Q

Previsão do tempo

7° C
  • Tuesday 11° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 14° C
7° C
  • Tuesday 11° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 14° C
7° C
  • Tuesday 11° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 14° C

Papelaria Vogal há 22 anos a apostar em novos serviços

Mariana Martinho

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A Vogal Papelaria Técnica está a celebrar o seu 22º aniversário de uma forma diferente, com uma campanha promocional para os clientes, “que diariamente nos ensinam e nos enchem de alegrias e novos desafios”. Esta empresa familiar, que disponibiliza uma panóplia de produtos e materiais ligados à área escolar e às artes decorativas e plásticas, sempre teve a “preocupação de atualizar os serviços consoante a necessidade dos clientes”.
Rui Vogado e Francisco Vogado

Localizada há 22 anos na Avenida 1º de maio, a histórica papelaria sempre procurou distinguir-se das restantes da cidade, focando-se “num nicho de mercado que não tivesse que competir pelos mesmos preços e produtos”. “Aliás, essa foi sempre uma das nossas preocupações”, sublinhou Francisco Vogado, proprietário da Vogal, que conta diariamente com a colaboração da sua esposa, Margarida Vogado, e do seu filho, Rui Vogado, tendo sido ambos também responsáveis pelo nascimento do projeto.

“Ele porque gostava e estava nas artes gráficas, e a minha esposa pelo projeto de ocupação”, recordou o proprietário, adiantando que a procura constante por novos negócios que iam aparecendo associados à área das papelarias fez com que hoje a Vogal “tenha um pouco de tudo com uma certa diversidade”.

Além dos habituais jornais, revistas, postais, perfumes, jogos didáticos, serviço de entregas nacional (Vasp Expresso) e internacional (DHL), a papelaria Vogal também oferece um conjunto de outros serviços ao cliente, nomeadamente produtos e acessórios para o escritório, casa e escolares, uma variada gama de materiais para artes, entre os quais cavaletes, pincéis, tintas, óleos, acrílicas e aguarelas, ou seja, “toda uma série de acessórios que completam o cabaz dos mais exigentes artistas”, e ainda vende as principais marcas de canetas, esferográficas e lapiseiras, bem como “marcadores para os artistas, ilustradores e curiosos mais exigentes, acrescidos de uma gama muito variada de papéis e blocos para diversos fins”.

Para completar a oferta, a Vogal tem apostado numa área que “está em pleno desenvolvimento”, nomeadamente no acesso dos clientes à internet para diversos fins, e nos serviços ligados às artes gráficas, impressão, encadernação, e design. “Tem sido uma preocupação nossa atualizar os serviços consoante a necessidade dos nossos clientes”, referiu Francisco Vogado, adiantando que essa preocupação associada à diversidade de produtos e ao horário mais alargado da papelaria tem sido “uma vantagem para o negócio”.

“Acho que quando iniciamos este projeto foi sempre na perspetiva com que ia acontecer, e hoje estou muito feliz, porque já lá vão 22 anos de existência”, referiu o responsável, que atualmente também conta com “o impulso ou contributo” da sua filha Susana Vogado, ligada à área da comunicação digital.

Para Francisco Vogado, “estes 22 anos de atividade foram claramente positivos, e por isso, não podia estar mais que satisfeito”. “Que venham mais 22 anos de atividade com sucesso na Vogal”, sublinhou o responsável, que diariamente entre as 09h00 e 20h00 procura que “cada cliente volte sempre com um sorriso, exigindo novos desafios”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Vamos Mudar critica utilização da ampliação da Urgência do Hospital

O movimento cívico independente Vamos Mudar (VM), que lidera a Câmara Municipal das Caldas da Rainha, lamenta e desconhece as razões pelas quais as obras de ampliação do Serviço de Urgência do Hospital das Caldas “não estão a ser ainda amplamente aproveitadas”. O VM questiona se é por “falta de acabamentos, de equipamentos ou de recursos humanos”.

vm 2

Mercado de Santana foi palco do início de campanha do CDS com o líder

A campanha para as eleições legislativas começou para o CDS no concelho das Caldas da Rainha, mais propriamente no Mercado de Santana, em Alvorninha, no passado domingo, com a presença do líder do partido, Francisco Rodrigues dos Santos, acompanhado dos cabeças de lista por Leiria e Santarém, António Galvão Lucas e Pedro Melo, respetivamente, para além de outras figuras, como o candidato em nº4 por Leiria, Paulo Pessoa de Carvalho, que nas últimas autárquicas liderou a coligação na qual constava o CDS, que concorreu à Câmara das Caldas.

cds

Homenagem a Luís “Bicau”

A Oeste Rescue, associação de nadadores salvadores, prestou na tarde do passado sábado homenagem ao Luís Alberto, conhecido por “Bicau”, de 44 anos, que há dias foi encontrado morto nas imediações da Lagoa de Óbidos.

bicau