Q

Previsão do tempo

17° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 25° C
17° C
  • Saturday 24° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 25° C
18° C
  • Saturday 26° C
  • Sunday 27° C
  • Monday 28° C

Utentes do CEERDL integraram-se no SCC como apanha-bolas dos jogos

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Seis residentes nas estruturas residenciais do Centro de Educação Especial Rainha D. Leonor (CEERDL) desempenham o papel de apanha-bolas nos jogos em casa da equipa de voleibol de seniores masculinos do Sporting Clube das Caldas (SCC). “Nunca faltam a um jogo, fazem parte do grupo e vivem cada competição intensamente”, declarou o presidente do SCC, Filipe Mateus.
Roberto Santos, Francisco Carvalho, Joaquim Carvalho, Filipe Mateus (presidente do SCC), Daniel Cunha, André Penha e José Gomes e Diogo Guia (treinador da equipa)

Seis residentes nas estruturas residenciais do Centro de Educação Especial Rainha D. Leonor (CEERDL) desempenham o papel de apanha-bolas nos jogos em casa da equipa de voleibol de seniores masculinos do Sporting Clube das Caldas (SCC). “Nunca faltam a um jogo, fazem parte do grupo e vivem cada competição intensamente”, declarou o presidente do SCC, Filipe Mateus.

A iniciativa surgiu em 2021 e no meio da pandemia, onde Federação Portuguesa de Voleibol  exigia um speaker e apanha-bolas nos jogos. “Com o objetivo de aproximar o clube à sociedade e no contexto da inclusão social surgiu uma parceria com o CEERDL”, explicou o presidente do SCC.

Os seis colaboradores do CEERDL acompanham a equipa sénior masculina nos desafios em casa, dando suporte aos jogos como apanha bolas e na limpeza do campo de jogo, sempre que este fica molhado.

Antes de iniciarem o papel de apanha-bolas tiveram formação e fizeram vários treinos. “Foram bem acolhidos e estão completamente integrados e coordenados”, afirmou Filipe Mateus, acrescentando que um dos objetivos do acordo com o centro foi trazer mais pessoas a assistir aos jogos e em simultâneo promover iniciativas de cariz social.

É impossível viver nas Caldas e não gostar do SCC”

É o segundo ano que os elementos do CEERDL estão a desempenhar esta função. O JORNAL DAS CALDAS falou com Daniel Cunha no passado sábado, depois do jogo no Pavilhão Rainha D. Leonor, onde os seniores do SCC ganharam contra a equipa de Guimarães (3-2). Daniel, de 22 anos e jardineiro no CEERDL, foi o porta-voz do grupo dos seis jovens e referiu que “estamos todos a adorar a experiência”.  Admitiu conhecer mais a prática de futebol, mas com esta nova função “ficámos a conhecer melhor a modalidade de voleibol”. Depois da participação nos jogos e da relação com a equipa “é impossível viver nas Caldas da Rainha e não gostar do SCC”, salientou.

Dado o sucesso desta ação “a Federação Portuguesa de Voleibol mostrou interesse em promover esta iniciativa junto de outros clubes nacionais, valorizando assim a iniciativa do SCC e do CEERDL.

Segundo Ana Domingos, diretora do CEERDL, a parceria com SCC tem contribuído para a “integração social e capacitação destes jovens, dando visibilidade às suas capacidades e trazendo-lhes satisfação pelo seu desempenho ser reconhecido e ser útil para o clube”. 

“É um contributo para a diminuição da sua discriminação social e um exemplo de participação e responsabilidade social da comunidade caldense, que entendemos ser essencial para juntos construirmos uma sociedade mais justa e igualitária”, adiantou a responsável.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Marcha do Orgulho com mais de 300 participantes

Realizou-se nas Caldas da Rainha, no passado domingo, uma marcha em defesa da comunidade lésbica, gay, bissexual, transgénero e outras orientações de género, com mais de três centenas de manifestantes a rejeitarem serem discriminados e a reclamarem por condições que permitam assumir as suas escolhas perante a sociedade.

marcha1

Palestra sobre as transformações da família

“A família também evolui! Os diversos apoios às Famílias”, foi como se designou a palestra de sensibilização que decorreu no passado dia 23 na Biblioteca Municipal das Caldas da Rainha. O evento, moderado pela vereadora da Ação Social na Câmara das Caldas, Conceição Henriques, teve como oradoras convidadas a socióloga e investigadora Engrácia Leandro e a representante da Segurança Social do Centro Distrital de Leiria, Fátima Oliveira.

familia 1