Q

Previsão do tempo

15° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 22° C
15° C
  • Monday 18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 23° C
15° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 25° C

Árvore de natal do Nadadouro venceu concurso na Avenida

Marlene Sousa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Foi no passado dia 7 de janeiro que a ACCCRO (Associação Empresarial de Caldas da Rainha e Oeste) divulgou os vencedores da quinta edição do concurso de árvores de natal das escolas, que em 2018 bateu o recorde de participações nesta iniciativa. Aderiram ao concurso 32 escolas e estabelecimentos privados e pela primeira vez tiveram que recusar pedidos para participar no concurso. Ao todo, estiveram envolvidos mais de 4500 alunos do pré-escolar e do 1º ciclo e votaram nas suas árvores preferidas cerca de duas mil pessoas.
A vencedora do concurso foi a árvore da Escola Básica e Jardim de Infância do Nadadouro

A grande vencedora do concurso foi a árvore da Escola Básica e o Jardim de Infância do Nadadouro, do Agrupamento de Escolas Raul Proença. Este ano houve dois segundos lugares, nos quais ficaram o Jardim de Infância do Carvalhal Benfeito e o Centro Social e Paroquial de Santa Catarina.

Pela “qualidade e criatividade de todas as árvores” a organização optou por classificar todas as outras escolas participantes em quarto lugar. “Achámos que era relevante atribuir esta distinção, até porque todas as árvores estão espetaculares”, disse o presidente da ACCCRO, Paulo Agostinho, que destacou que a iniciativa envolve “professores, alunos e suas famílias”. “Este tipo de iniciativas contribui para promover o espírito natalício dentro da escola e também para chamar os pais a participar, já que estes ajudaram os filhos na recolha do material para a confeção”, adiantou Paulo Agostinho.

Pedro Raposo, vereador da Câmara das Caldas que esteve presente na entrega dos diplomas aos estabelecimentos de ensino vencedores, elogiou os trabalhos que foram feitos nas árvores. “Com copos de plástico e garrafas a decoração natalícia ganhou criatividade e sustentabilidade neste Natal 2018” disse o autarca, destacando as questões de reciclagem no sentido estético.

Pedro Raposo revelou que três árvores das escolas com decorações alusivas a peixes e ao mar vão ser expostas no mercado do peixe como forma de embelezar o espaço.

A vereadora Maria João Domingos, responsável pelo pelouro da educação, também ficou satisfeita com a criatividade dos docentes, alunos e seus pais. Destacou igualmente a sensibilização ambiental que houve com os materiais utilizados nas decorações, salientando que “é o caminho certo e um ato de cidadania e cabe a todos dar o exemplo de como se pode fazer coisas de uma forma sustentável”.

Os representantes das escolas vencedoras aproveitaram a entrega dos prémios para elogiar a iniciativa.

“Com o objetivo de tornar a cidade mais apelativa pela altura do natal, acho que este concurso é uma das iniciativas mais interessantes pois aproxima as comunidades escolares da cidade e incute às crianças algum espírito de equipa, onde a sustentabilidade está bem assente”, realçou Isabel Sousa, da direção do Agrupamento de Escolas Raul Proença.

A educadora de infância do Jardim do Carvalhal Benfeito, Ana Paula Pinho, revelou que é um estabelecimento pequeno com 16 crianças e que foram envolvidas na iniciativa as famílias dos alunos.

Helena Conceição, diretora pedagógica do Centro Social e Paroquial de Santa Catarina, comentou que a decoração da árvore teve como tema o seu projeto de educação ambiental com o objetivo de sensibilizar para a reciclagem, onde foram utilizados copos de plástico.

Para a próxima edição do concurso de Natal 2019, Helena Conceição disse que pretendem também envolver na decoração os idosos que fazem parte do centro.

A escola vencedora recebeu 100 euros e as que ficaram em segundo lugar receberam ambas 50 euros, valor oferecido pela ACCCRO e patrocinadores (gráfica Grapel, papelaria Vogal e Netcópia).

Para a escolha das árvores vencedoras também contribuiu um júri composto por elementos da ACCCRO, Câmara das Caldas e Escola Superior de Artes e Design.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Estudantes visitam Paul de Tornada

A Associação PATO recebeu duas turmas da Escola Secundária Raul Proença, que realizaram um conjunto de atividades de voluntariado, explorando a Reserva Natural do Paul de Tornada numa visita guiada, contribuíram para o nascimento de um jardim sensorial e efetuaram ainda uma monitorização ambiental na Lagoa de Óbidos com o Projeto Coastwatch, recolhendo muito lixo marinho.

pato

Jovens portugueses e finlandeses em intercâmbio

Entre os dias 1 e 8 de abril, a Associação Juvenil de Peniche foi palco de um intercâmbio sob a temática da arte e sustentabilidade. O evento recebeu a participação de doze jovens, de Portugal e Finlândia, com idades entre os 15 e os 25 anos.

intercambio

Curso Avançado de Produção de Microalgas e Cultivos Auxiliares

O MARE - Politécnico de Leiria e a Escola Superior de Turismo e Tecnologias do Mar, em Peniche, vão promover uma nova edição do Curso Avançado de Produção de Microalgas e Cultivos Auxiliares, que pretende dar a conhecer as espécies de microalgas cultivadas em laboratório, métodos de cultivo, potencialidades como recursos marinhos, sistemas de produção, e os cultivos auxiliares que beneficiam e cujo valor nutricional pode ser modelado através da alimentação com microalgas. As inscrições estão abertas até dia 27 de maio.