Q

Previsão do tempo

13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 15° C
13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 15° C
12° C
  • Wednesday 12° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 15° C

Suspeito de matar rapariga fica em prisão preventiva

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Ficou em prisão preventiva o jovem de 19 anos suspeito de ter assassinado a tiro uma rapariga de 18 anos junto à estação de comboios de Martingança, no concelho de Alcobaça, ao final da noite de dia 3, num ajuste de contas por dívidas relacionadas com o tráfico de droga.
A jovem foi atingida mortalmente junto à estação de comboios de Martingança

Ficou em prisão preventiva o jovem de 19 anos suspeito de ter assassinado a tiro uma rapariga de 18 anos junto à estação de comboios de Martingança, no concelho de Alcobaça, ao final da noite de dia 3, num ajuste de contas por dívidas relacionadas com o tráfico de droga.

Mário Lopes, de Alcobaça, cuja detenção foi anunciada pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria da Polícia Judiciária (PJ) no dia 5, foi ouvido no Tribunal de Leiria e recebeu nesta quinta-feira como medida de coação a sanção mais gravosa – a ordem de prisão – enquanto aguarda o desenrolar do processo judicial pela morte de Soraia Andreia, residente no Casal da Formiga, na Marinha Grande.

Sem profissão conhecida, o suspeito “terá disparado vários tiros com arma de fogo, atingindo a vítima na zona da cabeça”, revela a PJ. A vítima, encontrada no chão ferida com gravidade, ainda recebeu tratamento médico hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos. O óbito foi declarado na noite a seguir ao crime nos Hospitais da Universidade de Coimbra.

Foram desenvolvidas diligências investigatórias que conduziram “à identificação de vários intervenientes na situação, tendo-se procedido à detenção do presumível autor dos disparos fatais”, indica a PJ.

“Foram localizados e apreendidos vários objetos, nomeadamente pertences da vítima, a arma de fogo utilizada e produto estupefaciente”, acrescenta.

Soraia Andreia vendia droga fornecida por Mário Lopes e o desentendimento entre ambos começou quando a rapariga não lhe entregou dinheiro e estava em dívida. O suspeito acabou por executá-la na rua, na presença de amigos que o acompanhavam e que podem vir a ser arrolados para responder sobre o caso perante a justiça.

O funeral realiza-se nesta sexta-feira, pelas 14h30, na igreja paroquial da Marinha Grande, seguindo depois para o cemitério de Casal Galego.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Uma semana com oito mortes na região Oeste

Os dados divulgados até à manhã de 25 de fevereiro davam conta que no total, desde o início da pandemia, foram registados 847 óbitos (mais 8 em relação à semana passada) na região Oeste associados à Covid-19. O concelho de Torres Vedras era onde se verificava o...

113649 covid

Trabalhadores da ESIP em greve contra baixos salários

Uma greve por aumentos salariais e revisão do contrato coletivo de trabalho foi realizada na passada quarta-feira pelos trabalhadores de empresas do setor das conservas de peixe ao longo do país, tendo em Peniche havido uma concentração à porta da ESIP.

esip