Q

Previsão do tempo

13° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 17° C
14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 18° C
14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 18° C
Paulo Morais em pré-campanha nas Caldas

Nós, Cidadãos! defende alternativa ao centro contra os partidos do sistema

Mariana Martinho

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O cabeça de lista do partido Nós, Cidadãos! às eleições europeias, Paulo Morais, que esteve no passado sábado na Praça da Fruta, em ação de contacto com populares, apresentou-se como uma alternativa ao centro, que luta contra a corrupção e tem preocupações ambientais.

Na ação em que apelou ao voto no dia 26, Paulo Morais acompanhado pelo número 2 da lista, o eurodeputado José Inácio Faria, insistiu na importância do combate à corrupção e no combate pela transparência na União Europeia. Relembrou que “depois de 33 anos na União Europeia, somos o quinto país menos desenvolvido, integramos o grupo dos quatro mais corruptos, escasseia a qualidade de vida, temos salários e pensões de miséria, e há ainda 2 milhões de pobres”. Face a isso, “temos de combater esta fatalidade, e a mudança pode começar já neste próximo dia 26 de maio”.

O candidato do Nós, Cidadãos! também referiu, que “não iremos permitir que os fundos europeus, que são canalizados para os vários países, e em particular para Portugal, em vez de se destinarem ao progresso, ao desenvolvimento e à melhoria da qualidade de vida dos cidadãos, sejam canalizados para alimentar um enorme carrossel de corrupção, como aconteceu em Portugal”.

Paulo Morais, entende que os partidos do sistema, ou seja, “aqueles que têm maior expressão no Parlamento, têm mostrado, eleição após eleição, que não sabem dar conta do recado”. Face a isso, é “necessário que os cidadãos tenham uma alternativa sem terem de recorrer nem à extrema-esquerda nem à extrema-direita. Os cidadãos sabem que têm na nossa candidatura, uma alternativa ao centro do espectro político, e não estão a correr atrás de extremismos”. Igualmente defende a descarbonização da economia, da reutilização, da proteção das pessoas face à indústria farmacêutica, a conexão entre o ambiente e a saúde, bem como a criação de gabinetes, que funcionaram como “uma provedoria dos cidadãos”. “Lá receberemos nós próprios as pessoas, que o facto de serem europeus lhes dá mais direitos e garantias.

No domingo, o candidato e os seus apoiantes seguiram para um encontro com cidadãos na feira semanal de Santana.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Mulher morre atropelada por carro

Um atropelamento ocorrido nesta quinta-feira, às 20h50, na reta do Alto do Veríssimo, em Atouguia da Baleia, no concelho de Peniche, provocou uma vítima mortal e um ferido grave, ambos na casa dos 60 anos.

estrada

Iluminação natalícia desaba

O mau tempo terá estado na origem da queda de postes de iluminação natalícia nas Caldas da Rainha, na noite desta quarta-feira. Um carro sofreu danos assim como os vidros de um prédio.

20221208 001341