Q

Previsão do tempo

19° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 23° C
17° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 26° C
  • Sunday 23° C
18° C
  • Friday 27° C
  • Saturday 29° C
  • Sunday 25° C

Autarcas de freguesia ajudam maioria “absoluta” do PSD na Assembleia Municipal

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O movimento Vamos Mudar conseguiu diretamente mais eleitos na Assembleia Municipal do que o PSD e o PS, as únicas forças partidárias a elegerem deputados, mas as contas alteram-se pelo facto de os presidentes de junta, por inerência de funções, também estarem na Assembleia, o que na altura de votações dará ao PSD maioria absoluta.
Votação na Assembleia Municipal das Caldas da Rainha

O movimento Vamos Mudar conseguiu diretamente mais eleitos na Assembleia Municipal do que o PSD e o PS, as únicas forças partidárias a elegerem deputados, mas as contas alteram-se pelo facto de os presidentes de junta, por inerência de funções, também estarem na Assembleia, o que na altura de votações dará ao PSD maioria absoluta.

A candidatura de Vítor Marques tem dez mandatos na Assembleia (António Curado, Maria Jesus Fernandes, Joaquim Duarte, Mara Marques, Luiz Rolim, Luís Baptista, Inês Fouto, João Gomes, Inês Alves e José Almeida). Com as duas juntas urbanas conquistadas, soma doze representantes. O PSD elegeu oito deputados (Lalanda Ribeiro, Alberto Pereira, Filomena Rodrigues, Paulo Espírito Santo, Rodrigo Amaro, Susana Costa, André Santos e Pedro Marques), mas juntando as nove freguesias ganhas ficará com dezassete elementos. O PS tem três deputados (Jaime Neto, Pedro Seixas e Vânia Almeida) e há ainda mais um representante que não está ligado a nenhum destes partidos – o Movimento Independente da Foz do Arelho, através do presidente de junta reeleito, Fernando Sousa.

Mesmo que a oposição se juntasse toda teria dezasseis votos, enquanto o PSD dezassete. Isto se estiverem todos os elementos presentes, pelo que qualquer falta poderá fazer a diferença.

Referência para o facto de CDU, Bloco de Esquerda, Caldas Mais Rainha (CDS-PP/MPT/PPM/NC) e Chega não terem voz na Assembleia.

Por definir está ainda a liderança deste órgão autárquico. O Vamos Mudar conseguiu mais deputados, mas o PSD tem mais representantes no total, pelo que o atual presidente, o social-democrata Lalanda Ribeiro poderá ser reconduzido no lugar. Mas essa definição poderá ou não merecer contestação, consoante os diálogos que agora se vão estabelecer entre as forças eleitas, o que de resto também se passa no próprio elenco camarário, onde o PS pode ser o “fiel da balança”, uma vez que o seu único vereador eleito pode fazer a diferença, pois quer o Vamos Mudar quer o PSD têm o mesmo número de elementos na Câmara – três.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Suspeito de esfaqueamento detido pela Judiciária

Um homem de 24 anos que tentou matar outro com uma faca, no ano passado em Rio Maior, foi detido no dia 24 de maio pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria da Polícia Judiciária em Ferrel, no concelho de Peniche.

pj

João Almeida com Covid-19 desiste do Giro d’Italia

A 18ª etapa do Giro d’Italia, nesta quinta-feira, fica marcada pela ausência do ciclista caldense João Almeida, que acusou positivo à Covid-19, sendo assim forçado a abandonar a prova, quando ocupava o quarto lugar, a 1 minuto e 54 segundos do líder e a 49 segundos do pódio.

almeida 3