Q

Previsão do tempo

19° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 24° C
18° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 24° C
20° C
  • Sunday 25° C
  • Monday 20° C
  • Tuesday 26° C

Funcionamento do Centro de Saúde do Bombarral criticado

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O bombarralense Diogo Pereira, vice-presidente da Distrital de Leiria do Partido Chega, criticou a “degradação dos serviços” do novo Centro de Saúde do Bombarral, apontando que “tem colocado a população com uma assistência incapacitada”.

O bombarralense Diogo Pereira, vice-presidente da Distrital de Leiria do Partido Chega, criticou a “degradação dos serviços” do novo Centro de Saúde do Bombarral, apontando que “tem colocado a população com uma assistência incapacitada”.

“A falta de médicos,  as consultas com longos meses de espera e linha telefónica de atendimento das consultas incontactável”, foram pontos focados. 

Diogo Pereira lamentou situações como “a assistência de urgências, onde num pequeno corte, os utentes para levar dois ou 3 pontos fazem deslocações as urgências do Hospital das Caldas da Rainha”.

Outros obstáculos, como “a falta de um equipamento de Suporte Básico de Vida” ou a “dificuldade de obter as receitas de medicamentos”, a carência de “um serviço de médico dentista”, levaram a este protesto.

“Basta dar uma vista de olhos no livro de reclamações, para que se perceba que a população está a ficar saturada e a ficar doente com falta de assistência”, declarou, anunciando que “uma comissão de utentes em defesa do Centro de Saúde será formada sem cor partidária para poder representar os utentes do concelho do Bombarral”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Equipa de “As Três da Manhã” na Praça da Fruta

Durante três dias, a Rádio Renascença percorreu o país fazendo emissões contra a solidão dos mais velhos. Ana Galvão, Inês Lopes Gonçalves e Joana Marques ajudaram a recolher donativos para os projetos da Cáritas direcionados à terceira idade.

tres

Registo prévio e pagamento de taxa de três euros para ir à Berlenga

A partir de 1 de junho para ir à Berlenga é necessário obter permissão de acesso à área terrestre da ilha, através de registo numa plataforma eletrónica, bem como pagar uma taxa de três euros, independente do custo da viagem, havendo algumas exceções.

berlenga