Q

Previsão do tempo

8° C
  • Sunday 13° C
  • Monday 13° C
  • Tuesday 13° C
8° C
  • Sunday 13° C
  • Monday 13° C
  • Tuesday 14° C
8° C
  • Sunday 13° C
  • Monday 14° C
  • Tuesday 14° C

“Floresta Mágica” volta a invadir a Mata Municipal

Mariana Martinho

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
As criaturas fantásticas vão invadir a “Floresta Mágica”, entre os dias 28 de maio e 1 de junho, para comemorar o Dia da Criança e encantar todos os visitantes com a recriação de uma floresta saída diretamente de um conto de fadas. Este evento, que é dedicado ao público infantil e que vai animar pela quarta vez a Mata Municipal, após uma pausa devido à pandemia, será “completamente diferente das edições anteriores”, explicou a vereadora Patrícia Pereira.
Evento dedicado ao público infantil vai animar pela quarta vez a Mata Municipal

Especialmente pensada para divertir e criar memórias duradouras nas crianças e graúdos que ousem aventurar-se na Floresta Magica, nos dias 29 e 30 de maio os portões estarão abertos ao público em geral entre as 10h00 e as 19h00. Já nos dias 31 de maio e 1 de junho, o evento será “único e exclusivamente dedicado às visitas escolares do pré-escolar e 1º ciclo do Agrupamento de Escolas do Bombarral”, referiu a vereadora.

“Este ano, o evento não será exatamente igual às edições anteriores, em que as pessoas adquiriam um bilhete e podiam permanecer no espaço o dia inteiro”, esclareceu Patrícia Pereira, adiantando que “a iniciativa será dividida por blocos, devido à pandemia e atendendo à área útil da mata, onde só conseguimos colocar 500 entradas ao mesmo tempo no espaço”. Nesse sentido, “quem adquirir um bilhete para o período da manhã só vai poder estar no espaço até às 13h, e o mesmo acontece para o período da tarde até às 19h”.

Apesar disso, a vereadora frisou que é “com alegria que estamos a regressar a alguma normalidade, sendo o primeiro evento que vamos realizar sujeito a todo um conjunto de condições de higiene e segurança”. Além das entradas serem limitadas, também todos os equipamentos vão estar permanentemente a serem higienizados, e será obrigatório o uso de máscara a crianças a partir dos 10 anos.

Durante os quatro dias haverá animação garantida com cerca de 40 ateliês, onde as crianças e os graúdos vão poder encontrar diversas atividades. “Este ano também duplicamos o número de atividades para que mais crianças ao mesmo tempo possam ocupadas, evitando assim filas e ajuntamentos à porta das atividades”, disse a autarca, acrescentando que “tentamos ainda que o manuseamento de utensílios seja o menor possível, havendo mais do que um kit de material para as crianças usufruírem”.

Estão ainda previstos espaços para outro tipo de atividades, horas do conto, animações de rua e dois espetáculos musicais, que vão complementar esta aventura mágica, sendo o primeiro no dia 29, com “Alice no país das maravilhas”, estando o dia 30 reservado para o espetáculo “O espantalho triste”.

Há ainda um acontecimento que vai tornar mais especial esta experiência na “Floresta Mágica” e isso passa pela tradicional visita aos pirilampos, sendo “um momento mágico e icónico do evento”, frisou a vereadora. Essa atividade noturna na floresta, que sofreu “um upgrade”, será dividida por duas sessões, sendo a primeira realizada no dia 28 e a outra no dia seguinte.

“Para que mais pessoas pudessem usufruir desta atividade, este ano resolvemos realizar duas caminhadas”, relatou a vereadora, adiantando que a ação vai estar limitada a 50 pessoas.

Para apimentar ainda mais este “evento mágico onde as crianças entram e sentem-se automaticamente envolvidas pela própria mata municipal e pela cenografia do evento”, a organização desafiou todos os participantes a aparecerem caraterizados.

O evento tem o orçamento de 22 mil euros, devido ao “acréscimo enorme de custos para garantir todos os equipamentos de higienização e proteção individual, e ainda a duplicação do número de ateliês, atividades e de monitores”, disse a vereadora.

Os bilhetes, que terão o custo de três euros, podem ser adquiridos nas juntas de freguesia do município do Bombarral.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Dois médicos vão reforçar Unidade de Saúde Familiar

Foi concedido um regime de exceção para a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) contratar mais dois médicos avençados para ajudar a resolver a atual fraca resposta da Unidade de Saúde Familiar do Bombarral.

usf

Morreu na cama

Os bombeiros das Caldas da Rainha tiveram na manhã da passada sexta-feira de forçar a entrada numa habitação na aldeia do Chão da Parada para tentar socorrer uma mulher de 55 anos que vieram a encontrar deitada na cama em paragem cardiorrespiratória, na sequência de doença súbita.

Mural homenageia a mulher da Nazaré

Está a nascer um novo mural dedicado à mulher nazarena e ao seu papel em diferentes áreas na sociedade local ao longo de décadas.

mural