Q

Previsão do tempo

23° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 25° C
  • Saturday 24° C
23° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 26° C
  • Saturday 25° C
24° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 28° C
  • Saturday 27° C

Chefs em Casa” criou um serviço especial em plena pandemia do Covid-19

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Face à pandemia, “Chefs em Casa” criou serviço especial. Para além da entrega de refeições ao domicílio, leva a casa do cliente, pão, leite, produtos do supermercado e farmácia. Disponibiliza um serviço sem contacto social e com medidas adequadas de segurança e higiene.
“Chefs em Casa” entrega refeições do restaurante “Pinga & Conduto” ao domicílio

O “Chefs em Casa”, empresa das Caldas que entrega de refeições ao domicílio, criou um serviço especial em plena pandemia do Covid-19 para dar resposta a muitos caldenses.

Preocupada com os tempos que se estão a viver em Portugal, a empresa focou-se em encontrar soluções para ajudar as pessoas que não devem sair de casa.

Segundo a responsável do “Chefs em Casa”, Tatiana Henriques, “transformámos o serviço para podermos servir melhor e sermos realmente úteis à sociedade, permitindo que os nossos clientes possam continuar a ter acesso a refeições prontas, entre outras regalias que introduzimos a 17 de março”.

“Quantas mais pessoas pudermos ajudar e usufruírem dos nossos serviços serão menos pessoas nas ruas, nos supermercados, sem correrem riscos e sem prejudicarem a sua família”, salientou a empresária.

Como alguns dos restaurantes parceiros do “Chefs em Casa” estão fechados, a empresa antecipou uma parceria com o novo restaurante, “Pinga & Conduto”, situado na Cidade Nova.

“A sua especialidade é comida tipicamente portuguesa, e vão assegurar a confeção diária de sopa, prato de carne e prato de peixe para todas as nossas encomendas, estando fechados para o público em geral”, informou Tatiana Henriques.

Continua com entrega ao domicilio das iguarias do Funky Sushi.

De forma a evitar o contacto social e a a propagação do Covid-19, o “Chefs em Casa” iniciou na passada semana várias medidas de segurança e higiene. Toda a equipa de distribuição está equipada com luvas, máscaras e desinfetantes e disponibiliza um serviço sem contacto. “Os pagamentos são feitos exclusivamente por MbWay, pois o objetivo é poder deixar a encomenda à porta de casa do cliente sem qualquer interação ou proximidade”, referiu a responsável.

Na terça-feira, a empresa iniciou também a entrega de “pão, bolos e leite, a partir das 9h00 da manhã”. O pequeno-almoço resulta da parceria com a padaria Henriques e da Onibolo-Indústria de Padaria e Pastelaria.

A entrega de refeições confecionadas pelo restaurante Pinga & Conduto é a partir das 12h00 e a partir das 14h30 começam as entregas de bens de primeira necessidade e conveniência, nomeadamente compras de supermercado, farmácia, tabaco e outros itens caso estejam acessíveis, encerrando os serviços às 16h00.

O Chefes em Casa vai ainda entregar frutas e legumes das Hortícolas Xana, das 14h30 às 16h00.

A empresa fez também uma parceria com a Gaeiraoeste -carne fresca, congelados e pescado.

As entregas terão taxas diferentes consoante seja de restaurante, farmácia, supermercado ou entrega apenas de conveniência.

Foi retirado o valor mínimo de encomenda para entregas entre os 5 a 10 quilómetros para assim poder chegar a “mais pessoas”.

Devido ao elevado volume de chamadas que tem recebido, decidiu “abrir mais canais de comunicação com os clientes, para esclarecimentos e receber os seus pedidos”.

O menu semanal/diário do Pinga & Conduto será disponibilizado no site do “Chefs em Casa”, podendo a encomenda ser feita on-line. Para os restantes serviços, disponibilizam-se as redes sociais (Instagram e Facebook) e ainda o WhatsApp (917824821). Nestes pedidos, para facilitar todo o processo, “deverão indicar nome, morada, Nif e itens pretendidos”.

Tatiana Henriques disse que estão a conseguir dar resposta a todos os pedidos de uma forma eficaz, no entanto, pede “a compreensão aos nossos clientes, pois o aumento das entregas, assim como os novos procedimentos de segurança e higiene com desinfeção e trocas de luvas, estão a limitar a operação”.

Para Tatiana Henriques, é uma “altura muito crítica, que obriga a reinventarmo-nos e a pensar ainda mais em como servir a sociedade”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Escultura de homenagem à PSP deixa polícias emocionados pela ligação à comunidade

Foi inaugurada na passada sexta-feira uma escultura de homenagem à PSP na sede da Divisão Policial das Caldas da Rainha, a propósito dos 150 anos do Comando Distrital. Peça da autoria de Carlos Oliveira em parceria com a empresa MVC Portuguese Limestones, representa “um gesto de apreço pela entrega abnegada dos nossos polícias no que fazem na defesa dos que mais precisam”, considerou o superintendente, Luís Carrilho, diretor nacional da PSP, presente na cerimónia.

escultura1 1

Caldense no pódio de Miss Inteligência Artificial

Olivia C. é uma influencer portuguesa, gerada por IA (Inteligência Artificial), que ficou no pódio do primeiro concurso de beleza de IA do mundo. Natural das Caldas da Rainha, Olivia ficou em terceiro lugar. Lalina, da França, ficou em segundo e a grande vencedora foi Kenza Layli, de Marrocos. 

olivia

Menor internado em centro educativo por atear seis fogos florestais

O Tribunal da Relação de Coimbra confirmou a pena de medida tutelar educativa de internamento em centro educativo, em regime fechado, pelo período de três anos, aplicada a um menor de quinze anos pelo Juízo de Família e Menores das Caldas da Rainha, pela prática de cinco crimes de incêndio florestal e outro qualificado como incêndio florestal agravado.

menor