo ao longo deste mês, com diversos eventos, seja para assinalar o Dia Internacional dos Museus quer no âmbito da ação “Bom Dia Cerâmica”, entre outras iniciativas.

Uma oficina para mães e filhos, no dia 6 de maio, serviu para criar lembranças para oferecer no Dia da Mãe.

Durante o mês de maio, de segunda a sexta-feira tem estado a decorrer a iniciativa Eco Esculturas, no Atelier-Museu António Duarte, em que a partir da observação das esculturas existentes no Jardim do Centro de Artes se procura criar esculturas com materiais reciclados.

Entre 16 e 19 de maio decorreu no Atelier-Museu António Duarte uma iniciativa de construção de um hotel para insetos, a partir de uma estrutura de madeira e com materiais reciclados.

A celebração do Dia Internacional dos Museus, a 18 de maio, proporcionou uma série de atividades, a começar pela Companhia Era uma Vez, Marionetas, que, segundo o Centro de Artes, animou mais de 500 crianças com um teatro de fantoches em que a história era sobre a reciclagem.

Nesse dia houve visitas guiadas para conhecer mais aprofundadamente as coleções de escultura dos museus do Centro de Artes e à noite, no Museu Leopoldo de Almeida, solistas da Metropolitana (Janete Santos na flauta, Ana Pereira e Joana Dias nos violinos, Joana Cipriano na viola, Catarina Gonçalves no violoncelo, Vladimir Kouznetsov no contrabaixo e Fernando Miguel Jalôto no cravo), interpretaram Bach, no âmbito da iniciativa “CCC Fora de Portas”.

No dia 19, realizou-se no Atelier-Museu António Duarte e Museu Leopoldo de Almeida a iniciativa “Há noite no Museu”, em que após uma oficina criativa para construir uma luminária a partir de materiais reciclados, houve um jantar e jogo lúdico, para além de uma visita pelo espaço museológico e visualização de um filme antes de dormir.

No âmbito do “Bom Dia Cerâmica”, evento em parceria entre o Município das Caldas da Rainha, Centro de Artes e Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica, foram realizados workshops de pintura de azulejo de padrão séc. XVI e hispano-árabe, com Mariana Sampaio, no Atelier-Museu António Duarte.

No Museu Barata Feyo foi inaugurada uma exposição de Naquib Hassamo, tendo o azulejo como ponto central.

No Jardim, Cafetaria e Espaço Concas houve uma homenagem ao fotógrafo Edgar Libório, com exposição de fotografia e música com dj’s. Ainda em memória do “Libas”, foi realizado um percurso BTT, entre o Centro de Artes, Gaeiras e Lagoa de Óbidos, lugares associados a Edgar Libório.

Das atividades do Centro de Artes constaram ainda, no dia 21, no jardim, uma demonstração de olaria com Francisco Correia.

A exposição “O verdadeiro lado da manta debaixo da nespereira” (de Antónia Labaredas, Filipe Feijão, Fernando Travassos, Miguel Ângelo Marques, Rubene Palma Ramos, Vanda Madureira e Vasco Costa, a partir de uma proposta de Sara & André) está patente até ao dia 28 de maio.

metro2 1
Construção de hotel para insetos
metro3 1
Marionetas para público escolar
metro4 1
Oficina para mães e filhos
(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Caminhada angariou 3900 euros para Liga Portuguesa Contra o Cancro

A caminhada realizada a 19 de maio, nas Caldas da Rainha, no âmbito da iniciativa do Núcleo Regional do Sul da Liga Portuguesa Contra o Cancro “Corrida Pela Investigação”, angariou 3900 euros para bolsas de investigação científica na área da oncologia.

caminhadaLPC1

População unida num “abraço” para a reabertura da Escola do Coto

O fecho da Escola Primária do Coto no final do ano letivo 2022/2023 “por falta de condições de segurança”, que na altura surpreendeu os pais e alunos, levou no dia 15 de maio dezenas de pessoas a protestarem junto ao estabelecimento de ensino para exigirem o arranque das obras de requalificação e a sua reabertura o mais breve possível.

Escola 1