Q

Previsão do tempo

20° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 22° C
20° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 23° C
21° C
  • Monday 24° C
  • Tuesday 24° C
  • Wednesday 25° C

Primeiro-Ministro visitou empresa da Benedita

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Primeiro-Ministro António Costa esteve no passado dia 7 na empresa Solancis, na Benedita, líder da Agenda Verde do Setor da Pedra Natural – Sustainable Stone by Portugal, agenda com um investimento total de 53.824.168,36 euros e participação de mais de 50 parceiros.
António Costa na Solancis, líder da agenda do setor da pedra natural

O Primeiro-Ministro António Costa esteve no passado dia 7 na empresa Solancis, na Benedita, líder da Agenda Verde do Setor da Pedra Natural – Sustainable Stone by Portugal, agenda com um investimento total de 53.824.168,36 euros e participação de mais de 50 parceiros.

Esta iniciativa decorre do ciclo de visitas realizadas pelo Primeiro-Ministro às agendas aprovadas no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), com o objetivo de conhecer os projetos aprovados. A comitiva contou também com a presença da Ministra da Presidência, do Secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro e do Secretário de Estado da Economia.

Com a execução dos projetos no âmbito da agenda pretende-se promover a transição digital e climática, reduzindo em 30% a emissão de gases de efeito estufa, garantir a resiliência económica do setor, com uma perspetiva de crescimento nas exportações de 10% e a criação de mil novos postos de trabalhos diretos e indiretos.

A Solancis descreveu que “o setor da pedra natural nos últimos anos tem tido um percurso notável, desde o ponto de vista da inovação nas suas aplicações quer no posicionamento internacional em projetos de alto valor acrescentado”. “A diversidade de materiais, o saber-fazer português, associados a uma tecnologia altamente avançada e uma forte cultura relacional e comercial dos seus empresários, são parte substancial dos fatores que colocam Portugal no Top 7 mundial. Em 2022, o setor teve um desempenho record nas exportações com valores próximos dos 500 milhões de euros, com uma relevância acrescida no Produto Interno pela baixa incorporação de matéria-prima importada”, referiu.

Para o Primeiro-Ministro, a Solancis “soube introduzir inovação e conhecimento”, vincando que o PRR “continua a chegar às empresas e à indústria”. “Com o PRR as empresas estão a apostar na digitalização, potenciando a sua capacidade de crescimento”, declarou.

António Costa sublinhou a importância de o país continuar focado na execução do PRR, desafiando as empresas portuguesas a “pedalar” para que o país chegue ao final do programa, em 2026, mais bem preparado “não só para enfrentar crises que o futuro” possa trazer, mas sobretudo com “mais e melhor emprego, maior rentabilidade para as empresas e uma economia mais sustentável”.

O país tem 70% das verbas do PRR aprovadas e adjudicadas, existindo “mais de 93 mil projetos em execução”.

Considerando o programa das 53 agendas mobilizadoras “particularmente desafiante”, António Costa lembrou que a verba inicial do PRR, de 930 milhões de euros, aumentou para 3.000 milhões de euros “para garantir que todos os projetos que passaram no júri e mostraram viabilidade, não deixariam de ser executados por falta de verbas”.

A Sevways, empresa da comunidade Óbidos Parque, está entre as dez tecnológicas do país que vão dar forma à agenda Sustainable Stone by Portugal. Do trabalho a desenvolver pela Sevways, em colaboração com o Politécnico de Santarém, Inov Inesc Inovação e várias empresas do setor, conta-se o desenvolvimento de soluções com vista à digitalização preditiva de matérias-primas, o desenvolvimento de um sistema de monitorização universal para a pedra, ou a cocriação da Fábrica Digital do Futuro.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Quatro pessoas assistidas em acidente aparatoso

Um acidente envolvendo dois carros na Avenida Barata Feyo, junto ao hipermercado E.Leclerc, nas Caldas da Rainha, ocorreu neste domingo de manhã, levando quatro pessoas a serem assistidas pelas equipas pré-hospitalares dos bombeiros.

despiste1

Pescadores desaparecidos estavam em embarcação naufragada

Os corpos dos três pescadores que estavam desaparecidos da embarcação que naufragou ao largo da praia do Samouco, no concelho da Marinha Grande, foram encontrados na sequência das operações de reflutuação da traineira, na manhã de dia 10 de julho, debaixo de diversas dornas (recipientes de grandes dimensões onde se coloca o peixe) no convés.

naufragio