Q

Previsão do tempo

14° C
  • Friday 15° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 27° C
14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 23° C
  • Sunday 27° C
14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C

GNR deteta descarga ilegal de efluentes pecuários

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Caldas da Rainha da GNR detetou no dia 11 de abril uma descarga ilegal de efluentes pecuários, no Vimeiro, no concelho de Alcobaça.
Poluição no Vimeiro proveniente de exploração agropecuária

No decorrer de uma ação de patrulhamento direcionada para a prevenção e deteção de alterações às caraterísticas dos recursos hídricos, os elementos do NPA constataram a descarga proveniente de uma exploração agropecuária a escorrer livremente para o solo sem qualquer tipo de mecanismo que assegurasse a sua depuração.

No seguimento das diligências constatou-se que a descarga posteriormente introduzia-se na linha de água, num afluente do Rio Baça, através de um tubo de inox.

Desta ação resultou a elaboração de um auto de contraordenação ambiental por descarga de efluentes pecuários diretamente para o solo e para a linha de água, punível com uma coima que pode ascender aos 144 mil euros, tendo sido remetido para a Agência Portuguesa do Ambiente.

Entretanto, outra situação foi relatada por moradores e agricultores na localidade de Maiorga, no concelho de Alcobaça, que denunciaram à GNR a existência de efluentes a escorrer diretamente para o rio e para o solo, oriundos de uma manilha encoberta numa linha de água afluente do rio Alcoa.

“O caso decorre constantemente ao longo dos últimos anos e ainda na semana passada se repetiu com uma grande descarga de resíduos para o curso da água. O odor intenso, bem como a propagação de insetos, como mosquitos é extremamente desagradável, tanto para os moradores, como para os diversos agricultores da região. A quantidade de lamas que se acumulam na linha de água impossibilita neste momento o uso da mesma para rega das culturas”, queixaram-se.

“Este crime, que se repete com muita frequência, ocorre sobretudo em dias de chuva, que ajudam a ocultar as descargas neste afluente do rio Alcoa, que desagua no Atlântico, perto da Nazaré”, indicaram.

Segundo Sérgio Rocha, presidente da junta de freguesia da Maiorga, a situação deve-se a “avarias sucessivas” numa estação elevatória no Casalinho, na União das Freguesias de Coz, Alpedriz e Montes, que transporta esgotos provenientes da Zona Industrial do Casal da Areia.

“Os serviços municipalizados de Alcobaça comprometeram-se a fazer a limpeza das valas e estão a tentar resolver o problema das avarias”, disse o autarca.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Viatura em barracão foi consumida pelas chamas

Um barracão que servia de arrecadação de uma habitação ficou destruído na tarde da passada quarta-feira, na sequência de um incêndio em Silval, na freguesia de Turquel, em Alcobaça, que consumiu um carro que estava no interior e obrigou um casal, uma mulher de 66 anos e um homem de 69 anos, a ter de ser alojado na casa de um filho, devido aos estragos provocados.

silval

Incêndio destrói carro

Um carro incendiou-se na noite da passada quarta-feira junto a uma zona residencial na Nazaré. As chamas a lavrar com intensidade rapidamente consumiram a viatura, que se encontrava em cima de um passeio na Rua Branco Martins, paralela à avenida marginal da vila.

carro

Arma apreendida a homem que ameaçou companheira

Um homem de 68 anos, suspeito de ter ameaçado de morte a sua companheira, de 71 anos, para além de violência psicológica, foi detido pela GNR no concelho do Bombarral, no passado dia 26, tendo-lhe sido apreendida uma arma de fogo.

arma 1