Q

Previsão do tempo

21° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 21° C
21° C
  • Sunday 21° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
21° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 20° C
  • Tuesday 23° C

Marcha em defesa da tauromaquia

24 de Junho, 2020
O Grupo de Forcados Amadores das Caldas da Rainha (GFACR), na sequência de convocação da Associação Nacional de Grupos de Forcados, vai promover no próximo sábado, pelas 10h, um encontro seguido de marcha taurina para “denunciar a perseguição política deste Governo à tauromaquia”.
O Grupo de Forcados Amadores das Caldas da Rainha promove a iniciativa

A marcha taurina será realizada em simultâneo em todas as localidades e cidades do país onde existem praças de corridas de touros e em “total respeito das recomendações da Direção-Geral da Saúde, sem palavras de ordem e de forma ordeira”, garante o GFACR.

“A cidade das Caldas da Rainha não podia deixar de aceitar o repto, considerando a sua identidade tauromáquica profundamente arreigada no sentir dos caldenses. Relembramos que a tradicional corrida do 15 de Agosto se realiza de forma consecutiva há 138 anos nas Caldas da Rainha, pese embora o primeiro registo de uma corrida de toiros datar já do dia 15 de Agosto de 1504, então na Praça Velha, em frente ao Hospital Termal, que a Rainha D. Leonor mandou edificar”, sublinha o GFACR.

Entre as 10h e as 10h30 haverá o encontro na Praça de Touros das Caldas da Rainha, seguindo-se discursos e pelas 11h30 marcha e entrega de uma carta ao presidente da Câmara “pela defesa e valorização da tauromaquia”.

Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Isabel Ricardo apresenta livros infanto-juvenis

A escritora Isabel Ricardo, com vários livros publicados para crianças, jovens e adultos, vai estar nas Caldas da Rainha, nos dias 28, 29 e 30 de outubro, a fim de apresentar os seus recentes livros: O Dragão Trapalhão, destinado a crianças entre os 6 e os 8 anos, e Os Piratas da Falésia, da coleção Os Aventureiros, dirigido a um público entre 9 e os 12 anos.

isabel

Mobiliário hospitalar renovado

Com o intuito de prestar melhores cuidados aos utentes e de proporcionar melhores condições aos profissionais, o Centro Hospitalar do Oeste (CHO) adquiriu 40 camas elétricas e 130 mesas de cabeceira e leito, traduzindo-se num investimento de 106.177,04 euros.

mobiliario