Q

Previsão do tempo

16° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 23° C
17° C
  • Tuesday 21° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 23° C
17° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 25° C
  • Thursday 25° C

“Liberta-te” é o mote de exposição escolar

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
“Walking in my Shoes” é o título da exposição-instalação patente na “Sala de Processos” da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, nas Caldas da Rainha, que tem como um dos objetivos dar coragem às mulheres que são vítimas de violência para se libertarem da situação em que vivem.

“Walking in my Shoes” é o título da exposição-instalação patente na “Sala de Processos” da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, nas Caldas da Rainha, que tem como um dos objetivos dar coragem às mulheres que são vítimas de violência para se libertarem da situação em que vivem.

Inaugurada no mesmo dia do arranque da exposição “A Verdade Dói”, na mesma escola, a 8 de março, a mostra foi criada pelas alunas Beatriz Oliveira, Carolina Maria, Erica Morgado, Lara Lopes, Lúcia Santos, Mariana Freitas e Renata Felizardo (3º ano do curso de Técnico de Audiovisuais), sob a coordenação das professoras Ana Maymone e Verónica Ladeira.

A instalação “Walking in my Shoes” propõe um percurso labiríntico, construído a partir de uma teia de fios de trapilho, que transformam o espaço de uma escada de acesso às salas de aula do bloco 3.

O espetador é “obrigado” a interagir com a obra, retirando-o do conforto proporcionado por uma vida linear, sem altos, nem baixos. “Assim, os fios tensionados entre os gradeamentos das escadas obrigam o espetador a vergar-se e a baixar a cabeça perante uma força que se impõe e o impede de conseguir atravessar o seu caminho sem sobressaltos”, explicou a professora Ana Maymone.

Esta pretende ser uma forma do espetador ser transportado para o lugar das vítimas de violência doméstica, convidado a calçar os seus sapatos e a sentir como “a sua vida pode ser tortuosa, cheia de agulhas e becos”.

No topo das escadas estão escritas em grande formato as palavras “Liberta-te!”, um grito que quer chegar a todas as mulheres que precisam de auxílio, dando-lhes força e coragem.

Na cerimónia de inauguração foi ainda apresentado um vídeo dedicado ao 25 de Novembro, Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra a Mulher, desenvolvido em colaboração com o Centro Hospitalar do Oeste pelas alunas Carolina Maria e Lara Lopes, entre outros colegas, sob a orientação do professor Paulo Vasques (que faleceu recentemente e foi lembrado nesta cerimónia).

Como março é dedicado à mulher, a exposição não se limita a uma abordagem sobre a violência, associando-se à instalação o exemplo de mulheres que “construíram uma carreira e um percurso significativo num mundo anteriormente e exclusivamente masculino, a arte, libertando-se através da sua obra da condição de ser mulher”, explicou Ana Maymone.

A instalação dialoga com a exposição “ART – Mulher Artista na Bordalo”, que faz uma retrospetiva pela história e cultura das artes no feminino.

Este projeto foi apoiado pelo Plano Nacional das Artes e pelo Programa Nacional da Promoção do Sucesso Escolar, com a artista residente Amábile Maria e a aluna Iara Inácio.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Tenistas caldenses arrecadam títulos regionais

Decorreram entre os dias 5 e 8 de abril os campeonatos regionais individuais dos escalões Sub14 e Sub18. Os atletas do Clube de Ténis das Caldas da Rainha / Felner Tennis Academy marcaram forte presença nestas provas e conquistaram diversos títulos.

titulos1

Rodrigo Inácio vence em Leiria

Decorreu no passado fim de semana o "Torneio Juvenil" organizado pelo Racket Sports Club Leiria destinado aos escalões Sub14 e Sub18. Esta prova de categoria C do calendário da Federação Portuguesa de Ténis contou com a presença de atletas do Clube de Ténis das Caldas da Rainha: Diogo Faustino, Maria Milhões Maia, Matilde Figueiredo e Rodrigo Inácio.

tenis 1

Peão Cavalgante/Arneirense empata

No dia 13 de abril realizou-se a quinta ronda do Campeonato Nacional de Equipas da 3ª Divisão - Série D – em xadrez e a Associação Peão Cavalgante/Arneirense, das Caldas da Rainha, empatou em casa com a Mata de Benfica “B”.

xadrez 1