Q

Previsão do tempo

19° C
  • Monday 21° C
  • Tuesday 25° C
  • Wednesday 27° C
20° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 26° C
  • Wednesday 27° C
20° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 28° C
  • Wednesday 30° C

Chega inaugura sede de campanha nas Caldas

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Chega dá os primeiros passos nas Caldas da Rainha, com a inauguração da sede concelhia da campanha presidencial do candidato André Ventura.
Bernardo Alonso, Luís Fernandes e Edmundo Carvalho

Militantes da região Oeste do partido Chega juntaram-se para a inauguração nas Caldas da sede de concelhia da campanha presidencial do candidato André Ventura.

A sede do Chega na cidade das Caldas é a primeira do distrito de Leiria e situa-se na Rua de Badajoz, nº7, na Cidade Nova.

Antes da sessão inaugural da sede os militantes assistiram com atenção na televisão ao debate entre Marcelo Rebelo de Sousa e André Ventura.

Em declarações à imprensa, o mandatário concelhio, Bernardo Alonso, que é natural das Caldas, disse que o partido liderado por André Ventura tem “capacidade de crescer e atrair votos na região Oeste e numa cidade sempre de direita desde o 25 de Abril”.

Bernardo Alonso pretende “desmistificar o estereótipo que se coloca no partido”. “Eu não me revejo, por exemplo em questões relacionadas com racismo e xenofobia, até pela formação que tive em casa e pela minha vivência enquanto escuteiro”, apontou.

Sociólogo em Lisboa tornou-se militante do partido porque não se revê “nesta sociedade que está a ser construída em cima do politicamente correto”. Aceitou ser mandatário “por querer fazer uma política pela positiva”.

Questionado sobre quais as ideias que encontrou no Chega, o mandatário concelhio indicou que quer “que as pessoas vivam melhor do que vivem”.

A nova sede é o “ponto de encontro e o local onde se vão estabelecer estratégias para a campanha” e espera que seja “o nosso quartel general para todas as ações que iremos fazer”.

Já têm várias ações de campanha programadas, mas dependem muito da “evolução da pandemia no concelho”.

“Temos que nos reinventar, mas o objetivo é marcar a nossa presença na cidade com a colocação de cartazes, outdoors, arruadas, ações de rua e jantar de comício”.

Quanto à presença numa dessas ações do candidato André Ventura, o mandatário concelhio disse que não pode confirmar.

Chega cria Comissão Política Concelhia

Está a ser preparada a constituição dos órgãos da Comissão Política Concelhia do Partido Chega em Caldas da Rainha. O presidente será o ex-bancário Edmundo Carvalho (aposentado).

A Comissão será apresentada depois das eleições presidenciais (dia 24 de janeiro), altura em que será anunciado o programa a nível local para as próximas eleições autárquicas.

Segundo Bernardo Alonso, o partido tem já nas Caldas cerca de 80 militantes.

Presente na sessão inaugural esteve também o mandatário distrital, Luís Fernandes.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

MVC incentiva uso de sacos de pano

Chamar a atenção para a produção e consumo excessivo de sacos de plástico, propondo-se alternativas ao uso do mesmo, levou a Associação MVC - Movimento Viver o Concelho a criar o projeto “Vai à praça? O melhor plano é usar o saco de pano”, com o intuito de estimular a utilização de sacos de pano no quotidiano.

mvc

Rui Gonçalves é candidato a presidente da distrital do Chega

Rui Gonçalves, das Caldas da Rainha, é candidato a presidente da distrital de Leiria do partido Chega, estando as eleições marcadas para 9 de julho, na sequência de irregularidades detetadas pelo Conselho de Jurisdição Nacional, no anterior ato eleitoral.

rui

Tetra Pak junta-se à ESAD.CR para projeto de reciclagem

“Giro das Embalagens” é uma campanha desenvolvida pela Tetra Pak (empresa multinacional de origem sueca, que fabrica embalagens para alimentos) em parceria com a ESAD.CR – Escola Superior de Arte e Design das Caldas da Rainha, com o objetivo de sensibilizar e envolver toda a comunidade. Pretende-se que os consumidores, criadores, marcas e indústrias reconheçam o ecoponto amarelo como o ponto de partida de um processo de transformação do desperdício em novas matérias-primas que irão moldar o futuro da produção e do consumo.

tetra