Q

Previsão do tempo

18° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 21° C
18° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 22° C
19° C
  • Sunday 20° C
  • Monday 20° C
  • Tuesday 24° C

Associação Desportiva de Óbidos prepara-se para campeonato de voleibol

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A equipa de veteranos masculina de voleibol da Associação Desportiva de Óbidos fez o derradeiro teste, tendo em vista o primeiro jogo oficial, respeitante ao 7º. campeonato de voleibol de veteranos masculinos-distrito de Leiria, da nova época desportiva 2022/2023, que aí se avizinha a passos largos. 
A equipa de Óbidos deslocou-se a Atouguia da Baleia

A equipa de veteranos masculina de voleibol da Associação Desportiva de Óbidos fez o derradeiro teste, tendo em vista o primeiro jogo oficial, respeitante ao 7º. campeonato de voleibol de veteranos masculinos-distrito de Leiria, da nova época desportiva 2022/2023, que aí se avizinha a passos largos. 

Desta feita, a equipa de voleibol de Óbidos deslocou-se a Atouguia da Baleia (Peniche), para aí defrontar a equipa do Grupo Desportivo Atouguiense. 

Neste segundo jogo realizado pela equipa estiveram os atletas Jorge Sousa, António Rodrigues, Nuno Madrugo, João Vasconcelos, Darlinsson Marcos, Nuno Ribeiro, Mauro Canoa, Marco Jesus, Carlos Brito, Pedro Viriato e Rafael Roverso. 

A Associação Desportiva de Óbidos perdeu por 2 sets a 1, com os parciais de 23-25, 25-21 e 26-24.

Este encontro teve a duração de uma hora e deixou satisfeito o responsável pela secção de voleibol de Óbidos, Jorge Sousa, que salientou que “já se fizeram sentir pela positiva dinâmicas de jogo”, fazendo notar que os atletas ainda se estão a conhecer. 

A equipa entrou muito bem, surpreendendo os adversários, e chegou a estar a vencer pelo parcial de 12-6, contudo, sem que nada o fizesse prever, com alguma inexperiência, ansiedade e nervosismo, errou diversos passes e remates, e fez o Grupo Desportivo Atouguiense aproximar-se do marcador. 

Após um tempo de desconto, recompôs-se e conseguiu ganhar o set por 25-23. 

Em relação ao segundo set, fruto de algumas mudanças e, pelo facto de a equipa do Grupo Desportivo Atouguiense ter entrado muito forte e, por outro lado, fruto de alguma intranquilidade e por muitos serviços falhados, levou a que a dada altura fosse mais desnivelado. Só que fruto de muito espirito de entreajuda os atletas de Óbidos foram à procura do resultado, chegando aos 20-20, mas iriam perder por 21-25. 

No derradeiro set acabou por haver maior assertividade e concentração, vendendo cara a derrota, perdendo os obidenses por 24-26. 

Esta equipa irá participar no 7º. Campeonato de Voleibol de Veteranos Masculinos do Distrito de Leiria, o qual terá o seu início já no dia 4 de novembro. 

A estreia será na Marinha Grande, no Pavilhão Centro de Exposições, defrontando a equipa do Sport Operário Marinhense. 

As equipas de voleibol masculina e feminina em veteranos treinam duas vezes por semana, às quartas-feiras no Pavilhão dos Arcos e às sextas-feiras no Pavilhão Municipal de Óbidos, sempre a partir das 21h15. Os interessados em participar podem contactar o telemóvel 966483498.  

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

José Viegas com duplo título de campeão nacional de veteranos

José Viegas, que reside nas Caldas da Rainha e foi um dos melhores praticantes nacionais de ténis de mesa, tendo representado o Sporting das Caldas para além de FC Porto, Benfica, Sporting e Clube 81 Huelva de Espanha, entre outros, e foi internacional por Portugal e com inúmeros títulos nacionais, conquistou nos dias 18 e 19 de maio, na Figueira da Foz, na categoria de veteranos, o Campeonato Nacional Individual e de Pares.

viegas

Mulher reclama 600 mil euros por “casamento que deveria ter durado uma vida”

Inconformada com o divórcio, uma mulher interpôs em fevereiro deste ano uma ação contra o ex-marido no Juízo de Família e Menores das Caldas da Rainha, reclamando 600 mil euros de indemnização “referente a vinte anos de vida que perdeu de um casamento que deveria ter durado uma vida”, mas o pedido não foi avaliado porque o tribunal competente para o efeito não é a instância judicial a que recorreu a alegada lesada.

divorcio