Q

Previsão do tempo

11° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 16° C
10° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 17° C
10° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 17° C

25 abril no Cadaval evocará Júlio Fogaça

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Para celebrar os 45 anos do 25 de Abril, o Município do Cadaval promove uma jornada de atividades com ênfase na apresentação de livro sobre o cadavalense Júlio Melo Fogaça, da autoria de Adelino Cunha, com apresentação no Cadaval por João Barroso Soares. A festividade incluirá atletismo infantil, concerto de piano, inauguração de exposição fotográfica sobre o 25 de Abril e homenagem aos Combatentes do Concelho.

O livro “Júlio de Melo Fogaça” trata-se de uma publicação editada, em outubro de 2018, com chancela da Desassossego, do grupo editorial Saída de Emergência.

Júlio Fogaça tratou-se de um cadavalense, nascido em Alguber no ano de 1907 (falecido em 1980), que esteve na base da organização do Partido Comunista Português e que, de ‘74 a ‘76, viria a ser, também, presidente da Câmara Municipal do Cadaval.

Trata-se de uma obra de não ficção, da autoria de Adelino Cunha, jornalista, historiador e professor de História Contemporânea e de Jornalismo da Universidade Europeia – Laureate International Universities.

A apresentação no Cadaval, marcada para as 15h00 do dia insigne, na Biblioteca Municipal do Cadaval, estará a cargo (a par da presença do autor) de João Barroso Soares, editor literário e político português que foi presidente da Câmara Municipal de Lisboa e ministro da Cultura.

Outro ponto relevante do programa consiste na inauguração da Exposição “25 de Abril: parece que foi ontem – oito olhares, duas gerações”, mostra cedida pela SPA – Sociedade Portuguesa de Autores e estreada, por esta entidade, aquando da comemoração dos 40 anos de abril, em 2014.

A exposição reúne oito fotógrafos, dos quais quatro cobriram os acontecimentos de 1974 e outros quatro nascidos nesse mesmo ano: Rui Ochoa, Alfredo Cunha, Bruno Neves, Inácio Ludgero, Reinaldo Rodrigues, António Azevedo, António Pedro Santos e David Clifford.

A inauguração da mostra, marcada para as 15h45, na Biblioteca Municipal do Cadaval, terá apresentação a cargo de Inácio Ludgero, autor formado em escultura mas com cartaz dadas, nomeadamente, na área do fotojornalismo e da fotografia.

Ainda quanto às comemorações do 25 de Abril, o cartaz incluirá ainda, pelas 10h00, o solene Hastear da Bandeira, junto ao edifício dos Paços do Concelho, com acompanhamento musical pela banda da Associação Filarmónica e Cultural do Cadaval.

Meia hora depois, arranca o tradicional Atletismo Infantil – Prova de Velocidade, na Rua N. Senhora da Conceição (junto à Câmara Municipal), ou, no caso de o tempo não permitir, no pavilhão municipal João Corrêa (junto ao campo da feira).

Pelas 11h00, decorrerá, no auditório dos Paços do Concelho, Concerto de Piano com Laura Varges, música oriunda do concelho do Cadaval, com reportório adaptado à importante efeméride.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

La Vie prepara chegada do natal

No âmbito da campanha de natal que decorrerá até dia 23 de dezembro, o La Vie Caldas da Rainha tem um vasto programapreparado. No dia 8 de dezembro pelas 15h00, o Pai Natal vai chegar ao La Vie com o Grupo Motard São Rafael. Traz consigo váriosamigos, entre eles o...

Gaeiras reúne setenta artistas e mil presépios

De 8 a 25 de dezembro vai decorrer, no Convento de São Miguel, nas Gaeiras, a 15a Grande Exposição de Presépios. Duranteestes dias, de quinta a domingo, entre as 14 e as 19 horas, poderão ser vistos cerca de mil presépios de 70 artistas de váriospontos do país....

Venda de presépios com fins solidários

No âmbito do tema aglutinador do Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas D. João II “Ser solidário”, e de forma a desenvolver nos alunos o espírito de solidariedade, a interajuda e a cooperação, a reflexão sobre valores e a sensibilidade de olhar para os outros respeitando-os e poder contribuir para melhorar a comunidade, surgiu o projeto “Ser Solidário é DÊ.MAIS”, a envolver as turmas B e F, do 5.ºano de escolaridade, da Escola Básica D. João II das Caldas da Rainha

venda