Q

Previsão do tempo

9° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 14° C
10° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 14° C
10° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 14° C

CDU apresentou “um programa necessário e imprescindível para moldar o futuro das Caldas”

Mariana Martinho

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A CDU apresentou na passada sexta-feira “um programa urgente, necessário e imprescindível para moldar o futuro das Caldas”, que terá como propostas a defesa do turismo e do termalismo, valorizar os diversos elementos do comércio e da economia, defender o ambiente, nomeadamente continuar a luta pela classificação da Lagoa de Óbidos como área protegida, pela eletrificação da Linha do Oeste e “por um novo hospital no sul do distrito”.
O cabeça de lista, António Barros, apresentou as propostas da CDU

A apresentação do programa eleitoral da CDU, que “nas Caldas da Rainha continua a ser a terceira força política a que mais órgãos autárquicos concorre, superada apenas por PS e PSD”, decorreu junto ao edifício da União de Freguesias de Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório, contou com a participação do candidato à Câmara Municipal, António Barros.

Com “um programa urgente, necessário e imprescindível”, que tem como intuito “moldar o futuro do concelho e da história da cidade”, a CDU vai apresentar ao longo desta campanha algumas propostas que vão ao encontro dos “muitos problemas sentidos pelos trabalhadores dos Serviços Municipalizados, dos profissionais de saúde do Centro Hospitalar do Oeste e dos Centros de Saúde, dos caldenses que continuam a trabalhar numa precária zona industrial, e dos micro, pequenos e médios empresários que asseguram diariamente o comércio da cidade”.

É por isso que defende o termalismo e a integração do Hospital Termal no Serviço Nacional de Saúde, de modo “a que volte a funcionar nas condições em que outrora funcionou”, referiu o cabeça de lista da coligação formada pelo PCP e pelo Partido Ecologista “Os Verdes”. Adicionalmente, “há que dar passos seguros para incluir as Caldas na rede de cidades termais, uma condição que nos recolocaria no mapa do turismo termal”, adiantou.

Na área do urbanismo, a coligação também propõe diversas iniciativas para “colmatar o desorganizado crescimento da cidade nos últimos anos”, como tornar a cidade mais acessível a pessoas portadoras de deficiências motoras, melhorar a iluminação pública, a revisão do Plano Diretor Municipal (PDM) e a elaboração e concretização do Plano de Pormenor do Centro Histórico.

“Queremos devolver a cidade às pessoas e fazer das Caldas um concelho onde dê gosto viver”, afirmou o candidato da CDU.

Também propõe remover a central rodoviária do centro da cidade, localização essa que “atualmente tem efeitos negativos no trânsito e no ambiente”, e volta a reconhecer no seu programa a Linha Ferroviária do Oeste como “eixo estruturante para a cidade e para a região”. A par disso defende “como sempre o fizemos, a sua total eletrificação e a renovação do material circulante”.

Na área da saúde, António Barros disse que “as propostas estão de acordo com as queixas das populações”, relacionadas com o fecho das extensões de saúde nas freguesias rurais. Nesse sentido propõe a sua reabertura e a garantia de que haja médicos de família, bem como profissionais de saúde suficientes para cobrir todo o concelho.

Paralelamente pretende fazer melhorias no Centro Hospitalar do Oeste, incluindo assim “mais recursos humanos, mais infraestruturas, maior aposta na tecnologia e a criação da tão necessária Unidade de Cuidados Intensivos”. “E não nos esqueceremos de nos bater por um novo Hospital no sul do distrito”, frisou o candidato da CDU, adiantando que irá lutar pelo ambiente do concelho, “não só propondo a classificação da Lagoa de Óbidos como área protegida de âmbito regional, mas também defendendo a limpeza de lençóis de água e espaços verdes nas Caldas da Rainha”.

Também propõe terminar a rede de saneamento do concelho e alargá-la a todas as freguesias rurais e zonas circundantes da cidade, e ainda apostar no comércio tradicional, defendendo a Praça da Fruta e melhorar as condições das infraestruturas e dos toldos, a limpeza da área envolvente e a isenção de pagamento do seu espaço em dias de mau tempo. Igualmente, segundo António Barros “há que valorizar a agricultura, dinamizando a agricultura familiar e resolvendo os problemas da Barragem de Alvorninha”.

A coligação estará também “na linha da frente pela defesa da escola pública, da cultura, do associativismo e da ação social, com imprescindíveis propostas para estas áreas”. “E enquanto força indispensável do poder local, propomos igualmente a reposição das freguesias extintas contra a vontade das populações”, sublinhou o candidato, referindo que o programa eleitoral conta com propostas que encurtem as distâncias entre a cidade e as zonas rurais, e alargamento da rede do Toma, “garantindo trajetos que hoje não existem”.

“São estas, entre muitas outras, as propostas que constituem o nosso programa” frisou António Barros, adiantando que “muitas delas foram já apresentadas ao longo do último mandato e apresentadas nas eleições de há quatro anos”.

Segundo sustentou, “enquanto a realidade concelhia continuar a ser um autêntico disco riscado e as sucessivas maiorias do PSD continuarem a dar-nos música sem resolver os problemas estruturais das Caldas, as nossas propostas mantêm toda a atualidade e urgência”.

No âmbito da candidatura, a CDU irá realizar na próxima sexta-feira, pelas 21h no auditório da Biblioteca Municipal das Caldas da Rainha, uma sessão sobre o Centro Hospitalar do Oeste, que contará com a presença do candidato à Câmara Municipal, António Barros, e do membro da Comissão Nacional para as questões da saúde do PCP, João Durão Carvalho.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Associação comercial reduz pegada ecológica

A ACCCRO – Associação Empresarial das Caldas da Rainha e Oeste vai realizar no dia 3 de dezembro uma ação de sensibilização e de distribuição de árvores, para que estas sejam plantadas em locais a selecionar pelas juntas de freguesia.

dsc 0488

Almoço pedagógico

O polo de Peniche da Escola Profissional Alda Brandão de Vasconcelos realizou um almoço pedagógico no Restaurante BrisaMar, no Hotel PinhalMar Peniche, confecionado e servido pelos alunos do Curso Profissional Técnico de Cozinha/Pastelaria.

solidario

Professor caldense concorre às eleições legislativas

Carlos Ubaldo, de 57 anos, professor na Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, em Caldas da Rainha, é o nº 3 na lista do Bloco de Esquerda no distrito de Leiria nas próximas eleições legislativas, depois de ter sido o candidato à Câmara Municipal das Caldas da Rainha nas últimas eleições autárquicas.