Q

Previsão do tempo

15° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 26° C
  • Monday 28° C
15° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 27° C
  • Monday 28° C
15° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C
  • Monday 30° C

Morte de bebé após cesariana de urgência sob investigação

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A morte de um bebé no hospital das Caldas da Rainha após uma cesariana de urgência vai ser alvo de um inquérito, aberto pela administração para apurar as circunstâncias em que aconteceu, na madrugada do passado dia 9, e averiguar eventuais responsabilidades médicas.

A morte de um bebé no hospital das Caldas da Rainha após uma cesariana de urgência vai ser alvo de um inquérito, aberto pela administração para apurar as circunstâncias em que aconteceu, na madrugada do passado dia 9, e averiguar eventuais responsabilidades médicas.

O caso foi também participado à Inspeção-Geral das Atividades em Saúde, instância de controlo da prestação de cuidados de saúde, que vai agora determinar se houve relação da morte com o encerramento da urgência obstétrica para admissão de novos utentes, situação que se verificava na ocasião, ou se foi um ato médico suscetível de ter o desfecho que teve.

O serviço estava na altura com “constrangimentos no preenchimento da escala médica” e, por isso, a urgência obstétrica da unidade das Caldas da Rainha do Centro Hospitalar do Oeste tinha sido “encerrada” no dia 8, após a definição de circuitos de referenciação de doentes para outros hospitais.

Foi esta a informação que a administração comunicou à Comissão de Utentes, depois de interpelada sobre a morte do bebé.

De acordo com a Comissão de Utentes, a escala médica na obstetrícia do hospital em Caldas da Rainha “estava incompleta e os administrativos tinham orientações para não inscreverem grávidas”.

Dado o avançado estado da parturiente “perdeu-se tempo em discussão sobre como se deveria proceder e a grávida acabou por ir ao bloco, a fim de se proceder a uma cesariana de urgência, tendo o bebé morrido”.

A Comissão considera a situação “gravíssima” e pretende que sejam “apuradas urgentemente todas as responsabilidades”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Despiste mortal na estrada entre a Foz e Caldas

Um homem de 63 anos morreu na sequência do despiste do carro que conduzia, ao final da manhã da passada quinta-feira na variante entre a Foz do Arelho e as Caldas da Rainha, na zona da freguesia do Nadadouro, após uma curva.

despiste 1

43 cães com ferimentos ou em condições deploráveis foram resgatados

O IRA - Intervenção e Resgate Animal divulgou que uma ação de fiscalização a um caçador, no concelho do Cadaval, culminou com a apreensão e resgate de 43 cães. Nessa operação, para além do IRA, estiveram envolvidas várias entidades, como o Gabinete Médico Veterinário Municipal, duas associações locais de proteção de animais, o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, e a GNR, que constituiu arguido o detentor dos animais, que estavam em condições deploráveis de higiene e alguns com fraturas expostas, doentes e esqueléticos.

ira0

Viatura em barracão foi consumida pelas chamas

Um barracão que servia de arrecadação de uma habitação ficou destruído na tarde da passada quarta-feira, na sequência de um incêndio em Silval, na freguesia de Turquel, em Alcobaça, que consumiu um carro que estava no interior e obrigou um casal, uma mulher de 66 anos e um homem de 69 anos, a ter de ser alojado na casa de um filho, devido aos estragos provocados.

silval