Q

Previsão do tempo

26° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 28° C
  • Saturday 26° C
26° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 29° C
  • Saturday 27° C
26° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 32° C
  • Saturday 30° C

A casa dos portugueses: o que procuram, como pagam e como vivem

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Um estudo sobre o processo de compra de casa em Portugal nos últimos três anos, procurando saber o que pensam e o que motiva os portugueses em termos de procura de casa, procura de financiamento e vivência da casa, revela que quase metade dos inquiridos (47%) recorreu a agências imobiliárias para encontrar casa, seguindo-se as pesquisas na internet (42,4%) como fonte de apoio na procura.
Estudo revela preferências e escolhas

Um estudo sobre o processo de compra de casa em Portugal nos últimos três anos, procurando saber o que pensam e o que motiva os portugueses em termos de procura de casa, procura de financiamento e vivência da casa, revela que quase metade dos inquiridos (47%) recorreu a agências imobiliárias para encontrar casa, seguindo-se as pesquisas na internet (42,4%) como fonte de apoio na procura.

Quem comprou casa nos últimos três anos? O que levou à mudança de casa? Que fatores foram mais importantes no momento de escolher uma localização e uma casa? As casas foram compradas com recurso a financiamento? Que fator foi mais importante na escolha das propostas de crédito habitação? Ou como foi a experiência da mudança de casa? Estas foram algumas das questões que a UCI, instituição financeira que resulta de uma joint-venture participada em 50% pelo grupo BNP Paribas e Banco Santander, quis ver respondidas através do estudo Casa_PT, realizado em parceria com o Centro de Estudos Aplicados da Universidade Católica Portuguesa.

Foram obtidos 2.964 inquéritos válidos, sendo 54,71% dos inquiridos mulheres.

O aumento do agregado familiar é o fator mais importante na hora de procurar nova casa, para 21,6% dos inquiridos que compraram casa há menos de três anos. As outras razões mais apontadas são a preferência por outro bairro ou localidade (18,7); mudança do estilo de vida (13,1%); fatores económicos (11,7%) e o casamento (10%).

Uma vez tomada a decisão de mudar de casa, 42% dos inquiridos que compraram casa há menos de três anos encontraram uma nova casa em menos de seis meses, e apenas 23,9% demoraram mais de um ano.

Na procura, os inquiridos privilegiaram a existência de espaços verdes (51,8%) na escolha da localização da casa, seguindo-se proximidade de comércio (31,9%) e proximidade de serviços (30,1%).

Parte significativa dos inquiridos que compraram casa nos últimos três anos escolheu a casa devido à localização (50,1%), preço (42,2%) e área (40,7%), e só 12,8% referem a eficiência energética.

Maioria pede financiamento bancário

77,5% dos inquiridos que compraram casa nos últimos três anos recorreram a financiamento bancário para comprar a casa, sendo que 85,2% consultaram o seu banco habitual. Na altura de pagar a entrada, 69,2% recorreram às suas poupanças.

63,4% destes inquiridos demoraram menos de dois meses a completar o processo de financiamento.

52,9% contrataram outros produtos bancários para melhorarem as condições de crédito habitação.

42,6% apontaram o spread como um dos indicadores decisivos na escolha da proposta de crédito habitação, apesar de ser apenas um dos custos do crédito habitação.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Vigília com “abraço” ao hospital das Caldas da Rainha

Uma vigília que terminou com um cordão humano em frente à urgência do hospital das Caldas da Rainha foi a forma encontrada pela população para exigir medidas do Governo para melhorar as condições em que trabalham os profissionais de saúde. O alerta foi feito na noite da passada sexta-feira.

vigilia2

Barco de pesca encalhou na Consolação

Um barco de pesca encalhou na madrugada desta terça-feira a sul da Consolação, ao largo de Peniche, com cinco pescadores a bordo, que conseguiram chegar a terra sem problemas numa balsa salva-vidas.

barco3