Q

Previsão do tempo

19° C
  • Saturday 26° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 23° C
19° C
  • Saturday 27° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 23° C
19° C
  • Saturday 29° C
  • Sunday 25° C
  • Monday 25° C

Mais de 50% dos caldenses optam por pacotes completos de telecomunicações

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Ao subscrever um pacote de telecomunicações, 54% dos habitantes do concelho das Caldas da Rainha, localizado no distrito de Leiria, escolhem a modalidade com tudo incluído (5P). Tanto ao nível do distrito como do país, esta tipologia não adquire tanta preponderância (15%).
Estudo do ComparaJá.pt revela que nas Caldas da Rainha a preferência vai para a Meo

Estas são algumas das conclusões do estudo do ComparaJá.pt aos utilizadores de tv-net-voz.

No distrito de Leiria, a maioria dos seus habitantes divide-se entre a modalidade 3P (que engloba três serviços) e a 4P, que apenas exclui internet móvel (com 38% de adesão a cada uma). Já em Portugal, a principal escolha vai para o 4P (40%) e, de seguida, para a tipologia 3P (38%). A única semelhança entre concelho, distrito e país verifica-se na reduzida adesão ao serviço mais simples, o 2P (com 4% de adesão em Caldas e 9% em Leiria e em Portugal).

No que diz respeito à inclusão da televisão num pacote de tv-net-voz, são mais os residentes do concelho das Caldas da Rainha que classificam esta funcionalidade como muito relevante. Neste município contabiliza-se 13%, ao passo que em Leiria e em Portugal esta funcionalidade não adquire tanta preponderância (11% e 12%, respetivamente).

Por outro lado, existem menos habitantes do concelho do que no distrito que descartam a “caixa mágica” de um serviço de telecomunicações (30% ao invés de 31%). O território nacional segue o padrão das Caldas da Rainha.

Quanto à internet, 36% dos residentes nas Caldas da Rainha consideram que esta funcionalidade é essencial na subscrição de pacote de tv-net-voz. Tanto em Leiria como em Portugal, a internet não ganha tanta importância (32%).

A tendência de maior valorização da internet por parte dos habitantes das Caldas da Rainha também se verifica. Enquanto 34% destes munícipes classificarem esta funcionalidade como tendo pouca relevância, esta opinião alastra-se a mais residentes em Leiria (35%) e em Portugal (36%).

Embora a maioria dos habitantes do concelho, distrito e país não necessitar de telefone fixo em casa, os caldenses (juntamente com os residentes em Portugal) dão menos uso a esta funcionalidade quando comparado com o distrito de Leiria. 9% do concelho dá muita importância ao telefone fixo, enquanto esta classificação é atribuída por 10% do distrito.

Todavia, são menos os habitantes das Caldas da Rainha que descartam o telefone fixo de um pacote de tv-net-voz (62%). Tanto no distrito como no país, esta desvalorização sobe para 65%.

No momento de contratar uma operadora de telecomunicações, 46% dos caldenses dão preferência à Meo, entidade que também é a mais procurada tanto no distrito de Leiria (44%) como em Portugal (38%).

A Vodafone fica em segundo lugar nas Caldas da Rainha com 20% das preferências e 24% em Leiria (posição que, aliás, partilha com a operadora Nos). No território nacional é a Nos que recebe a medalha de prata, com 33% de fãs e só depois aparece a Vodafone (20%). A Nowo, embora fique em último lugar em todas as localidades em análise, representa uma maior fatia nas Caldas da Rainha (16%) do que no distrito de Leiria (8%) e em Portugal (6%).

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

João Almeida com Covid-19 desiste do Giro d’Italia

A 18ª etapa do Giro d’Italia, nesta quinta-feira, fica marcada pela ausência do ciclista caldense João Almeida, que acusou positivo à Covid-19, sendo assim forçado a abandonar a prova, quando ocupava o quarto lugar, a 1 minuto e 54 segundos do líder e a 49 segundos do pódio.

almeida 3

Aluna caldense “Embaixadora UC à Frente” 

A caldense Beatriz Lopes, estudante do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas na Universidade de Coimbra, recebeu o prémio “UC à Frente”, atribuído pela Reitoria da Universidade de Coimbra (UC).

premio 1

Vigília com “abraço” ao hospital das Caldas da Rainha

Uma vigília que terminou com um cordão humano em frente à urgência do hospital das Caldas da Rainha foi a forma encontrada pela população para exigir medidas do Governo para melhorar as condições em que trabalham os profissionais de saúde. O alerta foi feito na noite da passada sexta-feira.

vigilia2