Q

Previsão do tempo

17° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 22° C
17° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 22° C
16° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 25° C
  • Monday 23° C

Sr. Orgânico, loja de produtos biológicos e ecológicos na Zona Industrial

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Sr. Orgânico inaugurou no passado dia 18 a sua primeira loja oficial no concelho do Cadaval. Esta loja, que se dedica à venda de produtos resíduo zero, como fertilizantes, protetores de culturas, repelentes, plantas aromáticas e medicinais, entre outros, está situada na Zona Industrial do Cadaval.
O presidente da Câmara Municipal com os responsáveis pela nova loja

O Sr. Orgânico inaugurou no passado dia 18 a sua primeira loja oficial no concelho do Cadaval. Esta loja, que se dedica à venda de produtos resíduo zero, como fertilizantes, protetores de culturas, repelentes, plantas aromáticas e medicinais, entre outros, está situada na Zona Industrial do Cadaval.

O novo espaço faz parte da empresa Biostasia, que iniciou a sua atividade em 2004, com intuito de dar “uma solução mais adequada às necessidades apresentadas, sem alterar o equilíbrio biológico, e ainda eficaz no combate à praga identificada”, explicou o sócio gerente do Sr. Orgânico, Carlos Gabirro.
Além de ajudar no controle de pragas e fertilização, com produtos de nanotecnologia aplicados ao setor agrícola, “sem qualquer tipo de químicos ou agroquímicos”, a Biostasia decidiu lançar em 2018 a sua própria marca, o Sr. Orgânico, com a venda de produtos biológicos e ecológicos, com resíduos zero ao consumidor final.
“O Sr. Orgânico é uma loja para o dia-a-dia do agricultor e para todos os amantes de produtos biológicos e ecológicos”, sublinhou Carlos Gabirro. Nesse sentido, a empresa apostou na abertura da primeira loja oficial da marca no país, com o objetivo de “chegar mais perto do consumidor final, e não para fazer revenda ou distribuição”.
“Sempre trabalhámos o setor profissional e revenda, mas o desafio agora era apostar pela primeira vez na abertura de uma loja física ao público final, e como tal, optámos pelo Cadaval”, explicou o sócio gerente da Sr. Orgânico, adiantando que uma das razões para escolha do local foi o facto da ajudar no combate do fogo bacteriano e outras pragas que normalmente afetam a região.
Segundo o responsável, “a nova loja é um espaço diferente para o dia-a-dia do agricultor e para todos os curiosos que queiram experimentar alguns produtos biológicos, tanto na área da proteção e nutrição das culturas, como na área da alimentação”. Como tal dedica-se à venda de produtos resíduo zero, como fertilizantes, protetores de culturas, repelentes, plantas aromáticas e medicinais, pré-plantas hortícolas, chás e infusões, café biológico, cogumelos desidratados, fruta desidratada, leguminosas, azeite, especiarias, mel e “muito mais”.
Também vende produtos para animais domésticos e explorações agrícolas, com “resíduos zero”.
A loja, que disponibiliza “tudo o que seja direcionado para o espaço exterior”, está aberta todos os dias, no lote 4 da Zona Industrial do Cadaval.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Oeste Lusitano regressa com maior presença de criadores de cavalos

O Festival Oeste Lusitano está de regresso ao Parque D. Carlos I, com um programa de 27 a 29 de maio recheado de atividades, entre as quais as tradicionais provas de obstáculos, os batismos de cela, assim como o desfile equestre, largadas de touros e ainda vai contar “a maior presença de criadores de cavalo lusitano desde o início da feira”. Esta nona edição também vai apostar na sustentabilidade, disponibilizando um QR Code que remete para o programa, evitando, assim, o gasto de papel.

oeste lusitano

Câmara frigorífica convertida em galeria de arte

O Cadaval vai ser palco do inédito evento “Arte no Frio”, iniciativa de Jaime Rodrigues com a colaboração do Município do Cadaval, que consiste num ciclo de exposições de artesanato inusitadamente montadas no interior de uma câmara frigorífica.

frigorifica

“Caça à Beata” recolheu pontas de cigarro pela cidade

Quinze voluntários participaram na manhã do passado sábado na ação cívica “Caça à Beata”, que decorreu pelas ruas da cidade. Esta iniciativa cívica, que juntou o movimento cívico #CALDASSempreLimpa e a União de Freguesias das Caldas da Rainha, Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório, recolheu em duas horas, pontas de cigarro colocadas em sete garrafões no total de 20 litros.

caca a beata