Q

Previsão do tempo

17° C
  • Sunday 22° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 21° C
17° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 24° C
  • Tuesday 21° C
18° C
  • Sunday 26° C
  • Monday 26° C
  • Tuesday 23° C

Alberto Gonçalves quer dar “novo rumo” ao PS caldense

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Alberto Gonçalves assume a candidatura à presidência da concelhia do Partido Socialista de Caldas da Rainha, com a ideia central de “unir o partido e dar-lhe um novo rumo”.
Alberto Gonçalves critica a “total estagnação do PS de Caldas da Rainha”

Alberto Gonçalves assume a candidatura à presidência da concelhia do Partido Socialista de Caldas da Rainha, com a ideia central de “unir o partido e dar-lhe um novo rumo”.

A candidatura “3ª Via”, com o mote “Ganhando a 3ª Via, ninguém perde “, surge da “vontade de vários militantes do Partido Socialista de Caldas da Rainha, após o anúncio público de duas candidaturas, e não reconhecendo nestas a mudança nem a força de união de que o Partido Socialista das Caldas da Rainha necessita”.

“Assistimos a um casamento forçado e de conveniência e parece que as anteriormente candidaturas adversárias são agora apenas uma. Este cenário nada muda, antes pelo contrário, unidas ou em separado, significam a continuação do caminho de total estagnação do PS de Caldas da Rainha e o seu não reconhecimento na sociedade caldense”, refere Alberto Gonçalves.

Para o candidato, “o desastroso resultado do partido nas últimas eleições autárquicas, o pior de sempre, a não afirmação política do Partido Socialista, como é exemplo lamentável a questão do novo Hospital do Oeste, e a sua total ausência da vida pública caldense e até entre os próprios militantes do partido – este ano nem o 25 de abril foi sinalizado, nem sequer na página de Facebook do partido – exige mudança de rumo e seriedade ao Partido Socialista e ainda coragem aos seus militantes para efetivarem a mudança indispensável”.

Esta candidatura assenta em dois grandes pilares. O primeiro passa por “fomentar a ampla informação, discussão interna e participação, sem qualquer tipo de exceção ou exclusão”. O outro visa “descentralizar o partido, promovendo a sua abertura à sociedade, organizando e liderando o debate dos temas que mais importam aos caldenses”.

Inicia-se em outubro o ciclo eleitoral interno do partido, com as eleições para as concelhias a decorrerem no dia 7 ou 8 desse mês.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Ministra da Modernização veio acompanhar criação de região inteligente

A Comunidade Intermunicipal do Oeste recebeu na sua sede, nas Caldas da Rainha, no passado dia 20, a ministra da Juventude e Modernização, Margarida Balseiro Lopes. No centro das atenções esteve o Projeto Oeste Smart Region, num encontro que assinala mais um passo na jornada da região Oeste rumo à transição digital.

ministra